Tristão Garcia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde maio de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

Tristão Garcia (Porto Alegre, ? de ?) é um engenheiro brasileiro.

Exerce suas atividades profissionais na Escola de Engenharia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e se tornou referência na área esportiva desde o final dos anos 1990.

É formado em Engenharia Eletrônica - pós-graduado em Sistemas de Controle -, em Engenharia Civil - pós graduado em Estruturas - , em Engenharia Elétrica e em Direito, e vem dedicando anos de seus estudos ao futebol. Coleta dados estatísticos a fim de avaliar as chances de classificação e rebaixamento de equipes em campeonatos nacionais para jornais de todo o Brasil.

Sua primeira contribuição foi a criação da Tabela de Pontos Ganhos Corrigidos no Brasileirão 99, que permitiu aos leitores de O Globo, Jornal do Brasil, O Estado de São Paulo, Zero Hora, Gazeta do Povo, Extra e outros, acompanhar a luta para escapar do rebaixamento.

Já em meados da década de 2000, criou diversos modelos de análise matemático-computacional aplicados a diversas outras competições, tais como Copa do Mundo, eliminatórias, Libertadores da América, Campeonato Brasileiro de Futebol, campeonatos estaduais de São Paulo, Rio de Janeiro, etc.

Tristão Garcia é também tenista amador de primeira classe da Federação Gaúcha de Tênis, com diversos títulos conquistados.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Wiki letter w.svg
Este artigo é órfão, pois não contém artigos que apontem para ele.
Por favor, ajude criando ligações ou artigos relacionados a este tema.