Wild Is the Wind

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wild Is the Wind
Selvagem É o Vento (PT)
Fúria da Carne (BR)
 Estados Unidos
1957 • p&b • 114 min 
Direção George Cukor
Produção Hal B. Wallis
Roteiro Arnold Schulman
Vittorio Nino Novarese (romance)
Elenco Anna Magnani
Anthony Quinn
Anthony Franciosa
Joseph Calleia
Dolores Hart
Lili Valenty
Gênero drama
Idioma inglês
Distribuição Paramount Pictures
Página no IMDb (em inglês)

Wild Is the Wind (Fúria da Carne (título no Brasil) ou Selvagem É o Vento (título em Portugal)) é um filme estadunidense de 1957, do gênero drama, dirigido por George Cukor e estrelado por Anna Magnani e Anthony Quinn. O filme marca o retorno do diretor Cukor à Paramount Pictures depois de dezenove anos.[1] O roteiro, baseado no romance Furia, de Vittorio Nino Novarese, deriva também da produção italiana homônima (1947), de Goffredo Alessandrini.[1]

Anna Magnani, em seu segundo trabalho nos Estados Unidos (após The Rose Tatoo, de 1955), foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz, além de ter recebido o Urso de Prata do Festival de Berlim. O filme foi agraciado com diversas outras premiações.

Johnny Mathis canta a canção-título, composta por Dimitri Tiomkin e Ned Washington, também indicada ao Oscar.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gioia deixa sua Itália natal para casar-se com o cunhado, Gino, agora viúvo. Gino cria ovelhas em um rancho, no interior de Nevada, onde vivem seu irmão Alberto, a cunhada Teresa, a filha Angie e Bene, um jovem pastor basco que ele adotou. Aos poucos, Gino revela-se ignorante, rude e cruel, além de ver em Gioia apenas uma reprodução da primeira esposa. Tudo isso leva-a para os braços de Bene.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem
Anna Magnani Gioia
Anthony Quinn Gino
Anthony Franciosa Bene
Joseph Calleia Alberto
Dolores Hart Angie
Lili Valenty Teresa
James Flavin Comerciante de
Dick Ryan Padre

Principais premiações[editar | editar código-fonte]

Prêmio Categoria Situação
Oscar Melhor Atriz (Anna Magnani)
Melhor Ator (Anthony Quinn)
Melhor Canção
Indicado
Indicado
Indicado
Urso de Prata Melhor Atriz (Anna Magnani) Vencedor
Urso de Ouro Melhor Diretor Indicado
BAFTA Melhor Atriz Estrangeira Indicada
David Melhor Atriz (Anna Magnani) Vencedor
Golden Globe Melhor Filme Dramático
Melhor Atriz em Filme Dramático (Anna Magnani)
Indicado
Indicado
Golden Laurel Melhor Atuação Dramática Masculina (Anthony Quinn) Indicado

Referências

  1. a b EAMES, John Douglas, The Paramount Story, Londres: Octopus Books, 1985 (em inglês)

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

  • EAMES, John Douglas, The Paramount Story, Londres: Octopus Books, 1985 (em inglês)
  • SILVA, Divino Rodrigues da, Os Filmes da Paramount no Período de 1956 a 1959, in MATINÊ 16, Ribeirão Preto, SP: Divino Rodrigues da Silva, 1996, sem periodicidade fixa

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]