Wild Things

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wild Things
Ligações Selvagens (PT)
Garotas Selvagens (BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
1998 • cor • 120 min 
Direção John McNaughton
Produção Rodney M. Liber
Steven A. Jones
Produção executiva Kevin Bacon
Roteiro Stephen Peters
Elenco Matt Dillon
Denise Richards
Neve Campbell
Kevin Bacon
Bill Murray
Gênero Mistério
Policial
Suspense
Idioma Inglês
Música George S. Clinton
Cinematografia Jeffrey L. Kimball
Edição Elena Maganini
Estúdio Mandalay Entertainment
Distribuição Columbia Pictures
Lançamento Estados Unidos 20 de março de 1998
Portugal 18 de agosto de 1998 (premiere)
Brasil 4 de setembro de 1998 (São Paulo)
Orçamento US$20 milhões
Receita US$30,147,739 (doméstico)[1]
$55,576,699 (mundial)[2]
Cronologia
Último
Último
Wild Things 2
Próximo
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

Wild Things, também conhecido como Sex Crimes (no Brasil: Garotas Selvagens; em Portugal: Ligações Selvagens) é um filme de mistério, de suspense policial e thriller erótico americano lançado em 1998, dirigido por John McNaughton e estrelado por Matt Dillon, Neve Campbell, Denise Richards, Bill Murray e Kevin Bacon.

Uma versão "sem cortes", acrescentando sete minutos de seu tempo de execução, foi lançado em DVD em 2004 e inclui uma mudança de relacionamento de Kelly e Suzie. O filme ganhou notoriedade por apresentar várias cenas de sexo - em particular, que envolve um homem e duas mulheres ao mesmo tempo - que eram mais explícita do que normalmente é visto no mainstream, de grande liberação de orçamento de Hollywood. Ela gerou várias continuações diretamente em vídeo que foram lançados em 2004, 2005 e 2010.

O filme tem uma classificação MPAA de R, ou seja restrito, para "forte sexualidade, nudez, linguagem e violência".[3]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Kelly (Denise Richards) faz de tudo para seduzir Sam (Matt Dillon) mas não consegue. Para se vingar, ela o acusa de violentá-la. A história se complica quando outra garota, Suzie (Neve Campbell), faz a mesma acusação. Por trás das milionárias mansões de Blue Bay desenrola-se uma escandalosa trama de vingança, sexo e assassinato.[4]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

Quase todas as seqüências do ensino médio, incluindo muitas cenas de piscina, foram filmados em Ransom Everglades High School, em Coconut Grove, Flórida.

Foi rodada uma cena em que Kevin Bacon e Matt Dillon tomavam banho juntos, mas o diretor John McNaughton resolveu não inserir esta cena na edição final do filme, por considerá-la sem função na trama. Durante a preparação para gravar uma cena ocorrida perto de um rio, um dos integrantes da equipe técnica viu algo boiando na água. Ao conferir o que era, descobriu-se que era na verdade o corpo de um homem morto. A polícia local então foi chamada para retirar o corpo da água e a cena em questão foi rodada em outro dia.[5]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Embora favorável, Wild Things teve recepção mista por parte da crítica especializada. Possui tomatometer de 64% em base de 58 críticas no Rotten Tomatoes. Tem 53% de aprovação por parte da audiência, usada para calcular a recepção do público a partir de votos dos usuários do site.[6]

Referências

  1. Wild Things (em inglês) no Box Office Mojo Retrieved October 8, 2012
  2. Wild Things The Numbers. Visitado em January 4, 2012.
  3. Mathews, Jack. "Wild Things' Runs Rampant With Twists and Surprises", Los Angeles Times, March 20, 1998. Página visitada em 2010-12-25.
  4. Wild Things (em português) InterFilmes. Visitado em 9 de maio de 2014.
  5. Wild Things no AdoroCinema
  6. Wild Things (em inglês) Rotten Tomatoes. Visitado em 9 de maio de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]