Zircônia cúbica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Brilhante redondo de zirconia cúbica

Zircônia Cúbica (ou CZ) dióxido de zircónio (ZrO2) é uma gema produzida em laboratório como imitação do diamante. Encontra-se zircônia na natureza, mas cristalizada no sistema monoclínico, não cúbico, constituindo o mineral chamado baddeleyíta. A zircônia cúbica não pode ser considerada um mineral sintético porque mineral, por definição, é uma substância natural. Tampouco pode ser chamada de gema sintética, porque sintética é a gema produzida em laboratório, mas que existe também na natureza. Como ainda não se achou zircônia cúbica na natureza, ela deve ser classificada como gema artificial. A zircônia cúbica é dura, com dispersão maior que a do diamante e geralmente incolor, mas pode ser produzida numa grande variedade de cores. Não deve ser confundida com zircão, silicato de zircónio(ZrSiO4).

Devido ao seu baixo custo, durabilidade e semelhança visual ao diamante; a zircônia cúbica tem sido a imitação de diamante gemológica economicamente mais importante desde 1976. Seu principal concorrente, como gema sintética, é o mais recente material cultivado, a moissanita.

Aspectos técnicos[editar | editar código-fonte]

A zirconia cúbica é, como seu nome indica, cristalograficamente cúbica.

Referências[editar | editar código-fonte]

Zircônio

Sonda Lambda

isométrica