Área da Lapónia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
 Nota: Este artigo é sobre a região montanhosa do Norte da Suécia, Património Mundial da UNESCO. Para outros significados, veja Lapónia (desambiguação).
Área da Lapónia 

Paisagem lapã

Critérios C (iii) (v) N (vii) (viii) (ix)
Referência 774 en fr es
País Suécia
Coordenadas Norte da Escandinávia
Histórico de inscrição
Inscrição 1996

Nome usado na lista do Património Mundial

A Area da Lapónia - chamada Laponia em sueco - é uma região montanhosa e selvagem no norte da Suécia na província histórica da Lapónia, mais precisamente nas municipalidades de Arjeplog, Gällivare e Jokkmokk. Tornou-se Património Mundial da UNESCO em 1996, sendo a maior área do mundo com um modo de vida ancestral baseado na transumância do gado, neste caso, renas.

A área ocupa cerca de 9 400 km², o que a torna a maior área natural não modificada do mundo, habitada pelos lapões, composto por pastores de renas. A sua grande extensão justifica uma grande variação das características geográficas, o que implica a sua divisão em várias reservas e parques nacionais. 95% da área é protegida como parque nacional (Muddus, Sarek, Padjelanta e Stora Sjöfallet) ou reserva natural (Sjaunja e Stubba). Os restantes 5% pertencem às áreas de Sulitelma, vale de Tjuolta, e vale de Rapa.

O ponto mais alto fica em Sarektjåkkå, com 2 089 metros. É nesta região que se localiza o hotel de gelo de Jukkasjärvi, feito inteiramente de gelo e recebendo turistas do mundo inteiro. O hotel é reconstruído cada ano durante o inverno após derreter completamente no verão.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]