Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (Agapan) é uma ONG brasileira dedicada à luta em defesa do meio-ambiente.

Foi fundada em 1971, em Porto Alegre, por José Lutzenberger, Augusto Carneiro, Caio Lustosa, Alfredo Gui Ferreira e outros ambientalistas. É uma das entidades pioneiras em seu gênero no Brasil, que desde sua fundação tem desenvolvido uma série de importantes ações, entre elas a ativa participação no processo de tombamento da mata atlântica no estado, pelo que recebeu o Prêmio Muriqui,[1][2], a campanha pelo Não às construções residenciais na orla do Guaíba, a luta contra o uso indiscriminado de agrotóxicos no Brasil, pela abertura à sociedade do debate em relação aos transgênicos, seu uso e rotulagem, entre outras de caráter mais local e regional, como a proteção das árvores de Porto Alegre. Atualmente, a entidade é presidida por Francisco Milanez.[3]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]