B5 (banda)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de B5 (álbum))
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
B5
Informação geral
Origem Petrópolis,  Rio de Janeiro
País  Brasil
Gênero(s) Pop rock
Período em atividade 2002-2009
Gravadora(s) Sony Music (2002)
Warner Music (2005-2009)
Ex-integrantes Eduardo Guimarães
Bernardo Guimarães
Lucas Leite
Leonardo Lotti
Luis Felipe

B5 foi uma banda de pop rock brasileira formada em 2002 na cidade de Petrópolis, Rio de Janeiro. Influenciados por bandas dos anos 70, o grupo esteve em atividade até 2009.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A formação do B5 vem de infância, os irmãos Eduardo Guimarães (voz e guitarra), Bernardo Guimarães (bateria) e Lucas Leite (guitarra) (os dois últimos são gêmeos univitelinos), na faixa dos quinze aos dezoito anos, começaram estudar música aos quatro anos e já vinham tocando juntos, quando á seis, sentiram a necessidade de novos músicos para a turma. Em 2000 por indicação de um professor de violão conheceram Léo Lotti (voz e contrabaixo), que por sua vez, convidou o amigo Luis Felipe Bade (guitarra solo). Estava formada a banda, que inicialmente tocava covers de grupos de rock.[2]

Com a formação definida, a banda começa a fazer vários shows em festas e eventos em Petrópolis, cidade onde moram influenciados por bandas dos anos 70 até os dias atuais.

A exposição agropecuária foi o empurrão que precisavam, o B5 se apresentou em cinco edições, sendo que nas três últimas no palco principal. A exposição foi uma ótima vitrine, pois Petrópolis tem muitas bandas de rock mas poucos lugares para tocar. "Há eventos alternativos geralmente realizados na casa de alguém", diz Edu.

No ano de 2002, assinam contrato com a gravadora Sony Music e lançam seu primeiro álbum, auto-intitulado, de nome B5, onde a banda trata de temas adolescentes como escola, namoro, sexo, futebol e vídeo-game. A partir daí o trabalho toma projeção nacional e o B5 torna-se uma das bandas revelação do pop rock brasileiro. "Nesse álbum participamos da produção. É um CD mais autoral, com sete composições nossas, enquanto no primeiro eram somente duas", destaca Léo.

O álbum teve as participações de Blanch (da banda Cogumelo Plutão), Milton Guedes e Sérgio Dias (da banda Os Mutantes). O videoclipe do primeiro single, "Matemática", foi gravado no Colégio de Aplicação da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), onde a banda estudava e teve a participação da atriz Stephany Brito.[3]

Segundo trabalho do quinteto que está na faixa dos dezesseis anos. Apesar da pouca idade, os garotos vão buscar influências no rock clássico setentista, além de elementos atuais, injetando peso nas guitarras e demonstrando uma alta dose de maturidade sonora. Em 2005, o grupo lançou o seu segundo álbum, intitulado Novo. A música "Só Mais Uma Vez" esta presente na trilha sonora da novela Malhação no álbum Malhação Nacional 2005.

Em 2005, a banda abriu os shows de Simple Plan e Hanson.

A banda teve seu fim no início de 2009, apesar de que a banda já estivesse com o terceiro álbum quase pronto, os contratos que estavam para fechar acabaram não sendo fechados e após esse episódio, foi havendo um afastamento gradual, assim os integrantes foram traçando caminhos diferentes, ocasionando na separação do grupo.

Ex-integrantes[editar | editar código-fonte]

  • Eduardo Guimarães Santos Leite (1º de janeiro de 1986) - vocal e guitarra
  • Bernardo Guimarães Santos Leite (25 de julho de 1988) - bateria
  • Lucas Guimarães Santos Leite (25 de julho de 1988) - guitarra
  • Leonardo Lotti (16 de agosto de 1988) - vocal e contrabaixo
  • Luis Felipe Bade Oliveira (26 de maio de 1989) - guitarra solo

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

  • B5 (2002)
  • Novo (2005)
  • Imparcial (2008)

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Matemática"
  • "Ligo Pra Ela"
  • "3 Porquinhos"
  • "Só Mais Uma Vez"
  • "Algum Lugar"

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]