Bartolomeu do Pilar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bartolomeu do Pilar, O.Carm.
Bispo da Igreja Católica
Primeiro Bispo de Belém do Pará
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 1 de novembro de 1687
Ordenação episcopal 22 de dezembro de 1720
Dados pessoais
Nascimento PortugalIlha de São Jorge, 21 de setembro de 1667
Morte Belém do Pará, 9 de abril de 1733 (65 anos)
dados em catholic-hierarchy.org
Bispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Dom Frei Bartolomeu do Pilar de Bettencourt, O. Carm. (Vila das Velas, Ilha de São Jorge, 21 de setembro de 1667Belém do Pará, 9 de abril de 1733) foi um religioso carmelita, primeiro bispo de Belém do Pará.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu na vila de Velas, na Ilha de São Jorge, Portugal, e foi batizado na matriz dessa vila em 21 de setembro de 1667.

Vestiu o hábito dos Carmelitas da Antiga Observância no convento da Vila do Faial em 31 de outubro de 1686, aos dezenove anos, e professou naquele instituto em 1 de novembro do ano seguinte.

Formou-se depois em Teologia na Universidade de Coimbra, onde se matriculara em 21 de outubro de 1691. Em seguida, foi mandado para Pernambuco pelo padre Bartolomeu de Quental, fundador da Congregação do Oratório. Ali foi professor de Teologia e Filosofia durante doze anos.

Retornou a Portugal, para o Convento do Carmo em Lisboa, onde doutorou-se em teologia no dia 16 de março de 1702. Recebeu o grau acadêmico das mãos do cardeal Michelangelo Conti, então Núncio Apostólico em Portugal e futuro Papa Inocêncio XIII.

Foi nomeado qualificador do Tribunal do Santo Ofício a 4 de dezembro de 1704, sendo depois comissário desse mesmo tribunal em Pernambuco.

Bispo de Belém do Pará (Brasil)[editar | editar código-fonte]

Frei Bartolomeu foi apresentado à Santa Sé para ser o primeiro bispo do Pará pelo rei de Portugal Dom João V.

Foi nomeado Bispo de Belém do Pará pelo papa Clemente XI, no dia 4 de março de 1720, aos 52 anos.

Sua ordenação episcopal ocorreu no dia 22 de dezembro de 1720, pelas mãos de Dom Tomás Cardeal de Almeida, primeiro Patriarca de Lisboa, Dom João Castel Branco, Arcebispo de Lacedemonia, e de Dom Manuel Álvares da Costa, Bispo de Angra.

Tomou posse da diocese por procuração no dia 13 de julho de 1721, por meio de frei Vitoriano Pimentel. Chegou a Belém no dia 29 de agosto de 1724, fazendo sua entrada solene e inaugurando o sólio episcopal paraense no dia 21 de setembro de 1724.

Faleceu em Belém do Pará, Brasil, no dia 9 de abril de 1733, aos 65 anos. Seu corpo foi sepultado no presbitério da Catedral Metropolitana de Belém[1].

Sucessão[editar | editar código-fonte]

Dom Bartolomeu é o 1º bispo de Belém do Pará, teve como sucessor Dom Guilherme de São José António de Aranha.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • ÁVILA, João Gabriel de. Dom Frei Bartolomeu do Pilar, Bispo do Grão Pará e Maranhão e outras crónicas. Ponta Delgada: Eurosigno, 1992. 99 p.
  • GARDEL, Luis D. Les Armoiries Ecclésiastiques du Brésil (1551-1962). Rio de Janeiro, 1963.
  • PINTO, Antônio Rodrigues de Almeida. O bispado do Pará. In: Annaes da Bibliotheca e Archivo Publico do Pará. Tomo V. Belém: Instituto Lauro Sodré, 1906.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]