Big Trouble

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Big Trouble
Grande Sarilho (PT)
Grande Problema (BR)
 Estados Unidos
2002 •  cor •  85 min 
Direção Barry Sonnenfeld
Roteiro Dave Barry
Robert Ramsey
Elenco Tim Allen
Rene Russo
Ben Foster
Tom Sizemore
Dennis Farina
Janeane Garofalo
Omar Epps
Jason Lee
Johnny Knoxville
Género comédia
crime
Lançamento Brasil 9 de agosto de 2002[1]
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Big Trouble (Grande Problema (título no Brasil) ou Grande Sarilho (título em Portugal)) é um filme de comédia americano lançado em 2002 baseado no livro Big Trouble do escritor Dave Barry. Foi dirigido por Barry Sonnenfeld e tem a participação de Tim Allen, Rene Russo, Dennis Farina, Zooey Deschanel e Jason Lee. Como é característica dos livros de Dave Barry, o filme segue um grupo de pessoas atrás de uma série de eventos estranhos e engraçados em Miami.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Eliot Arnold (Tim Allen) é um colunista do jornal Miami Herald que foi recentemente despedido e passa por problemas de relacionamento com seu filho Matt (Ben Foster), que pensa que ele é um fracassado. Ele vira um publicitário e sua vida começa a mudar quando conhece Anna Herk (Rene Russo), uma atraente mulher esposa de Arthur (Stanley Tucci) e mãe de Jenny (Zooey Deschanel), colega de escola de Matt. Anna e Eliot sentem-se atraídos um pelo outro, até que suas vidas são unidas a uma misteriosa mala trazida até Miami por dois contrabandistas russos e que pode conter uma bomba nuclear dentro. Eliot, Mat, Anna e Jenny se envolvem na trama quando dois criminosos, Snake (Tom Sizemore) e Eddie (Johnny Knoxville) roubam a mala dos contrabandistas russos, achando ser algo de grande valor, e pretendem fugir do país com ela sequestrando Jenny.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Tim Allen como Eliot Arnold – Um homem divorciado, despedido de seu trabalho como jornalista no Miami Herald e agora dono de uma agencia de publicidade. Seu filho Matt pensa que ele é um fracassado.
  • Rene Russo como Anna Herk – Mãe devotada de Jenny e esposa de Arthur. Ela fica imediatamente atraída por Eliot quando o conhece.
  • Stanley Tucci como Arthur Herk – Um homem rude, marido de Anna, marcado para morrer por roubar da empresa em que trabalha.
  • Ben Foster como Matt Arnold – Filho de Eliot.
  • Zooey Deschanel como Jenny Herk – Filha de Anna e colega de escola de Matt.
  • Tom Sizemore e Johnny Knoxville como Snake Dupree e Eddie Leadbetter – Dois ex-detentos atrapalhados.
  • Dennis Farina e Jack Kehler como Henry Desalvo e Leonard Ferroni – Dois assassinos profissionais contratados para matar Arthur Herk.
  • Janeane Garofalo como Policial Monica Romero – Uma policial competente.
  • Patrick Warburton como Policial Walter Kramitz – Um policial incompetente e parceiro de trabalho de Monica.
  • Heavy D e Omar Epps como Agentes Especiais Pat Greer e Alan Seitz – Dois agentes do FBI determinados em recuperar a mala contrabandeada.
  • Jason Lee como Puggy – Um mendigo que ama o salgadinho Fritos e Nina.
  • Sofía Vergara como Nina – Empregada domestica na casa dos Herks. Ela se apaixona por Puggy, ao inicialmente confundi-lo com Jesus.

Recepção e controvérsia[editar | editar código-fonte]

Big Trouble era para ter sido laçado originalmente no dia 21 de setembro de 2001. Os Ataques de 11 de setembro de 2001 naquele ano trouxeram um incomodo aos produtores do filme, visto que em uma cena do filme aparece uma bomba dentro de um avião. Consequentemente o filme foi adiado para abril de 2002, tendo sua campanha publicitaria diminuída significantemente. Big Trouble estreou de forma quase imperceptível nos cinemas americanos, tendo análises opostas e sendo quase ignorado pelo público em geral, se tornando assim um fracasso de bilheteria. O filme teve uma bilheteria de apenas $3.545.204 em sua semana de estreia e uma arrecadação total de $7.262.288 milhões de dólares nos Estados Unidos contra um orçamento de $40.000.000 milhões de dólares.[2]

Baseado em 112 análises no site Rotten Tomatoes, ele possui um saldo positivo de 48%.[3]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]