Chocolate amargo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Chocolate amargo suíço.

Chocolate amargo (também chamado de chocolate negro[1][2] ou puro[3]) é um tipo de chocolate feito com os grãos de cacau torrados sem adição de leite, e algumas versões permitem a sua utilização como base para sobremesas, bolos e bolachas. Deve-se usar um mínimo de 35% de cacau, segundo as normas europeias. Tem como característica possuir pouco açúcar.[3] É rico em triptofano.[4]

Efeitos na saúde[editar | editar código-fonte]

Uma pesquisa italiana publicada no periódico científico Journal of Nutrition em 2008, afirma que o chocolate amargo pode reduzir problemas relacionados à pressão arterial em curto prazo, devido ao estímulo da produção de óxido nítrico proporcionado pelos flavonoides presente no chocolate.[5][6]

Em 2017, uma revisão sistemática da literatura existente encontrou evidências moderadas de que chocolate amargo ou produtos com cacau - ricos em flavonóis - causam um pequeno (2 mmHg) efeito de redução na pressão arterial em adultos saudáveis.[7]

Notas e referências

  1. «Dez toneladas de chocolate a saborear de forma extravagante». www.dn.pt. Consultado em 9 de maio de 2021 
  2. «Bombons, tabletes, trufas e outros doces (ou não) mistérios». www.dn.pt. Consultado em 9 de maio de 2021 
  3. a b CHEUNG, Theresa. Melhor Do Que Sexo - O Prazer Do Chocolate Na Sua Vida. São Paulo: Pensamento, 2006
  4. «Controle o estresse com ajuda da alimentação; saiba como». iG. Consultado em 1 de maio de 2017 
  5. «Chocolate amargo reduz pressão em 15 dias, diz estudo». G1. Globo. Consultado em 30 de dezembro de 2009 
  6. Grassi, Davide; Desideri, Giovambattista; Necozione, Stefano; Lippi, Cristina; Casale, Raffaele; Properzi, Giuliana; Blumberg, Jeffrey B.; Ferri, Claudio (1 de setembro de 2008). «Blood Pressure Is Reduced and Insulin Sensitivity Increased in Glucose-Intolerant, Hypertensive Subjects after 15 Days of Consuming High-Polyphenol Dark Chocolate». The Journal of Nutrition (9): 1671–1676. ISSN 0022-3166. doi:10.1093/jn/138.9.1671. Consultado em 26 de agosto de 2021 
  7. Ried, Karin; Fakler, Peter; Stocks, Nigel P (25 de abril de 2017). «Effect of cocoa on blood pressure». Cochrane Database of Systematic Reviews. ISSN 1465-1858. PMC PMC6478304Acessível livremente Verifique |pmc= (ajuda). PMID 28439881. doi:10.1002/14651858.cd008893.pub3. Consultado em 26 de agosto de 2021 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]