Cirque du Freak: The Vampire's Assistant

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cirque du Freak: The Vampire's Assistant
Circo dos Horrores - O Aprendiz de Vampiro (BR)
 Estados Unidos
2009 •  cor •  119 min 
Direção Paul Weitz
Produção Lauren Shuler Donner
Paul Weitz
Ewan Leslie
Andrew Miano
Roteiro Paul Weitz
Brian Helgeland
Elenco John C. Reilly
Ken Watanabe
Josh Hutcherson
Chris Massoglia
Ray Stevenson
Patrick Fugit
Orlando Jones
Willem Dafoe
Salma Hayek
Música Stephen Trask
Cinematografia J. Michael Muro
Edição Leslie Jones
Companhia(s) produtora(s) Relativity Media
The Donners' Company
Depth of Field
Distribuição Universal Pictures
Lançamento Estados Unidos 23 de Outubro de 2009
Idioma Inglês
Orçamento US$ 40 milhões[1]
Receita US$ 39.232.113[1]
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Cirque du Freak: The Vampire's Assistant (br: Circo dos Horrores - O Aprendiz de Vampiro) é um filme baseado no livro de mesmo nome, lançado em 2009.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O filme narra o conto "assustador" de um menino que inconscientemente rompe uma trégua entre duas facções de vampiros. Puxado em uma fantástica vida de incompreendidos shows de Aberrações grotescas com criaturas da noite, um adolescente vai desaparecer a partir da segurança de uma existência aborrecida e cumprir o seu destino em um local extraído dos pesadelos.

Com 16 anos de idade, Darren (Chris Massoglia) era como a maioria das crianças em seu bairro suburbano, tirava boas notas pois sua mesada dependia disso e sempre obedecia os pais, ele sai com seu melhor amigo Steve (Lucas, na tradução brasileira do livro) (Josh Hutcherson). Mas quando ele e seu amigo caem em um freak show itinerante, as coisas começam a mudar dentro de Darren. Steve trava em torno após o show e confronta um Dialogo sobre ser um vampiro, então pede para ser transformado em um vampiro. Larten Crepsley(John C. Reilly) sabe que seu sangue é ruim e recusa trensformá-lo. Pouco depois, Darren, obcecadado por aranhas, rouba do vampiro a sua aranha de estimaçao, Madame Octa. Após Madame Octa morder Lucas e paralisá-lo, Darren vai depois falar com o dono da aranha, determinado a encontrar um antídoto para o seu melhor amigo. Ele concorda só em dar o antídoto em troca de uma coisa. Esse é o momento em que um vampiro chamado Larten Crepsley transforma-o em algo sanguinário, um meio-vampiro, o seu assistente. E ele fica um tempo aprendendo sobre vampiros, mas ele se recusa a beber sangue.

Ele junta-se ao Cirque Du Freak, uma digressão com monstruosas criaturas artistas, e faz um amigo, EVRA - o menino-cobra, (Patrick Fugit) e um lobisomem (Tom Woodruff Jr.) uma mulher com barba, Truska, (Salma Hayek) e um gigantesco apresentador, Sr.Altão (Ken Watanabe). Como Darren flexiona seus poderes recém descoberta neste mundo escuro, ele se torna uma atração importante entre os vampiros e os seus homólogos mortíferos, os Vampixietas. Embora tentando sobreviver, Darren deve lutar para manter a sua sede de devorar o que resta da sua humanidade

Personagens[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Betsy Sharkey, do Los Angeles Times disse que "Infelizmente, Weitz não consegue entender o que o filme deve ser, apesar de juntar-se ao talentoso Brian Helgeland no roteiro." Peter Hartlaub, do San Francisco Chronicle disse que "os cineastas tiveram dificuldade em adaptar os livros de Darren Shan, fez o filme com muito tempo e, em seguida, cortou indiscriminadamente no último minuto. Algumas cenas importantes são cortadas abruptamente, e outras parecem estar completamente ausentes." Tom Huddlestone, do Tine Out disse que há "tantos personagens que alguns mal se inscrevem, enquanto outros - como o nosso herói adolescente - são apenas desagradáveis. É muito enérgico (...)"[2]

Jason Anderson, do Toronto Star escreveu que o longa "não pode decidir se é um filme de fantasia fervorosa ou uma comédia de horror peculiar, ou se é para crianças ou adultos." Stephen Whitty, do Newark Star-Ledger o descreveu como sem "senso de magia ou diversão; Os personagens nunca parecem ter nada em jogo. É apenas um monte de computação gráfica (...)" James Berardinelli, em sua resenha para o ReelViews disse que a narrativa não tem começo, meio e fim. Rene Rodriguez, do Miami Herald comentou que é um "exemplo de livro-texto de como tentar agradar a todos [e] acaba não agradando ninguém, (...) é um monstro de Frankenstein de um filme, [com] todos os pontos e costuras e partes díspares." Roger Ebert, do Chicago Sun-Times" chamou de "uma bagunça. O filme é filmado através de curiosos desconectados. Muitas vezes, dentro de uma única sequência de eventos, não saberemos onde estamos ou como eles estão relacionados no espaço ou no tempo."[2]

Aaron Hillis, do Village Voice comentou que o "filme sofre com a mesma esquizofrenia tonal da outra garota gótica (...), 'Jennifer's Body: (...) Assustador ou engraçado? (...) não é nenhum. (...) [É] uma fórmula perfeita - 'Twilight' encontra 'X-Men' e 'Harry Potter' - mas o resultado na tela não é a soma de suas partes." Peter Debruge, do Variety disse que é bem filmado, mas mal editado (...) mostra todos os sinais de ser retrabalhado no esquecimento, com fios narrativos sem fim e personagens que desaparecem de seu conjunto esparramado e pesado (incluindo Salma Hayek, Patrick Fugit, Willem Dafoe e meia dúzia de outros). Weitz claramente tomou mais do que ele pode lidar aqui, e a atenção ressaltada ao caráter evidente em 'About a Boy' e 'In Good Company' é a primeira coisa a sofrer."[2]

Referências

  1. a b «Cirque du Freak: The Vampire's Assistant». Box Office Mojo. Consultado em 23 de junho de 2011 
  2. a b c «Cirque du Freak: The Vampire's Assistant (Top Critics)». Rotten Tomtoes (em inglês). Consultado em 17 de janeiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Como gerenciar a visibilidade desta predefinição

  • Use {{Cirque du Freak: The Vampire's Assistant|estado=collapsed}} para mostrar esta predefinição no seu estado recolhido (escondido).
  • Use {{Cirque du Freak: The Vampire's Assistant|estado=expanded}} para mostrar esta predefinição no seu estado expandido (totalmente visível).
  • Use {{Cirque du Freak: The Vampire's Assistant|estado=autocollapse}} para mostrar esta predefinição no seu estado recolhido (escondido) apenas se existir outra predefinição do mesmo tipo na página. (Este é o padrão normalmente.)
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.