Cristóvão Soares de Melo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Cristóvão Soares de Melo (? - 1584) foi um administrador colonial português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era neto de Estêvão Soares de Melo, Veador de El-Rei D. Afonso V de Portugal (Manuel José da Costa Felgueiras Gaio, Nobiliário das Famílias de Portugal, tt.° Barbas § 1 N 9).

Exerceu o cargo de 18.° Corregedor de Cabo Verde, entre 1577 e 1579, tendo sido antecedido por António Velho Tinoco e sucedido por Diogo Dias Magro. [1][2][3]

Entre 1578 e 1579 houve um ataque de Corsários Ingleses à Ribeira Grande, na Ilha de Santiago.

Casou com Violante Fernandes Coutinho, com geração.

Referências

  1. Rulers.org - Cabo Verde
  2. worldstatesmen.org - Cape Verde
  3. African States and Rulers, John Stewart, McFarland

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Precedido por
António Velho Tinoco
Corregedor de Cabo Verde
15771579
Sucedido por
Diogo Dias Magro