Dambê

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Dangbê)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Templo das pítons em Uidá, no Benim

Dambê[1] (em fom: Da(n)gbe) é um vodum oriundo do Reino de Uidá, no atual Benim, representado como a serpente bondosa. Com a conquista do reino pelo arroçu Agajá (r. 1708–1732/40) do Reino do Daomé, seu culto gradualmente se difundiu pelo Daomé. Em Uidá, em particular, ainda há um modesto templo das pítons em sua honra.[2] No candomblé queto, foi sincretizado com .[3]

Referências

  1. Castro 2001, p. 217.
  2. Verner 1999, p. 503.
  3. Prandi 1991, p. 128.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Castro, Yeda Pessoa de (2001). Falares africanos na Bahia: um vocabulário afro-brasileiro. Rio de Janeiro: Academia Brasileira de Letras 
  • Prandi, J. Reginaldo (1991). Os candomblés de São Paulo: a velha magia na metrópole nova. São Paulo: Hucitec 
  • Verner, Pierre Fotumbi (1999). Notas sobre o culto aos orixás e voduns na Bahia de Todos os Santos, no Brasil, e na antiga costa dos escravos, na África. São Paulo: EdUSP