Driver: Parallel Lines

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Driver: Parallel Lines
A capa original da Atari para todas as regiões. As versões PAL da Ubisoft usam uma capa completamente diferente.
Produtora(s) Atari (PS2, Xbox), Ubisoft (Wii, PC)
Editora(s) Electronic Arts (América do Sul)
Plataforma(s) Playstation 2, Xbox, Wii e PC
Data(s) de lançamento 14 de março de 2006
Gênero(s) Ação, Tiro em terceira pessoa
Número de jogadores Singleplayer
Classificação Inadequado para menores de 16 anos i DEJUS (Brasil)
Inadequado para menores de 17 anos i ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 18 anos i PEGI (Europa)
Média CD Rom
Requisitos mínimos Pentium 4 3.4 GHz, 512 MB RAM, placa gráfica 128 MB (GeForce 5200 ou superior), 4.8 GB de armazenamento no disco rígido, Windows XP/Vista/7.
Controles Mouse e teclado ou joystick

Driver: Parallel Lines é o quarto jogo da série Driver. O jogo foi lançado em 14 de março de 2006 para o Xbox e Playstation 2 pela Atari. Depois de um ano, o jogo foi támbem lançado para o Wii e PC, em 26 de junho de 2007, pela Ubisoft.[1]

História[editar | editar código-fonte]

O jogo se passa na mais realistica Nova Iorque já feita por algum jogo e começa aos 18 anos de "TK" (The Kid), um hábil motorista, que trabalha como um condutor de comparsas criminosos da cidade. Na sequência do rapto e assassinato de um proeminente traficante de drogas colombiano, TK é enganado e culpado como assassino e enviado para a prisão de Sing-Sing por 28 anos. Enquanto ficou em Sing-Sing, TK fez planos para matar cada um dos homens que ajudaram a traí-lo. Quando ele é libertado em 2006 (tendo agora 46 anos), ele expõe a matar seus antigos colaboradores, principalmente Corrigan que agora é o chefe do departamento policial, de Nova York. TK é auxiliado pelo seu amigo de infância, Ray, e a filha do traficante colombiano, Maria, que foi morto por Corrigan na última missão do ano de 1978.

Características[editar | editar código-fonte]

  • Mais de 30 missões diferentes.
  • Uma experiência interativa, de cinema, como uma produção de alta qualidade.
  • Uma estrutura de missões livre em torno de um enredo central.
  • Um controle mais preciso do personagem, com melhoramentos importantes nas seções em que o se vai a pé.
  • Maior variedade nas armas que enfatizam os efeitos especiais.
  • Inúmeras missões secundárias.
  • Mais de 260 km de cidade completamente foto-realista e detalhada.
  • Área de jogo extremamente vasta, que inclui interiores sem telas de carregamento.
  • Um "mundo vivo", envolvente, extremamente real.
  • 80 veículos controláveis, incluindo carros, motos e caminhões, todos eles reproduzindo estritamente os autênticos.
  • Possibilidades de personalizar os veículos, com melhoramentos e alterações do aspecto dos mesmos.
  • Incrível sistema de danos com grande detalhes dos mesmos, somente superado por DRIV3R, até à data de lançamento do jogo.
  • Possibilidade de disparar armas enquanto se conduzem veículos ou motos.
  • Um avançado sistema de perseguições.

Personagens e vozes de atores[editar | editar código-fonte]

  • TK (The Kid): Ele é do Oeste, mas lá é muito aborrecido para ele. Tem 18 anos com um senso de humor que só o põe em fria e um sorriso irônico que o tira das encrencas. Sabe que tem o mundo inteiro para ele. Assim que consegue uma grana, o primeiro lugar que vai visitar é Nova Iorque. É o único sítio onde quer estar, o único lugar onde sua ambição pode extravasar: É o lugar onde planeja fazer dinheiro usando a única coisa na qual ele é muito bom - dirigir. Dublador: Brian Bloom
  • Ray: Ídolo e herói de TK. Foi Ray quem ensinou TK a dirigir, em sua casa, na fazenda. Era o Ray - o bonitão e charmoso Ray - que tinha as garotas no . Ray é cinco anos mais velho que TK e veio para Nova York assim que conseguiu o dinheiro da gasolina para ir montar uma oficina em Queens, fachada para um desmanche. Dublador: Brian Bloom
  • Slink: Tranquilo e desinibido, ele vive nas festas, é o centro das atenções, conta todas as histórias e faz todo mundo rir. Slink sempre foi bom em fornecer tudo que seus clientes querem - mulheres, bebidas, um bom som - mas também tem habilidade para encontrar outras coisas: armas, explosivos e carros. Dublador: Geoff Brown
  • O Méxicano: Grandalhão em todos os sentidos. Ele adora a vida, as festas, garotas, bebidas, drogas, armas, motos, carros e alta adrenalina. Quer ser o centro das atenções - bem onde acontece a ação. Cansado do trivial, ele vê Nova Iorque como o lugar para dar o grande bote e entrar na onda da grana das drogas. Dublador: Carlos Ferro
  • Bishop: Sério, profissional, ganancioso e esperto - um solitário que não confia em mais ninguém além dele. Após três turnos no Vietname, voltou para casa com novas atitudes a respeito da sua mente e corpo. Bishop é uma cara que alimenta uma ambição bem controlada, além de uma paixão por matar e destruir. Dublador: Rodney Saulsberry
  • Candy: Ele é o melhor planejador em atividade. Obcecado por detalhes. Ele trabalha dia e noite observando os dados, os momento], as pessoas certas, as medidas e as distâncias. Ele pensa em tudo. Com Candy, você tem do melhor, mas também do pior - fora o mau cheiro dele, Candy nunca para de resmungar.Dublador: Michael Cornacchia
  • Corrigan: O líder da gangue, com a presença de comando de quem sabe que está destinado para as grandes coisas. Calmo, otimista, confiante e charmoso - as pessoas se abrem naturalmente com o Corrigan. Ele tem um sorriso largo que irradia confiança, mas por trás desses sorriso é um homem sem moral e impiedoso. Dublador: Ian Gregory


Armas[editar | editar código-fonte]

1978 Nome Verdadeiro
Revolver .38 Special
44h .44 Magnum
Service 9 Uzi Submachine gun
L1 15 M 16
Shotgun Remington 870
Grenade Launcher M79 Grenade launcher
2006 Nome Verdadeiro
Pistol Beretta 9mm
Gangster Desert Eagle
F70 FN P90
SP 20 HK MP7
AUST PUP Steyr AUG
Shotgun06 P45 10 gauge
RPG XM320
Blaine Minigun

Veículos[editar | editar código-fonte]

O jogo tem mais de 80 veículos, dentre motos, carros de passeio, esportivos, caminhões - inclusive carretas com semi-reboque como visto em DRIV3R, guinchos, pick-ups, vans, ambulância, caminhão de bombeiros e até tratores. Ambas eras tem diferentes estilos de veículos, embora alguns dos automóveis de 1978 apareçam em 2006, e os automóveis de 2006 possam aparecer em 1978 utilizando o código para liberar todos os automóveis. Embora baseados em automóveis reais, todos veículos no jogo são fictícios. Em Driver Parallel Lines existe a capacidade de personalizar, ou modificar seu veículo. Cada veículo pode ser alterado na garagem de Ray. Alterações incluem, embora sejam pré-definidas, incremento na potência do motor, nitro, vidro à prova de bala , película escura, regulagem de freios e suspensão, pintura personalizada e ajuste de downforce. Um test-drive está disponível para experimentar as alterações dos veículos e fazer qualquer ajuste necessário, podendo rebaixar o veículo, melhorar os freios e distribuição de peso. As pinturas personalizadas vêm seguidas de body kits, que incluem parachoque dianteiro e traseiro, saias laterais, e podem incluir aerofólio e mudanças no visual do motor (também pré-definidos) quando instaladas.

Referências

  1. «Driver Skids to Wii - Wii News at IGN». wii.ign.com. Consultado em 24 de maio de 2012. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Driver: Parallel Lines


Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.