Eleitorado de Hesse

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



Kurfürstentum Hessen
Eleitorado de Hesse

Estado do Sacro Império Romano-Germânico
Estado da Confederação Germânica

Wappen-HK (1736-1804).svg
 
Flag of the Kingdom of Westphalia.svg
1803–1807
1814–1866
Flag of the Kingdom of Westphalia.svg
 
Flagge Preußen - Provinz Hessen-Nassau.svg
Flag Brasão
Bandeira Brasão de armas
Localização de Hesse
Hesse em 1866
Continente Europa
Região Europa central
País Alemanha
Capital Cassel
Língua oficial Alemão
Religião Calvinismo
Governo Monarquia absoluta
Eleitor
 • 1803–1821 Guilherme I
 • 1821–1847 Guilherme II
 • 1847–1866 Frederico Guilherme
Período histórico Século XIX
 • 1803 Elevação a eleitorado
 • 1807 Anexado pelo Reino de Vestfália
 • 1814 Restabelecimento
 • 1866 Anexado pela Prússia
Área
 • 1864 9 581 km2
População
 • 1864 est. 745 063 
Moeda Táler (1803–1858)
Vereinsthaler (1858–1866)

O Eleitorado de Hesse foi um estado germânico elevado em 1803 do Condado de Hesse-Cassel por Napoleão Bonaparte. Quando o Sacro Império Romano-Germânico foi abolido em 1806, o príncipe-eleitor escolheu permanecer como eleitor mesmo sem um imperador para ser eleito.

Com os Tratados de Tilsit de 1807 a área foi anexada pelo Reino de Vestfália, porém o Congresso de Viena o restaurou em 1814, sob seu nome original.

Hesse consistia em vários territórios ao norte de Frankfurt e durou até 1866 com o nome de eleitorado dentro da Confederação Germânica, sendo depois anexada pelo Reino da Prússia após a Guerra Austro-Prussiana.

Ícone de esboço Este artigo sobre Estado extinto, integrado ao Projeto Estados Extintos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.