Floresta tropical e subtropical húmida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Floresta equatorial)
Ir para: navegação, pesquisa

O bioma floresta tropical e subtropical húmida é um tipo de ecossistema que ocorre aproximadamente dentro da região compreendida entre a latitude de 28 graus norte e a latitude de 28 graus sul – em outras palavras, na zona equatorial entre o Trópico de Câncer e o Trópico de Capricórnio. Este ecossistema experimenta altas temperaturas médias e uma quantidade significativa de chuva. As florestas tropicais podem ser encontrados na Ásia, Austrália, África, América do Sul, América Central, México e em muitas ilhas do Pacífico, Caribe e Oceano Índico.[1]

Dentro da classificação de biomas da World Wildlife Fund, as florestas tropicaias e subtropicais húmidas são consideradas ​​como um tipo de bioma tropical (que inclui também categorias de savanas e campos).[2] A floresta tropical é encontrada nos trópicos, a região em que o Sol fica a pino duas vezes por ano, no solstício de verão.[3]

Tipos[editar | editar código-fonte]

O conceito de floresta tropical (ou subtropical) é aproximado, embora não sinônimo, ao de floresta equatorial – o primeiro usa como descritor um tipo de clima (clima tropical), enquanto o segundo usa como referência um subtipo deste mesmo clima (clima equatorial).

Dentre os tipos de floresta tropical, pode-se citar a floresta tropical pluvial (ou húmida) e a floresta tropical estacional (sempre-verde, semidecídua ou decídua).

Definição[editar | editar código-fonte]

A região do Rio Madre de Dios, no Peru, é parte da floresta tropical amazônica

As florestas tropicais podem ser caracterizadas em duas palavras: quente e húmida. A temperatura média mensal é superior a 18 °C durante todos os meses do ano.[4] A precipitação pluviométrica média anual é de pelo menos 168 centímetros e pode ultrapassar mil centímetros apesar de que, normalmente, situa-se entre 175 e 200 centímetros.[5]

As florestas tropicais apresentam altos níveis de biodiversidade. Cerca de 40% a 75% de todas as espécies bióticas são espécies nativas das florestas tropicais.[6] As florestas tropicais são o lar de metade de todas as espécies de animais e plantas que vivem no planeta.[7] Dois terços de todas as plantas floridas podem ser encontradas nas florestas tropicais.[5] Um único hectare de floresta tropical pode conter 42 mil espécies diferentes de insetos, até 807 árvores de 313 espécies e 1 500 espécies de plantas superiores.[5] As florestas tropicais têm sido chamadas de "a maior farmácia do mundo", porque mais de um quarto dos medicamentos naturais foi descoberto dentro delas.[8]

Uma das principais características da floresta tropical é a biodiversidade vegetal e animal. Em torno de 60% de todas as espécies do planeta se encontram neste ecossistema. A temperatura e a umidade variam muito de acordo com a altura no interior da floresta. Em geral, as áreas mais próximas da copa são mais secas e iluminadas, enquanto aquelas mais próximas do solo são mais úmidas e escuras.[9]

Na floresta amazônica, em dez mil metros quadrados, encontram-se cerca de 100 espécies de árvores, além de epífitas e cipós. A altura média das árvores gira em torno de 55 metros e a quantidade de espécies de insetos e animais ainda é desconhecida.

Em caso de desmatamento, a perda é imensa, pois a biodiversidade é tão localizada e variável que, ao se fazer uma queimada, podem ser destruídas espécies que jamais foram conhecidas ou catalogadas. A floresta atlântica é uma floresta tropical plena associada ao ecossistema costeiro de manguezal nas enseadas e foz de grandes rios, baías e lagunas.

Características[editar | editar código-fonte]

Flora[editar | editar código-fonte]

Sobre as árvores de grande e médio porte, como o pau-brasil, jacarandá, peroba, jequitibá-rosa, desenvolvem-se plantas epífitas, como bromélias, begônias, orquídeas, cipós e briófitas. Uma das principais características da floresta tropical é a biodiversidade vegetal e animal. Em torno de 60% de todas as espécies do planeta se encontram neste ecossistema.

Fauna[editar | editar código-fonte]

O Brasil possui espécies típicas, como o mico-leão-dourado, a onça-pintada, bicho-preguiça, a capivara etc.

Clima[editar | editar código-fonte]

A temperatura média anual é sempre em torno de 20°C, a pluviosidade anual é de aproximadamente 1 200 milímetros.

Ocupação humana[editar | editar código-fonte]

O uso de plantas para se produzir remédios, matérias-primas para a produção de vestimentas, corantes, essências de perfumes, insumos para a indústria alimentícia, assim como o corte de árvores feitos de maneira incorreta, e a caça trazem prejuízos para esse bioma.

Exemplos de florestas tropicais[editar | editar código-fonte]

América Central e América do Sul[editar | editar código-fonte]

África[editar | editar código-fonte]

  • Floresta Ituri
  • Floresta de Kilum-Ijim
  • Florestas da planície de Madagascar

Ásia[editar | editar código-fonte]

  • Floresta de Harapan

Australásia e Oceania[editar | editar código-fonte]

  • Floresta de Daintree
  • Floresta tropical do Havaí

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Guidi, Graziele Kaminski. «Floresta Tropical». InfoEscola. Consultado em 15 de julho de 2013 
  2. Olson, David M.; Dinerstein, Eric; Wikramanayake, Eric D.; Burgess, Neil D.; Powell, George V. N.; Underwood, Emma C.; d'Amico, Jennifer A. (2001). «Terrestrial Ecoregions of the World: A New Map of Life on Earth» (PDF). BioScience (em inglês). 51 (11): 933–938. doi:10.1641/0006-3568(2001)051[0933:TEOTWA]2.0.CO;2. Consultado em 15 de julho de 2013 
  3. Julio Seabra Inglez Souza. Enciclopédia agrícola brasileira: S-Z. EdUSP; 1995. ISBN 978-85-314-0987-5. p. 306.
  4. Woodward, Susan. Tropical broadleaf Evergreen Forest: The rainforest. Retrieved on 14 March 2009.
  5. a b c Newman, Arnold (2002). Tropical Rainforest: Our Most Valuable and Endangered Habitat With a Blueprint for Its Survival Into the Third Millennium 2 ed. [S.l.]: Checkmark. ISBN 0816039739 
  6. «Rainforests.net – Variables and Math». Consultado em 4 de janeiro de 2009 
  7. Os regentes da Universidade do Michigan, http://www.globalchange.umich.edu/globalchange1/current/lectures/kling/rainforest/rainforest.html The Tropical Rain Forest.]
  8. Rainforests. Animalcorner.co.uk
  9. Harper, Colin R. Townsend | Michael Begon | John L. (1 de janeiro de 2009). Fundamentos em Ecologia. [S.l.]: Artmed Editora. ISBN 9788536321684 
Ícone de esboço Este artigo sobre ambiente é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.