Francisca Josefa de Bragança

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Dona Francisca Josefa
Infanta de Portugal
Casa Bragança
Nome completo Francisca Josefa Maria Xavier de Bragança
Nascimento 30 de janeiro de 1699
  Lisboa, Portugal
Morte 15 de julho de 1736 (37 anos)
  Lisboa, Portugal
Enterro Panteão dos Braganças, no Mosteiro de São Vicente de Fora
Pai D. Pedro II de Portugal
Mãe D. Maria Sofia Isabel de Neuburgo

A infanta D. Francisca Josefa de Bragança[1] (Lisboa, 30 de Janeiro de 1699 - Lisboa, 15 de Julho de 1736), cujo nome completo de desconhece, foi a oitava e última filha a nascer do casamento de Pedro II de Portugal e Maria Sofia de Neuburgo.

Batizada em 24 de fevereiro na Capela Real dos Paços da Ribeira pelo Capelão-Mor D. Luís de Sousa, o primeiro Duque de Cadaval D. Nuno Álvares Pereira de Melo, a carregou nos braços, sendo padrinho mas ausente «o augustissimo Imperador José I, naquele tempo Rei dos Romanos, da Hungria e Boêmia».

Foi uma dama da Ordem da Cruz Estrelada, tendo recebido a distinção a 3 de maio de 1709, sendo a Grã-Mestra da Ordem a sua tia, a Imperatriz Leonor Madalena.[2]

Não se casou nem teve filhos. Está sepultada no Panteão dos Braganças, no Mosteiro de São Vicente de Fora.

Referências

  1. «Francisca Josefa of Portugal de Bragança». Consultado em 19 July 2010. Cópia arquivada em 7 April 2014  Parâmetro desconhecido |url-status= ignorado (ajuda); Verifique data em: |acessodata=, |arquivodata= (ajuda)
  2. Raggi, Giuseppina (2019). «The Lost Opportunity: Two Projects of Filippo Juvarra Concerning Royal Theaters and the Marriage Policy between the Courts of Turin and Lisbon (1719-1722)». Music in Art: International Journal for Music Iconography. 44 (1–2): 119–137. ISSN 1522-7464 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.