Gerry Marsden

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Gerry Marsden
Nascimento Gerard Marsden
24 de setembro de 1942
Toxteth
Morte 3 de janeiro de 2021
Arrowe Park Hospital
Cidadania Reino Unido
Ocupação cantor, autor-compositor, ator de teatro, cantautor, guitarrista, ator de televisãoguitarra, voz
Prêmios
  • Membro da Ordem do Império Britânico (2003)
Página oficial
http://www.gerryandthepacemakers.co.uk/

Gerard Marsden MBE (24 de setembro de 19423 de janeiro de 2021) foi um cantor e compositor inglês, músico e personalidade da televisão, mais conhecido por ser o líder da banda Merseybeat Gerry and the Pacemakers. Ele era o irmão mais novo do outro membro da banda Freddie Marsden.

Gerry e os Pacemakers foram o segundo grupo de Liverpool mais bem-sucedido, depois dos Beatles, a ter sucessos nas paradas pop dos Estados Unidos. Seu filme musical de 1965 Ferry Cross the Mersey foi co-escrito por Tony Warren.

Início da vida[editar | editar código-fonte]

Marsden nasceu em 8 Menzies Street, Toxteth, Liverpool,[1] filho de Frederick Marsden e Mary McAlindin. Seu interesse pela música começou desde muito jovem. Ele se lembrava de estar no topo de um abrigo antiaéreo cantando "Ragtime Cowboy Joe" e recebendo uma ótima recepção dos curiosos.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Gerry e os Pacemakers foram formados em 1959;[3] eles foram o segundo grupo assinado por Brian Epstein, o primeiro sendo os Beatles, e permaneceram entre seus artistas favoritos.[2] Seu primeiro single foi "How Do You Do It?" de 1963, recomendado por George Martin depois de ter sido inicialmente dado aos Beatles. Este foi o primeiro hit número um dos Pacemakers. Foi gravado no Abbey Road Studios e lançado pelo selo Columbia da EMI.[4]

O segundo número um do grupo foi "I Like It", seguido por "You Never Walk Alone", ambos lançados no final de 1963. Outros singles incluem "It's Gonna Be Alright", "I'm the One", "Don't Let the Sun Catch You Crying" e "Ferry Cross the Mersey", todos lançados em 1964.[4] Um filme musical Ferry Cross the Mersey, considerado sua versão de A Hard Day's Night dos Beatles, foi co-escrito pelo criador e escritor de Coronation Street Tony Warren, e foi lançado em 1965.[5]

Os Pacemakers se separaram em outubro de 1966.[3] Depois de deixar o grupo, Marsden manteve uma carreira discreta na televisão,[4] e estrelou o musical do West End Charlie Girl ao lado de Derek Nimmo e Anna Neagle.[6]

Vida pessoal e morte[editar | editar código-fonte]

Marsden tinha um irmão mais velho, Freddie, que co-fundou e tocou bateria em Gerry and the Pacemakers e morreu em 2006.[7]

Em 1965, Marsden se casou com Pauline Behan, e eles tiveram duas filhas, Yvette e Victoria.[5]

Em setembro de 2003, Marsden passou por uma cirurgia cardíaca de revascularização tripla no Broad Green Hospital, em Liverpool.[8] Ele fez uma segunda operação cardíaca em 2016 e anunciou sua aposentadoria em novembro de 2018.[5]

Marsden morreu em 3 de janeiro de 2021 no Hospital Arrowe Park em Merseyside, após ser diagnosticado com uma infecção no sangue no coração. Ele tinha 78 anos.[9][10]

Prêmios e honrarias[editar | editar código-fonte]

Em 2003, por seu suporte às vítimas do desastre de Hillsborough, Marsden foi eleito Membro da Ordem do Império Britânico (MBE).[5][11]

Em 2009, recebeu o título de cidadão honorário de Liverpool.[5][12][13]

Em 2010, Marsden tornou-se membro honorário da Liverpool John Moores University.[14]

Discografia solo[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

  • A Tribute to Lennon & McCartney (Dominion, 1995)[18]
  • One 2 One (Pulse Records, 1999)[19]
  • Much Missed Man: Tribute to John Lennon (Ozit, 2001)[18]

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Este artigo foi inicialmente traduzido, total ou parcialmente, do artigo da Wikipédia em inglês cujo título é «Gerry Marsden».

Referências

  1. «Gerry Marsden – The Florrie Archive» (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2021 
  2. a b «Gerry Marsden MBE». Liverpool John Moores University (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2021 
  3. a b «Biography by Richie Unterberger». Allmusic.com. Consultado em 4 de março de 2009 
  4. a b c «Gerry & the Pacemakers». AllMusic (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2021 
  5. a b c d e f Sweeting, Adam (3 de janeiro de 2021). «Gerry Marsden obituary». The Guardian (em inglês). ISSN 0261-3077. Consultado em 3 de janeiro de 2021 
  6. «Charlie Girl». East Surrey Operatic Society. Consultado em 3 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 7 de novembro de 2007 
  7. «Freddie Marsden». AllMusic (em inglês). Consultado em 4 de janeiro de 2021 
  8. «Gerry Marsden Has Triple Heart Bypass Op». NME (em inglês). 15 de setembro de 2003. Consultado em 3 de janeiro de 2021 
  9. «Musician Gerry Marsden dies aged 78». The Independent. 3 de janeiro de 2021 
  10. Robertson, Chris (3 de janeiro de 2021). «Gerry And The Pacemakers star Gerry Marsden who sang You'll Never Walk Alone dies aged 78». Sky News. Consultado em 3 de janeiro de 2021 
  11. «Liverpool FC anthem singer Gerry Marsden dies aged 78». BBC News (em inglês). 3 de janeiro de 2021. Consultado em 5 de janeiro de 2021 
  12. «Gerry Marsden to receive Freedom of Liverpool». The Telegraph. Consultado em 5 de janeiro de 2021 
  13. Mitchell McCluskey. «Gerry Marsden, lead singer of Gerry and the Pacemakers, dies at 78». CNN. Consultado em 5 de janeiro de 2021 
  14. «Honorary Fellows Index». Liverpool John Moores University. Consultado em 5 de janeiro de 2021 
  15. a b c d e f g h i j k l «Gerry Marsden Discography - UK - 45cat». www.45cat.com 
  16. «ferry cross the mersey | full Official Chart History | Official Charts Company». www.officialcharts.com 
  17. «Paul McCartney guests on Hillsborough charity single with Robbie Williams». the Guardian 
  18. a b «Gerry Marsden». AllMusic (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2021 
  19. «Gerry Marsden - One 2 One». Discogs (em inglês). Consultado em 5 de janeiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]