Giro d'Italia de 2013

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Giro d'Italia de 2013
Dados
País  Itália
Edição 96.ª
Data 4 a 21 de maio
Etapas 21
Distância 3405 km
Partida Nápoles
Chegada Brescia
Nº Equipas 23
Vencedores
Jersey pink.svgVencedor Itália Vincenzo Nibali (Astana)
Jersey blue.svgPrémio Montanha Itália Stefano Pirazzi (Bardiani Valvole-CSF Inox)
Jersey red.svgPrémio Pontos Reino Unido Mark Cavendish (Omega Pharma-Quick Step)
Jersey white.svgJuventude Colômbia Carlos Betencour (Ag2r-La Mondiale)
Equipas Movistar Team
Edições

Giro d'Italia 2013 foi a nonagésima sexta edição da prova ciclística Giro d'Italia (Corsa Rosa). A prova foi composta por 21 etapas e deu início em Nápoles a 4 de maio e terminou em Brescia no dia 21. O vencedor da prova foi Vincenzo Nibali da equipe Astana.[1]

Equipes[editar | editar código-fonte]

Sendo uma corrida da UCI World Tour, o Giro estava acordado a convidar todas as equipes na primeira divisão —as equipes ProTour —e essas acordadas a participar. No iniçio da época, existiam, em anos recentes, dezoito equipes ProTour, e os dirigentes da corrida, emitiram quatro convites wildcard para preencherem a cota normal de vinte e duas equipes para o evento.[2] Mesmo assim, tiveram sucesso na sua reclamação de perda de estatuto de ProTour da equipe Team Katusha para o Tribunal Arbitral do Desporto e a UCI decidiu contra negar a entrada de uma das outras equipes;[3] resultando que participaram 23 equipes no Giro, tal como por especial dispensa em 2011. As equipes que participaram foram:

*: Equipes Profissional Continental convidadas a este evento.

Favoritos na pré-corrida[editar | editar código-fonte]

O vencedor do Giro de 2012 Ryder Hesjedal, e Bradley Wiggins, vencedor do Tour de France 2012 e Vincenzo Nibali estavam entre os favoritos à vitória final . Outros candidatos possíveis incluído Michele Scarponi, Cadel Evans, Robert Gesink e Samuel Sánchez.[4][5]

Rota e etapas[editar | editar código-fonte]

O Giro chega ao destino final Brescia

Em 30 de setembro de 2012, a rota completa foi anunciada em Milão. Pela primeira vez desde 2008, as primeiras etapas da corrida (oito no total) teriam lugar no sul da Itália [6] A ilha de Ischia também sediou uma etapa pela primeira vez em 54 anos.[7]

Em 2013, a corrida fez uma homenagem às vítimas do desastre de 1963 na Barragem de Vajont, mas também ao compositor Giuseppe Verdi (na etapa 13 e depois na etapa 9) e ao famoso ciclista e triplo vencedor do Giro Gino Bartali. Houve especulação antes da corrida que alguns trechos do percurso também poderiam ser relevantes para candidatos do campeonatos do mundo desse ano em Florença.[8][9]

Em uma revogação de uma mudança de regra da corrida de 2012, todas as etapas iniciadas em massa começariam novamente a ser concedidos bônus de tempo para os três primeiros corredores de 20 segundos, de 12 segundos e de 8 segundos, respectivamente. Em 2012, as etapas classificadas de alta montanha não atribuíam bônus de tempo. Este Giro também foi a primeiro a apresentar dois sprints intermédios por etapa de estrada, em vez de apenas um. Esses sprints atribuíam pontos para a classificação de pontos de bônus e segundos na classificação geral.[10]

Etapa Data Percurso Distância (km) Tipo de terreno Vencedor
1 4 maio Nápoles 130 km (81 mi) Plano  Mark Cavendish (GBR)
2 5 maio Ísquia - Forio 17,4 km (11 mi) History.gif CR Equipes Team Sky
3 6 maio Sorrento - Marina di Ascea 222 km (138 mi) Intermediário  Luca Paolini (ITA)
4 7 maio Policastro Bussentino - Serra San Bruno 246 km (153 mi) Intermediário  Enrico Battaglin (ITA)
5 8 maio Cosenza - Matera 203 km (126 mi) Plano  John Degenkolb (GER)
6 9 maio Mola di Bari - Margherita di Savoia 169 km (105 mi) Plano  Mark Cavendish (GBR)
7 10 maio San Salvo - Pescara 177 km (110 mi) Intermediário  Adam Hansen (AUS)
8[11] 11 maio Gabicce Mare - Saltara 54,8 km (34 mi) History.gif CR Individual  Alex Dowsett (GBR)
9 12 maio Sansepolcro - Florença 170 km (106 mi) Intermediário  Maxim Belkov (RUS)
13 maio Descanso
10[12] 14 maio Cordenons - Altopiano del Montasio 167 km (104 mi) Mountainstage.svg Montanha  Rigoberto Urán (COL)
11 15 maio Cave del Predil - Erto e Casso 182 km (113 mi) Intermediário  Ramūnas Navardauskas (LTU)
12 16 maio Longarone - Treviso 134 km (83 mi) Plano  Mark Cavendish (GBR)
13 17 maio Busseto - Cherasco 254 km (158 mi) Plano  Mark Cavendish (GBR)
14 18 maio Cervere - Bardonecchia 180 km (112 mi) Mountainstage.svg Montanha  Mauro Santambrogio (ITA)
15 19 maio Cesana Torinese - Col du Galibier Valloire 149 km (93 mi) Mountainstage.svg Montanha  Giovanni Visconti (ITA)
20 maio Descanso
16 21 maio Valloire - Ivrea 238 km (148 mi) Intermediário  Beñat Intxausti (ESP)
17 22 maio Caravaggio - Vicenza 214 km (133 mi) Plano  Giovanni Visconti (ITA)
18 23 maio Mori - Polsa 20,6 km (13 mi) History.gif CR Individual  Vincenzo Nibali (ITA)
19 24 maio Ponte di Legno - Martello 139 km (86 mi) Mountainstage.svg Montanha Etapa Cancelada
20 25 maio Schlanders - Tre Cime di Lavaredo 203 km (126 mi) Mountainstage.svg Montanha  Vincenzo Nibali (ITA)
21 26 maio Riese Pio X - Brescia 197 km (122 mi) Plano  Mark Cavendish (GBR)

Referências

  1. Brown, Gregor (30 de setembro de 2012). «Giro d'Italia 2013 route presented». Cycling Weekly (em inglês). IPC Media. Consultado em 10 de maio de 2013 
  2. Farrand, Stephen (8 de janeiro de 2013). «Bardiani, Colombia and Fantini Vini secure Giro d'Italia wild card invitations». Cyclingnews.com. Future plc. Consultado em 19 de fevereiro de 2013 
  3. «UCI confirma 19 equipes WorldTour para 2013». Cyclingnews.com. Future plc. 18 de fevereiro de 2013. Consultado em 19 de fevereiro de 2013 
  4. Barry, Ryan (29 de abril de 2013). «Giro D' Italia 2013: os principais concorrentes». Cyclingnews.com (em inglês). futuro plc. Consultado em 29 de abril de 2013 
  5. «The Favorites: Wiggins, Nibali top list of Giro contenders in 2013». VeloNews (em inglês). Competitor Group, Inc. 5 de maio de 2013. Consultado em 10 de maio de 2013 
  6. Brown, Gregor (30 de setembro de 2012). «Giro d ' Italia 2013 rota Weekly» (em inglês). IPC mídia 
  7. Davis, Justin (5 maio de 2013). «Equipe Sky ganha ContraRelógio de equipes no Giro d'Italia de 2013, entrega camiseta rosa a Salvatore Puccio». VeloNews (em inglês). Competitor Group, Inc. Agence France-Presse. Consultado em 6 Maio de 2013 
  8. «Ecco il Giro d'Italia! Crono, sprint e cime storiche» (em italiano). corriere.it. Consultado em 30 setembro 2012 
  9. «Giro d'Italia 2013 presentato a Milano Si parte a Napoli, l'arrivo a Brescia» (em italiano). Il Messaggero. Consultado em 30 de setembro de 2012 
  10. «Time bonuses are back in 2013». La Gazzetta dello Sport (em inglês). RCS MediaGroup. 20 de novembro de 2012. Consultado em 4 de maio de 2013 
  11. «Ciclismo,tappa Gabicce-Saltara Giro 2013» (em italiano). ansa.it. Consultado em 30 de Setembro de 2012 
  12. «Giro d'Italia 2013: la tappa Cordenons – Montasio» (em Italian). udine20.it. Consultado em 30 de setembro de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Giro d'Italia de 2013