Grande Prêmio da Argentina de 1974

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grande Prêmio da Argentina
de Fórmula 1 de 1974
Autódromo Oscar y Juan Gálvez Circuito N° 9 xT.svg
11º GP da Argentina realizado na capital do país
Detalhes da corrida
Data 13 de janeiro de 1974
Nome oficial XI Gran Premio de la Republica Argentina
Local Autódromo Oscar Alfredo Gálvez, Buenos Aires, Argentina
Total 53 voltas / 316.304 km
Condições do tempo Quente, ensolarado
Pole
Piloto
Suécia Ronnie Peterson Lotus-Ford
Tempo 1:50.78
Volta mais rápida
Piloto
Suíça Clay Regazzoni Ferrari
Tempo 1:52.10 (na volta 38[1])
Pódio
Primeiro
Nova Zelândia Denny Hulme McLaren-Ford
Segundo
Áustria Niki Lauda Ferrari
Terceiro
Suíça Clay Regazzoni Ferrari

Resultados do Grande Prêmio da Argentina de Fórmula 1 realizado em Buenos Aires à 13 de janeiro de 1974. Primeira etapa da temporada, nele o neozelandês Denny Hulme conquistou a última vitória de sua carreira.[2][3][4][nota 1]

Classificação da prova[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 6 Nova Zelândia Denny Hulme McLaren-Ford 53 1:41:02.01[1] 10 9
2 12 Áustria Niki Lauda Ferrari 53 + 9.27 8 6
3 11 Suíça Clay Regazzoni Ferrari 53 + 20.41 2 4
4 33 Reino Unido Mike Hailwood McLaren-Ford 53 + 31.79 9 3
5 14 França Jean-Pierre Beltoise BRM 53 + 51.84 14 2
6 4 França Patrick Depailler Tyrrell-Ford 53 + 1:52.48 15 1
7 7 Argentina Carlos Reutemann Brabham-Ford 52 Pane seca 6
8 10 Nova Zelândia Howden Ganley March-Ford 52 Pane seca 19
9 15 França Henri Pescarolo BRM 52 + 1 volta 21
10 5 Brasil Emerson Fittipaldi McLaren-Ford 52 + 1 volta 3
11 27 Reino Unido Guy Edwards Lola-Ford 51 + 2 voltas 25
12 28 Reino Unido John Watson Brabham-Ford 49 + 4 voltas 20
13 1 Suécia Ronnie Peterson Lotus-Ford 48 + 5 voltas 1
Ret 26 Reino Unido Graham Hill Lola-Ford 45 Motor 17
Ret 2 Bélgica Jacky Ickx Lotus-Ford 36 Embreagem 7
Ret 8 Reino Unido Richard Robarts Brabham-Ford 36 Câmbio 22
Ret 9 Alemanha Hans-Joachim Stuck March-Ford 31 Embreagem 23
Ret 37 França François Migault BRM 31 Vazamento d’água 24
Ret 3 África do Sul Jody Scheckter Tyrrell-Ford 25 Motor 12
Ret 18 Brasil José Carlos Pace Surtees-Ford 21 Suspensão 11
Ret 20 Itália Arturo Merzario Iso-Marlboro-Ford 19 Superaquecimento 13
Ret 24 Reino Unido James Hunt March-Ford 11 Superaquecimento 5
Ret 19 Alemanha Jochen Mass Surtees-Ford 10 Motor 18
Ret 16 Estados Unidos Peter Revson Shadow-Ford 1 Acidente 4
Ret 17 França Jean-Pierre Jarier Shadow-Ford 0 Acidente 16
DNS 22 Liechtenstein Rikky von Opel Ensign-Ford Handling 26

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas. Em 1974 os pilotos computariam sete resultados nas oito primeiras corridas do ano e seis nas últimas sete. Neste ponto esclarecemos: na tabela dos construtores figurava somente o melhor colocado dentre os carros do mesmo time.

Notas

  1. Voltas na liderança: Ronnie Peterson 2 voltas (1-2), Carlos Reutemann 49 voltas (3-51), Denny Hulme 2 voltas (52-53).

Referências

  1. a b Lang, Mike (1983). Grand Prix! Vol 3. [S.l.]: Haynes Publishing Group. p. 19. ISBN 0-85429-380-9 
  2. «1974 Argentine Grand Prix - race result». Consultado em 1º de janeiro de 2019 
  3. Maria Helena à distância só torceu contra a Lotus (online). Jornal do Brasil, Rio de Janeiro (RJ), 14/01/1974. Primeiro caderno, Esporte, p. 17. Página visitada em 1º de janeiro de 2019.
  4. Reutemann pára (sic) sem gasolina e Hulme ganha o GP (online). Jornal do Brasil, Rio de Janeiro (RJ), 14/01/1974. Primeiro caderno, Esporte, p. 20. Página visitada em 1º de janeiro de 2019.
Precedido por
Grande Prêmio dos Estados Unidos de 1973
Campeonato mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 1974
Sucedido por
Grande Prêmio do Brasil de 1974
Precedido por
Grande Prêmio da Argentina de 1973
Grande Prêmio da Argentina
11ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio da Argentina de 1975