Henrikh Mkhitaryan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Henrikh Mkhitaryan
Հենրիխ Մխիթարյան
Henrikh Mkhitaryan Հենրիխ Մխիթարյան
Mkhitaryan em 2017 quando jogava pelo Manchester United
Informações pessoais
Nome completo Henrikh Hamlet Mkhitaryan[1][2]
Data de nasc. 21 de janeiro de 1989 (32 anos)
Local de nasc. Erevan, União Soviética
Nacionalidade arménio
Altura 1,78 m[1][2]
destro
Apelido Micki

"Mickeytarian"

Informações profissionais
Clube atual Roma
Número 77
Posição Meia e ponta-direita
Clubes de juventude
1995–2003
2003
2003-2006
Pyunik
São Paulo
Pyunik
Clubes profissionais
Anos Clubes
2006–2009
2009–2010
2010–2013
2013–2016
2016–2018
2018–2020
2019–2020
2020–
Pyunik
Metalurh Zaporizhya
Shakhtar Donetsk
Borussia Dortmund
Manchester United
Arsenal
Roma (emp.)
Roma
Seleção nacional
2006–2007
2007–2008
2008–2010
2007–
Armênia Sub-17
Armênia Sub-19
Armênia Sub-21
Armênia

Henrikh Hamlet Mkhitaryan - em armênio, Հենրիխ Համլետի Մխիթարյան [3][1][2] (Erevan, 21 de janeiro de 1989), é um futebolista armênio que atua como meia-atacante ou ponta-direita. Atualmente joga pelo Roma.

Nos tempos de União Soviética, seu nome era russificado para Genrikh Gamletovich Mkhitaryan (Генрих Гамлетович Мхитарян, em russo).

Carreira[editar | editar código-fonte]

Pyunik[editar | editar código-fonte]

Mkhitaryan começou a jogar futebol nas categorias de base do Pyunik. Em 2003, quando o São Paulo tinha um projeto de intercâmbio com o governo da Armênia, Mkhitaryan chegou com um grupo de garotos para realizar treinamentos no então CT de Barueri, onde o time paulista mantinha suas categorias de base. Durante o período de quatro meses de experiência, ele chegou a treinar na equipe infantil. Porém, devido ao baixo aproveitamento nos treinos, o armênio foi mandado de volta ao seu clube de origem.[4]

Metalurh Zaporizhya[editar | editar código-fonte]

Clube que defendeu de 2009 a 2010, Mkhitaryan fez 16 gols em 44 jogos, no meio da temporada, foi contratado pelo Shakhtar, poderoso na Ucrânia.

Shakhtar Donetsk[editar | editar código-fonte]

Foi consagrado uma promessa do futebol mundial na temporada 2012–13, quando teve uma média de 1 gol exato por jogo, Mkhitaryan virou titular absoluto, craque da seleção, maior artilheiro da Europa e olhado por vários clubes. Seu rendimento ajudou o time nas conquistas de dois Campeonatos Ucranianos e duas Copas da Ucrânia, assim como no bom desempenho do time na edição da Liga dos Campeões da UEFA de 2012–13.

Borussia Dortmund[editar | editar código-fonte]

Acertou com o Borussia Dortmund um vínculo até junho de 2017. Contratado por 27,5 milhões de euros, foi a contratação mais cara da história do clube ate então.[5][6] Destacou-se em sua última temporada pelo clube, sendo eleito pela revista Kicker o melhor jogador da temporada 2015/2016 da Bundesliga, quando foi líder de assistências da competição.[7]

Manchester United[editar | editar código-fonte]

No dia 2 de julho de 2016 o Borussia anunciou o acordo de transferência de Mkhitaryan ao Manchester United.[8]

Já no dia 11 de dezembro de 2016, tornou-se o primeiro Armênio a marcar um gol na Premier League, na vitória dos Diabos Vermelhos sobre o Tottenham por 1 a 0.

Arsenal[editar | editar código-fonte]

No dia 22 de janeiro de 2018, assinou com o Arsenal, que em troca cedeu Alexis Sánchez ao United.[9]

Roma[editar | editar código-fonte]

Após perder espaço nos Gunners com diversas lesões, foi emprestado a Roma no dia 2 de setembro de 2019.[10]

“É uma grande oportunidade para começar um novo capítulo, com um grande clube. Eu sei o que a Roma significa e tenho certeza que podemos alcançar grandes conquistas juntos”, declarou o meia, durante sua apresentação.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Selo armênio de 2019 em homenagem ao atleta
Pyunik FC
  • Campeonato Armênio: 2005, 2006, 2007, 2008, 2009
  • Copa da Armênia: 2009
  • Supercopa da Armênia: 2006, 2007
Shakhtar Donetsk
Borussia Dortmund
Manchester United

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Perfil no site do Shakhtar Donetsk». Consultado em 31 de outubro de 2012. Arquivado do original em 3 de novembro de 2012 
  2. a b c «Perfil em Ogol». Consultado em 31 de outubro de 2012 
  3. Perfil no Soccerway
  4. Base do São Paulo dispensou meia de R$ 81 milhões
  5. «Borussia Dortmund anuncia contratação do meia armênio Mkhitaryan» 
  6. «Jornal: Mkhitaryan quer sair do Borussia Dortmund, diz empresário do jogador». ESPN. Consultado em 1 de outubro de 2020 
  7. Mário André Monteiro |. «Mkhitaryan é eleito o melhor jogador da Bundesliga pela revista Kicker». Alemanha Futebol Clube. Consultado em 1 de outubro de 2020 
  8. «Henrikh Mkhitaryan wechselt zu Manchester United». Sítio oficial Borussia Dortmund. 2 de julho de 2016 
  9. «Henrikh Mkhitaryan signs as Alexis leaves club». arsenal.com. 22 de janeiro de 2018 
  10. «Num negócio de baixo risco à Roma, Mkhitaryan buscará seu recomeço na Serie A». Trivela. 2 de setembro de 2019 
  11. «The 100 best footballers in the world - interactive» (em inglês). The Guardian 
  12. «The 100 best footballers in the world 2016 – interactive» (em inglês). The Guardian 
  13. «Henrikh Mkhitaryan» (em espanhol). Marca 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Henrikh Mkhitaryan