Honda Civic Híbrido

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Honda Civic Hybrid (Malaysia).jpg
Honda Civic IMA
Fabricante: Honda
Produção: 2003 – presente
Classe: Compacto
Chassi: 4 portas
Motor: gasolina: 1.3 L l4 SOHC
eléctrico: 144 volt 15 kW
Comprimento: 4455 mm (175.4 in)
Largura: 1695 mm (67.5 in)
Altura: 1430 mm (56.3 in)
Modelo Base: Honda Civic
Sucessor: não conhecido
Partilha plataforma com: Honda Civic
Modelos semelhantes: Toyota Prius
Honda Insight
Honda Accord Hybrid

O Honda Civic Híbrido, Honda Civic IMA ou Honda Civic Hybrid é a versão híbrida do Honda Civic, que utiliza transmissão continuamente variável (Câmbio CVT).[1]

Na versão 2003 do modelo Honda Civic, a Honda adicionou uma transmissão continuamente variável (Cãmbio CVT)[2] e o sistema IMA (Integrated Motor Assist) semelhante ao utilizado no seu modelo Honda Insight, produzindo assim um verdadeiro carro de 5 lugares com as vantagens e consumos reduzidos de um híbrido. Este caracteriza-se por um sistema de um motor eléctrico em auxilio do seu motor convencional.

No ano de 2006 este modelo foi redesenhado, tendo por base a nova plataforma Civic. Antes do modelo de 2006, o motor eléctrico não possuia a característica de mover por si só o veículo, pois apenas podia auxiliar o motor térmico em situações de carga elevada, tal como cenários de aceleração. Neste novo modelo, contudo, o motor eléctrico já consegue mover por si só o carro até aos 40 km/h sem que o motor a gasolina precise de ser activado. Poupando assim, especialmente em circuitos citadinos, uma grande quantidade de combustível.

Tecnologia[editar | editar código-fonte]

  • 1.3 L i-DSI de baixo consumo, motor de combustão interna com VTEC e sistema de interrupção automática de combustão em cada cilindro, o que permite desligar temporáriamente até 3 cilindros em movimentos de desaceleração. Este permite reduzir o efeito de travagem de motor, permitindo assim um maior efeito de regeneração de energia, carregando assim de forma mais optimizada as baterias.
  • 10 kW (13.4 hp), sistema de assistência magnética motor, que funciona como gerador para carregar as baterias.
  • 120 baterias NiMH com 6.0 Ah de capacidade
  • Caixa automática ou caixa manual de 5 velocidades.
  • Certificação SULEV
  • Pneus com reduzido atrito (forma evoluída) ao solo e travagem regenerativa.
  • Direcção eléctrica
  • Este modelo híbrido não precisa de ser ligado à electricidade.

Comportamento[editar | editar código-fonte]

Civic IMA(modelo 2006)
  • O estilo de condução tem neste modelo muito maior influência no seu consumo de combustível do que no seu irmão convencional.
  • Circuitos de consumo, tal como o ar condicionado, tem também neste modelo um aperfeiçoamento ao nível de consumo energético do que na versão não-híbrida
  • Para uma maior eficiencia com a caixa manual, é aconselhada a mudança de velocidade num estado ideal. Este resulta numa melhor assitência do motor eléctrico, combinado com uma eficiência melhorada do motor a gasolina. O pico combinado de binário acontece às 1500 rpm, sendo que na faixa de 1500-2000 rpm devemos realizar a mudança de relação. Este método permite uma poupança de combustível adicional, em deterimento de mudanças de relação de caixa a elevadas rotações.

Méritos[editar | editar código-fonte]

O motor do Civic IMA venceu o prémio de motor internacional da classe "1 litro a 1.4 litros" durante 3 anos seguidos, vencendo o prémio no ano 2002, 2003 e 2004. Bem como o prémio de melhor economia de combustível para essa categoria no ano de 2003 e 2004. No ano de 2006 venceu o prémio de Carro do Ano atribuído pela Motor Trend, tal como os seus modelos irmãos (não-híbridos).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. CVT (Continuously Variable Transmission), em inglês, acesso em 18 de outubro de 2013.
  2. CVT (Continuously Variable Transmission), em inglês, acesso em 18 de outubro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]