Igreja de Maximinos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Igreja de Maximinos

A Igreja de Maximinos situa-se na freguesia de Maximinos, em Braga, Portugal. A actual igreja (erigida depois de se demolir uma anterior) foi mandada edificar no tempo do arcebispo de Braga D. Gaspar de Bragança.

A igreja de estilo Barroco, tem um exterior simples, ostentando num nicho da fachada a imagem de Nossa Senhora da Conceição.

A torre é traseira, como era tradicional em Braga.

Antiga Igreja[editar | editar código-fonte]

Existia um outro templo muito mais antigo, situado umas dezenas de metros a norte. O cronista Inácio José Peixoto, nas suas Memórias Particulares, descreve o processo de demolição da antiga "parochial" de S. Pedro de Maximinos com lamentos, deixando-nos algumas pistas sobre este templo.

Esta igreja estava no sitio quasi fronteiro a hua quelha, chamada o beco, que sahe do meio da Rua da Crus da Pedra e defronte de huas casas que estão em outra quelha que vai ter a fonte de S. Pedro. Ahi havia adro e casas de residencia e hoje tudo se acha reduzido a passal. Era na verdade a igreja antiga e baixa. O abbade Manoel Jose Leite querendo fazer, como fes, casas de residencia face da entrada da cidade, de fronte da capella de Nossa Senhora da Conceição, pedio a Sua Alteza esta capella que não era delle, mas do Conservatorio. Elle deu-lha, porque nada dava seu. Mudou para ahi a paroquia com algua repugnancia dos fregueses. Privou-os do caminho da fonte pelo adro e ficou com a capella intitulada da Conceição, mas freguesia de S. Pedro de Maximinos. E acabou assim a mais antiga igreja dedicada a S. Pedro que existia desde o tempo dos romanos e escapou no tempo dos mouros.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Igreja de Maximinos
Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.