Isabel da Nóbrega

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde maio de 2014) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Isabel da Nóbrega
Nome completo Maria Isabel Guerra Bastos Gonçalves
Nascimento 26 de junho de 1925 (92 anos)
Lisboa,  Portugal
Prémios Prémio de Consagração de Carreira da Sociedade Portuguesa de Autores (2008)
Género literário Romance, teatro, literatura infantil
Movimento literário Pós-modernismo
Magnum opus Rama, o elefante azul

Isabel da Nóbrega GOLGOM (pseudónimo de Maria Isabel Guerra Bastos Gonçalves)[1] (Lisboa, 26 de junho de 1925) é uma escritora portuguesa. Com trabalhos em teatro, rádio e televisão escreveu ainda milhares de crónicas para diversas publicações.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Isabel da Nóbrega nasceu a 26 de junho de 1925 em Lisboa.

É irmã da actriz Tareka, nome artístico de Maria Teresa Guerra Bastos Gonçalves.[2]

Da sua vida familiar destaque-se o facto de ter sido companheira de João Gaspar Simões, entre 1954 e 1968, e de José Saramago, de 1970 a 1986, que lhe dedicou a edição original do Memorial do Convento.

Trabalhou na rádio e escreveu cerca de 3000 crónicas[3] para diversos jornais e revistas, como A Capital (do qual foi uma das fundadoras),[4] Diário de Lisboa,[4] Diário de Notícias,[4] O Primeiro de Janeiro[4] e Jornal do Fundão, Vida Mundial e Casa e Decoração.

Criou e apresentou os programas O Prazer de Ler[4] e Largo do Pelourinho na RTP e Conversar, Conviver e Clarabóia na Antena 1. Desde 1995 assina, de forma assídua, crónicas na RDP-Antena 2, no programa Allegro Vivace.

Obras[editar | editar código-fonte]

Prémios e reconhecimentos[editar | editar código-fonte]

Condecorações

Referências

http://www.matriz-portuguesa.pt/FEMINA_2011.php

  1. a b c «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Isabel da Nóbrega". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 21 de maio de 2014 
  2. Tareka (em inglês) no Internet Movie Database. Página visitada em 2014-05-21
  3. «Biografia e entrevista na página da Sociedade Portuguesa de autores» [ligação inativa] 
  4. a b c d e f g ANC (Agência Lusa) (2 de maio de 2008). «Literatura: Isabel da Nóbrega distinguida com Prémio Consagração de Carreira da SPA». Jornal de Notícias. Consultado em 21 de maio de 2014. [http://archive.is/TfC44 Cópia arquivada em 21 de maio de 2014] Verifique valor |arquivourl= (ajuda) 
  5. «Notícia». Jornal Público. 3 de Maio de 2008 [ligação inativa] 
  6. http://www.matriz-portuguesa.pt/FEMINA_2011.php

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.