JScript

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

JScript é uma variação do JavaScript e usado em Active Server Pages. Essa linguagem de script permite a utilização de controles ActiveX. O Internet Explorer é capaz de interpretar JScript em páginas da Web. JScript é utilizado também na criação de scripts para Messenger Plus! Live.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Informática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Não deve ser confundido com o JavaScript . JScript Jscript icon.gif Desenvolvedor Microsoft Apareceu pela primeira vez 1996 Versão estável 9,0 / março de 2011 Disciplina de digitação Dinâmico , fraco , pato SO Microsoft Windows Extensões de nome de arquivo .js, .jse, .wsf, .wsc (.htm, .html, .asp) [1] Local na rede Internet msdn .microsoft .com / library / hbxc2t98 .aspx Principais implementações Scripts ativos , JScript .NET JScript é dialeto do Microsoft ECMAScript padrão [2] que é usado no Microsoft 's Internet Explorer .

O JScript é implementado como um mecanismo de script ativo . Isso significa que ele pode ser "conectado" aos aplicativos de automação OLE que suportam scripts ativos, como Internet Explorer , Active Server Pages e Windows Script Host . [3] Isso também significa que tais aplicativos podem usar vários idiomas Active Scripting, por exemplo, JScript, VBScript ou PerlScript .

O JScript foi primeiro suportado no navegador Internet Explorer 3.0 lançado em agosto de 1996. Sua versão mais recente é o JScript 9.0, incluído no Internet Explorer 9.

O JScript 10.0 [4] é um dialecto separado, também conhecido como JScript .NET , que adiciona vários novos recursos da quarta edição abandonada do padrão ECMAScript. Ele deve ser compilado para o .NET Framework versão 2 ou a versão 4, mas as anotações de tipo estático são opcionais.