Jean-Antoine de Baïf

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jean-Antoine de Baïf
Nome nativo Jean-Antoine de Baïf
Nascimento 19 de fevereiro de 1532
Veneza
Morte 19 de setembro de 1589 (57 anos)
Paris
Cidadania França
Ocupação poeta, historiador, ensaísta, compositor, escritor
Movimento estético La Pléiade

Jean-Antoine de Baïf (Veneza, 19 de fevereiro de 1532 - Paris, 19 de setembro de 1589) foi um poeta, tradutor e comediógrafo da França, e membro da Pléiade.

Nasceu quando sua família vivia na Itália, com seu pai, Lazare de Baïf, na condição de embaixador francês. O menino cresceu num mundo de arte e cultura, sendo educado com os melhores professores, aprendendo latim e grego. Com onze anos foi posto aos cuidados de Jean Daurat me se tornou colega de Ronsard, a quem ensinou grego e de quem aprendeu a versificação em francês.

Em 1570, com o patrocínio de Henrique III, fundou a Academia de Música e Poesia, no intuito de estabelecer uma íntima ligação entre estas artes na França. Sua casa em Paris se tornou um centro de concertos concorridos, onde o rei se fazia presente. Na literatura participou do projeto dos poetas da Pléiade de reformar a poesia e a língua da França a partir de uma inspiração clássica. Traduziu várias obras clássicas para o francês e deixou grande quantidade de poesias, além de algumas comédias para teatro.

Referências[editar | editar código-fonte]