Johann Palisa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Johann Palisa
Nascimento 6 de dezembro de 1848
Opava
Morte 2 de maio de 1925 (76 anos)
Viena
Sepultamento Cemitério Central de Viena
Cidadania Império Austríaco, Áustria-Hungria, Áustria Alemã, Primeira República Austríaca
Alma mater Universidade de Viena
Ocupação astrônomo, professor universitário, oficial
Prêmios Prêmio Lalande
Empregador Universidade de Viena
Magnum opus descobridor de asteroides
Causa da morte ataque cardíaco

Johann Palisa (Troppau, Silésia (atual Opava, República Checa), 6 de dezembro de 1848Viena, 2 de maio de 1925) foi um astrónomo tcheco,[1] que se tornou conhecido pela descoberta de 121 asteroides.[2] O asteroide 914 Palisana e a cratera Palisa na Lua receberam esses nomes em sua homenagem.

Início de carreira[editar | editar código-fonte]

De 1866 a 1870, Palisa estudou matemática e astronomia na Universidade de Viena; porém, ele só se graduou em 1884. Apesar disto, em 1870 foi um assistente no observatório da Universidade e um ano depois, ganhou uma posição no observatório em Genebra. Poucos anos depois, em 1872, aos 24 anos de idade, Palisa tornou-se o diretor do Observatório Naval Austríaco em Pula. Em Pula, ele descobriu seu primeiro asteroide, 136 Áustria, em 18 de março de 1874. Junto com isto, descobriu 27 outros asteroides e um cometa. Durante sua permanência em Pula ele usou um pequeno telescópio refrator de seis polegadas para auxiliar em sua pesquisa.

Referências

  1. Encyclopedia Britannica. «Johann Palisa» (em inglês). Consultado em 23 de fevereiro de 2014 [ligação inativa]
  2. Rudolf Albrecht, Hans-Michael Maitzen, Anneliese Schnell. «Early Asteroid Research in Austria» (em inglês). Stecf.Org - Space Telescope European Coordination Facility. Consultado em 15 Agosto de 2013. Arquivado do original em 6 de setembro de 2014