Kelly Guidotti

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Kelly Guidotti
Nascimento 1980 (42 anos)
Osasco, SP
Nacionalidade brasileira
Ocupação atriz, bonequeira, dubladora, locutora e diretora

Kelly Guidotti (Osasco, 1980) é uma atriz, bonequeira, dubladora, locutora e diretora brasileira.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Kelly Guidotti atuou em diversas peças de teatro, tendo iniciado sua carreira ainda aos 14 anos. A atriz obteve seu registro profissional na área em 1999, tendo participado logo em seguida do elenco do espetáculo infantil Gatos e Cia, dirigida por Atilio Riccó. Especializada em teatro infantil, Guidotti integrou a montagem de várias peças desde então. Fez parte do elenco de trabalhos dirigidos por Thereza Piffer, Marcelo Klabin, Fernando Gomes, entre outros. [2] [3] Em 2016, entrou para o elenco do projeto da atração itinerante BuZum!, que tem como objetivo educar crianças e adolescentes utilizando diversos métodos de teatro de animação. Os espetáculos foram dirigidos por Wanderley Piras. [4]

Guidotti começa a manipular bonecos para a televisão no programa Planeta Luluca, da Rede NGT interpretando a personagem Sue.[5] Após sua performance ser bem recebida, a atriz participa da criação do programa TVLisão, na mesma emissora, onde, além de atuar, também tomava parte na produção, direção e criação dos roteiros dos episódios. Kelly foi convidada a participar do grupo canadense Mad Science, que buscava, de maneira descontraída, unir ciência e entretenimento. Lá, criou a personagem Kelly Kosmos, uma cientista maluca que atuava em shows, eventos, peças de teatro, oficinas e programas de TV ensinando ciência de forma divertida. Em uma parceria entre a Mad Science e a TV Cultura, foi convidada a participar da criação e do elenco do programa Física Divertida, que foi ao ar pela TV Rá-Tim-Bum, interpretando a mesma personagem. [6] [7]

A partir de 2011 começa a participar do elenco do seriado Cocoricó, que foi um dos carros-chefe da programação infantil da TV Cultura. Lá, interpretou as personagens Lilica, Patavina e Mimosa, anteriormente interpretadas por Magda Crudelli. O programa era dirigido por Fernando Gomes. Em 2012, gravou com a personagem Lilica o DVD Show no Paiol com Hélio Ziskind, e se apresentou manipulando a versão grande da boneca no Sesc Vila Mariana com esse mesmo show. [8] [9] Neste mesmo ano integrou o elenco de manipuladores de bonecos do programa infantil Os Cupins, atualmente veiculando na TV Cultura e TV Ra Tim Bum. [10] Após ser escolhida por Martin Robinson, da Sesame Workshop, em Nova Iorque, Kelly passa a interpretar e manipular o boneco Elmo, de Sésamo, a partir de 2016, tendo também feito a dublagem do personagem em segmentos filmados nos Estados Unidos. Também é a responsável pela dublagem de Mae (mãe de Elmo) e manipulação nas produções gravadas no Brasil [1] A atriz participou como bonequeira no game show Tá Certo?, da TV Cultura, criado por Marcos Amazonas. Nele interpretou e manipulou a personagem Geisinha. Lá recebeu diversos convidados ilustres, como Bruno Garcia, Daniel, Fábio Porchat, Fafá de Belém, Maria Fernanda Cândido, entre outros. O programa foi dirigido por Leo Liberti (1ª temporada) e Julio Piconi (2ª temporada). Em 2019, Guidotti também começa a dirigir trabalhos com bonecos, como o Canal do Klin, um canal do YouTube de um cachorro, mascote da marca de calçados Klin, bem como episódios de Sésamo. [11]

Desde 2007 trabalha com teatro empresarial, atuando e produzindo, através de performances, esquetes, intervenções e espetáculos teatrais.[12] [5] A artista também realizou a locução de trabalhos para a televisão e diversas peças publicitárias. [13] A atriz fez parte do elenco do videoclipe da canção Black Widow's Web, uma parceria entre a banda Angra e as cantoras Sandy e Alissa White-Gluz. O clipe foi dirigido por Leo Liberti.[14] Em 2020, a atriz estreia no curta-metragem Visões de Claudeciro, dirigido por Julio Wong. [15] Participou também no longa Cocoricó: A Melhor Escolha, que estreou em 2014. [16]

Referências

  1. a b «Conheça as pessoas por trás de bonecos conhecidos da TV brasileira - Emais - Estadão». Emais - Estadão. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  2. «Guia de Teatro». Folha de S. Paulo. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  3. «EM Recanto Primavera recebeu espetáculo "Mamulengo"». Página oficial da Prefeitura de Arujá. 14 de setembro de 2017 
  4. Lopes, Ana Cecy (8 de novembro de 2016). «Espetáculo itinerante busca educar para uso consciente da eletricidade». A Tarde - UOL 
  5. a b Silva, Millena Grigoleti da [UNESP (2014). «O Rock rural». Aleph. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  6. «Diversão no laboratório». Folha de S. Paulo. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  7. «Kelly Kosmos, da Mad Science, coloca ovo dentro da garrafa». UOL. Consultado em 12 de janeiro de 2021 
  8. «DVD e shows reúnem o músico Hélio Ziskind e os bonecos do 'Cocoricó'». Folha de S. Paulo. 17 de setembro de 2012. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  9. «Músicas de 'Cocoricó' são levadas ao palco por personagens do programa». Folha de S. Paulo. 16 de outubro de 2012. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  10. Redação (30 de junho de 2017). «Estreias infantis na TV Cultura animam as férias da garotada». Jornal Metrópole. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  11. «Sem Garibaldo, nova "Vila Sésamo" terá Palmirinha e Gregorio Duvivier». UOL. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  12. «Trabalhos Empresariais». Página Oficial da Atriz. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  13. «Kelly Guidotti». Locutores - Guia de Profissionais da Locução. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  14. Lione, Fabio; Bittencourt, Rafael; Andreoli, Felipe; Valverde, Bruno (14 de julho de 2018), Angra: Black Widow's web, consultado em 30 de dezembro de 2020 
  15. Pardal, Sergio; Oliveira, Elaine Thrash; Santiago, Weberson; Santana, Warley (11 de fevereiro de 2020), Visões de Claudeciro, consultado em 23 de dezembro de 2020 
  16. «Cocoricó: A Melhor Escola». UOL 


Ligações externas[editar | editar código-fonte]