Legio II Adiutrix

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Legio II.
Legio II Adiutrix
Roman Empire 125.png
Mapa do Império Romano em 125, sob o imperador Adriano mostrando a LEGIO II ADIUTRIX estacionada em Aquinco (Budapeste), sua base de 87 até o século IV.
País Império Romano
Corporação Legião romana (Mariana)
Missão Infantaria (com alguma cavalaria de apoio)
Criação 70 d.C. até o século IV
Patrono Vespasiano
Mascote Centauro e Pégaso
História
Guerras/batalhas Revolta dos Batavos (69–70)
Invasão romana da Britânia ((43 66))
Campanha britânica de Agrícola ((79 84))
Campanha suevo-sármata de Domiciano (89 97)
Guerra romano-parta de 161-166
Guerra marcomânica de Marco Aurélio (171–173)
Campanha de Caracala contra os alamanos (213)
Campanha de Gordiano III contra o Império Sassânida (238)
Logística
Efetivo Variado ao longo dos séculos.
Sede
Guarnições Germânia Inferior (até c. 70)
Deva Vitoriosa (após 70–87)
Aquinco (87–século IV)

Legio secunda Adiutrix ou Legio II Adiutrix ("Segunda legião Auxiliar") foi uma legião do exército imperial romano[1] recrutada pelo imperador Vespasiano em 70 e composta principalmente por membros da infantaria da marinha romana da Classis Ravennatis. O último registo da atividade desta legião data do início do século IV, na fronteira do Reno. Os símbolos desta legião eram o capricórnio e o pégaso.

História[editar | editar código-fonte]

A II Adiutrix foi criada logo no início do reinado de Vespasiano para servir na Revolta dos Batavos (69–70),que ameaçava a estabilidade da Germânia Inferior. Após a derrota dos rebeldes, a legião acompanhou o governador Quinto Petílio Cerial à Britânia para lidar com a insurreição popular liderada por Venúcio. A II Adiutrix permaneceu nesta província nos anos seguintes para lidar com as revoltas das tribos celtas da moderna região de Gales e da Caledônia (Escócia), com aquartelamento em Deva Vitoriosa (moderna Chester).

Em 87, a II Adiutrix foi mobilizada de novo para a Europa continental para participar nas campanhas de Domiciano na Dácia. Durante este conflito, o futuro imperador Adriano serviu como tribuno militar desta legião. Após as campanhas de Trajano na região (101–106), a II Adiutrix foi instalada em Aquinco (moderna Budapeste), onde iria permanecer nos séculos seguintes. Apesar disto, a legião (ou suas vexillationes) participou das seguintes campanhas:

Referências

  1. Grandes Impérios e Civilizações: Roma - Legado de um império. 1.ed. Madri: Ediciones del Prado, 1996. pp.112 p.. 2 v. v. 1 ISBN 84-7838-740-4

Ligações externas[editar | editar código-fonte]