Lethal Injection

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde julho de 2012). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde julho de 2012). Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Lethal Injection
Álbum de estúdio de Ice Cube
Lançamento 7 de Dezembro de 1993
Gravação 1992-1993
Gênero(s) West Coast hip hop, G-Funk, Gangsta rap
Duração 56:21
Idioma(s) inglês
Gravadora(s) Priority
Produção QDIII, Madness 4 Real, Sir Jinx, Ice Cube
Certificação Platina (RIAA)
Cronologia de Ice Cube
The Predator
(1992)
War & Peace Vol. 1
(1998)
Singles de Lethal Injection
  1. "Really Doe"
    Lançamento: 1993
  2. "You Know How We Do It"
    Lançamento: 2 de Fevereiro de 1994
  3. "Bop Gun (One Nation)"
    Lançamento: Agosto de 1994
Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 2 de 5 estrelas.[1]
The Austin Chronicle 3.5 de 5 estrelas.[2]
Entertainment Weekly (B)[3]
Los Angeles Times 3 de 4 estrelas.[4]
Robert Christgau Rating-Christgau-dud.png[5]
Rolling Stone 2 de 5 estrelas.[6]
The Source 3.5 de 5 estrelas.[7]

Lethal Injection é o quarto álbum solo do rapper Ice Cube, lançado pela Priority Records em 7 de dezembro de 1993. Assim como seus trabalhos anteriores foi um sucesso comercial, mas foi fortemente criticado pelo fato do conteúdo sócio-político estar enfraquecido em relação ao primeiros álbuns. Os elogios do álbum aumentaram com o tempo, com a MTV reconhecendo-o como um clássico em 2006.[8] Lethal Injection possui os singles "Really Doe", "You Know How We Do It" e "Bop Gun (One Nation)", este último feito com a participação especial de George Clinton se tornou um hit na MTV.

Lethal Injection estreou na quinta posição da Billboard 200 com 251.000 cópias vendidas na primeira semana.[9] O álbum vendeu mais de 1.832.064 de cópias e foi certificado como disco de platina pela RIAA.[10]

Visão geral[editar | editar código-fonte]

Em Lethal Injection, Ice Cube se despede das suas músicas de forte conteúdo político e social, largamente vistas nos seus álbuns anteriores. O álbum apresenta uma postura mais gangsta, apesar de haver músicas com tópicos sociais, como "Cave Bitch", onde Cube fala das mulheres brancas que perseguem homens negros bem sucedidos como troféus. Em "Lil' Ass Gee" ele conta a história de um adolescente que segue seu irmão mais velho numa vida de crime e pouca esperança. Ice Cube expressa sua própria opinião sobre religião e raça em "When I Get to Heaven".

Com uso de sintetizadores hipnóticos, baterias fortes, e baixos profundos, o álbum apresenta um som mais g-funk do que o som denso e ruidoso dos seus primeiros álbuns. Provavelmente, Ice Cube tomou a decisão de usar do estilo G-funk depois de ver o sucesso que os álbuns The Chronic e Doggystyle, ambos produzidos por seu ex-companheiro de banda Dr. Dre, fizeram no mercado. A capa do álbum mostra Ice Cube injetando uma seringa carimbada com seu símbolo em seu filho.

Em 1999, a música "Down for Whatever" figurou na trilha sonora do filme Office Space.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  • Lançamento original.
N.º Título Produtor(es) Duração
1. "The Shot (Intro)"   Sir Jinx 0:54
2. "Realy Doe"   Derrick McDowell, Lay Law 4:28
3. "Ghetto Bird"   QDIII 3:50
4. "You Know How We Do It"   QDIII 3:52
5. "Cave Bitch"   Brian G 4:17
6. "Bop Gun (One Nation) (featuring George Clinton)"   Ice Cube, QDIII 11:05
7. "What Can I Do?"   88 X Unit 4:50
8. "Lil' Ass Gee"   Sir Jinx 4:04
9. "Make It Ruff, Make It Smooth (featuring K-Dee)"   QDIII 4:23
10. "Down for Whatever"   Madness 4 Real 4:39
11. "Enemy"   Madness 4 Real 4:50
12. "When I Get to Heaven"   Brian G 5:00

Faixas bônus do relançamento de 2003[editar | editar código-fonte]

  1. "What Can I Do? (Westside Remix)" - 4:27
  2. "What Can I Do? (East Side Remix)" - 4:46
  3. "You Know How We Do It (Remix)" - 4:23
  4. "Lil' Ass Gee (Eerie Gumbo Remix)" - 5:21

Lista parcial de samples[editar | editar código-fonte]

Really Doe "Intro from the Film: American Me"

You Know How We Do It

  • "The Show Is Over" de Evelyn King
  • "All Night Long" de Mary Jane Girls
  • "Summer Madness" de Kool & The Gang

Bop Gun (One Nation)

Lil' Ass Gee

When I Get to Heaven

Ghetto Bird

Cave Bitch

  • "Horny Lil Devil" de Ice Cube

Singles do álbum[editar | editar código-fonte]

"Really Doe"

  • Lançado: 1993
  • Lado-B: "My Skin Is My Sin"

"You Know How We Do It"

  • Lançado: Fevereiro de 1994
  • Lado-B: "2 'N The Morning"

"Bop Gun (One Nation)"'

  • Lançado: Agosto de 1994
  • Lado-B: "Down For Whatever"

Posição nas paradas[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Posição
Billboard 200 Top R&B/Hip Hop Albums
1993 Lethal Injection #5 #1

Posição dos singles[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Posição
Billboard Hot 100 Hot R&B/Hip-Hop Singles & Tracks Hot Rap Singles
1993 "Really Doe" #54 #30 #3
1994 "You Know How We Do It" #30 #21 #5
1994 "Bop Gun (One Nation)" #23 #37 #6

Referências