Lou de Olivier

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde junho de 2016)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

Lou de Olivier (São Paulo, 21 de fevereiro de 1961) é uma especialista em psicopedagogia, psicoterapia, arteterapia, e precursora da multiterapia. É também dramaturga, contista, romancista e poetisa. Lou de Olivier é também pioneira da TV brasileira, constando como integrante do Museu da TV, por ter sido a primeira criança no mundo a gravar um vinil profissional com apenas três anos de idade e também foi uma das primeiras crianças a gravar vídeo-tape no Brasil, participando ativamente de programas como Grande Gincana Kibon, Programa Show Canarinho, Titio Molina, entre outros.

Atualmente ela é conhecida por pesquisar assuntos complexos como anoxia perinatal e distúrbios diversos, como dislexia, hiperlexia, discalculia, autismo, entre outros, e temas de saúde em geral e transcrevê-los em linguagem acessível. Ja teve varias de suas teses comprovadas, sendo uma das principais a Dislexia adquirida,que ela pesquisou e identificou a partir da década de 80 e, na atualidade, está definitivamente aceito o distúrbio da Dislexia Adquirida constando dos termos oficiais da Ciência da Saúde em língua portuguesa, espanhola e também inglesa, onde recebeu a denominação de Acquired Dyslexia. Outras teses suas que foram comprovadas pelo meio acadêmico/cientifico foram anoxia perinatal como uma das causas do autismo , Consumo de drogas causando TOC entre outras. Também foi uma das primeiras profissionais a introduzir técnicas como dança e teatro nas sessões de Arteterapia que, anteriormente, eram apenas com Artes Plásticas.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Suas publicações lhe renderam muitos prêmios, todos por indicação: 

No Brasil, já acumula mais de cinquenta prêmios conquistados, destacando-se:

  • Prêmio Fênix (2015)
  • Oscar de Ouro (2015)
  • Mulher, Linda Mulher (2007)
  • Personalidade do ano (por vários anos consecutivos desde 2007)
  • XXII Dia Internacional da Mulher (por vários anos consecutivos desde 2007)
  • "Excelência Mulher (2008)
  • XXIII Magnífico (por vários anos consecutivos desde 2008)
  • XXIII Prêmio Dia Internacional da Mulher (2008)
  • XXIV Prêmio Magnífico
  • I Prêmio Cultura (2010)

Citações em livros oficiais[editar | editar código-fonte]

A partir de 2009, passou a integrar as paginas 279 e 280 do livro Brasil de todos os povos/São Paulo, sua Historia, seus monumentos - Destaques e Personalidades. Lou de Olivier também é citada nas paginas 187, 405 e 670 da Enciclopédia de Literatura Brasileira - Volume I - 2001. E também nas paginas 532 e 533 do Dicionário de Mulheres - Volume II - da Historiadora Hilda Flores.

Obra[editar | editar código-fonte]

No Brasil, foi colaboradora de revistas como Mãe Moderna, Viver Psicologia, jornais como Socorro News, Sunday News e Intersul, escrevendo sobre distúrbios de aprendizagem, drogas, divórcio e assuntos correlatos. Também prestou assessoria em assuntos terapêuticos a diversas rádios como: Globo (programa Laércio Maciel), Mundial (diversos programas), Avaré (programa do Capitão) entre outros. Foi colunista no Jornal Ecos, Comunidade Maytê, Jornal O Rebate, Guia Nosso São Paulo, Rio Total, site Aprendaki, entre outros. Prestou assessoria à Rádio Novo Nordeste nos programas: "Rádio ao vivo" e "Saúde e notícia". Apresenta-se periodicamente abordando assuntos terapêuticos no Programa Lilian Loy Rádio Record E também no Programa "Análise Direta" RIT TV. No ano de 2012 teve publicados seis dossiês e três artigos de sua autoria pela Revista Psique Ciência e Vida e dois artigos de sua autoria pela Revista Sentidos,ambas da Editora Escala.

Obra Filantrópica[editar | editar código-fonte]

Sempre teve também uma grande participação no trabalho social, seguindo os passos de sua família que praticou a filantropia por mais de setenta anos. Na atividade filantrópica, suas maiores contribuições foram: o Espaço Cultural Dra. Lou de Olivier, oferecendo cursos e serviços à toda a região sul de São Paulo, a clínica Psiconeuroarte com atendimento gratuito e mais de quinze anos lecionando artes na periferia de São Paulo, tudo isso sem nenhum vínculo político nem religioso. Atualmente, a Dra. Lou dedica-se somente a palestras e pesquisas. E também coordena o e-book solidário, diversos títulos de sua autoria disponibilizados com renda doada aos animais abandonados e pessoas com deficiência intelectual.

Obra Literária[editar | editar código-fonte]

Dos vários livros publicados, destacam-se:

  • Auto ajuda/didáticos:
    • "Transtornos de Comportamento e Distúrbios de Aprendizagem" (2013)
    • "Distúrbios familiares" (2008)
    • "Psicopedagogia e Arteterapia, Teoria e Pratica na aplicação em Clínicas e Escolas" (2006)
    • "Distúrbios de aprendizagem - Verdades que ninguém publicou" (2003)
    • "Acontece nas melhores famílias" (2000)
    • "Distúrbios de aprendizagem e de comportamento" (2006)
    • "A escola produtiva". (1999)
  • E-book:
    • "Dislexia sem rodeios" (2015)
  • Romances:
    • "Aventuras amorosas de Soraya Estrada" (1999)
    • "O preço de um sonho" (1993)
    • "Paixão virtual" (1997)
    • "Beijos Amargos" (2000)
    • "O dia do meu casamento" (1999)
    • "O anjo loiro - romance autobiográfico" - (2002)
  • Trilogia:
    • "Mística, perversa, sensual" (2003)
  • Antologias:
    • No Brasil:
      • "Talento feminino em prosa e verso I e II" (2002)
      • "O amor que move o sol e outras estrelas" (2005)
      • "Talento DELAS" (2007)
      • "Talento brasileiro" (2008)
      • "Caminhos do amor" (2007)
      • "Livre pensador"
    • Na Inglaterra:
      • "UK Brazil - Antology of Poems" (1999)
  • Teatro/Dramaturgia:
    • "Três contos que vou te contar! (1983)
    • "A Cinderela que não era bela porque era branca demais" (1983) encenada e premiada em diversas cidades no Brasil
    • "Os alienados" (1998) já encenado e premiado em varias cidades no Brasil e em Portugal, onde foi montado com titulo "Os alucinados"
    • "Solua, o vampirinho vegano" (2014)
    • "Solua, o vampirinho vegano, episódio Plantando uma nova consciência" (2014)
    • "Solua, o vampirinho vegano, episódio Ouvindo os animais" (2015)
    • "Eu inteiro, metade de mim" (1979)
    • "Cacos da minha vida"ou "o que falo não se escreve, o que escrevo não se fala" (2003)
    • "Nunca em Los Angeles" (1998)
    • "A família Panetone" (1985)
    • "S.O.S. Anta Laranja" (1984)
    • Ai Discubriram!!!" (1985)
    • "Cabalá, a Arte de receber e doar" (2012)
    • "Beijos Amargos" (2012) Adaptação para teatro, do seu romance também intitulado Beijos Amargos
    • "O último planeta"(2012)
    • "Festival do besteirol" (2007)
    • "Penteados versus descabelados" (1985)
    • "Antes rico com saúde que pobre na decadência do samba" (1985)
    • "Siga aquele voto" (1989)

É também autora de mais de 700 poesias, publicadas em antologias impressas e via Internet.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

    • Olivier, Lou "Transtornos de Comportamento e Distúrbios de Aprendizagem" (2013) - Primeira edição, Editora WAK - Rio de Janeiro - RJ - ISBN 978-85-7854-249-8
    • Olivier, Lou "Distúrbios familiares" (2008) - Primeira edição, Editora WAK - Rio de Janeiro - RJ - ISBN 978-85-88081-98-7
    • Olivier, Lou "Psicopedagogia e Arteterapia, Teoria e Pratica na aplicação em Clínicas e Escolas" (2006) - Atualmente na terceira edição - Editora WAK - Rio de Janeiro - RJ - ISBN 978-85-88081-71-0
    • Olivier, Lou "Distúrbios de aprendizagem - Verdades que ninguém publicou" (2003) - Primeira edição - São Paulo - SP - Editora Scortecci - ISBN 85-7372-977-5
    • Olivier, Lou "Acontece nas melhores famílias" (2000)- Primeira edição - Scortecci Editora - ISBN 85-7372-419-6
    • Olivier, Lou "Distúrbios de aprendizagem e de comportamento" (2006) - Atualmente em sexta edição - Editora WAK - Rio de Janeiro - RJ - ISBN 978-85-88081-48-2
    • Olivier, Lou "Problemas de aprendizagem na pré escola". (2000) - Primeira edição - São Paulo - Scortecci Editora - ISBN 85-7372-420-X
    • Olivier, Lou "A escola produtiva". (1999) - Primeira edição - São Paulo - Scortecci Editora - ISBN 85-7372-328-9
  • E-book:
    • Olivier, Lou "Dislexia sem rodeios" (2015) - Primeira edição - São Paulo -SP Editora Ana Lourdes de Oliveira - ISBN 978-85-920597-1-2
  • Romances:
    • Olivier, Lou "Aventuras amorosas de Soraya Estrada" (1999)- São Paulo - SP - Scortecci Editora - ISBN 85-7372-327-0
    • Olivier, Lou "O preço de um sonho" (1993) - São Paulo - SP - Scortecci Editora
    • Olivier, Lou "Paixão virtual" (1997) - São Paulo - SP - Scortecci Editora
    • Olivier, Lou "Beijos Amargos" (2000) - São Paulo - SP - Editora Ana Lourdes de Oliveira
    • Olivier, Lou "O anjo loiro - romance autobiográfico" - (2002) - São Paulo - SP - Editora Ana Lourdes de Oliveira ISBN 978-85-920597-3-6
    • Olivier, Lou "O dia do meu casamento" (1999) - São Paulo - Editora Ana Lourdes de Oliveira - ISBN 978-85-920597-0-5
  • Trilogia:
    • Olivier, Lou "Mística, perversa, sensual" (2003) - São Paulo - SP - Editora Ana Lourdes de Oliveira ISBN 978-85-920597-2-9
  • Antologias:
    • No Brasil:
      • "Talento feminino em prosa e verso I e II" (2002) - São Paulo - SP - Scortecci Editora - ISBN 85-7372-781-0
      • "O amor que move o sol e outras estrelas" (2005) - São Paulo - SP - Scortecci Editora - ISBN 85-366-0371-2
      • "Talento DELAS" (2007) - São Paulo - SP - Scortecci Editora - ISBN 978-85-366-0832-7
      • "Talento brasileiro" (2008) - São Paulo - SP - Scortecci Editora - ISBN 978-85-366-1101-3
      • "Caminhos do amor" (2007) - São Paulo - SP - Oficina do Livro Editora - ISBN 978-85-88698-45-1
      • "Livre pensador" - São Paulo - SP- Scortecci Editora
    • Na Inglaterra:
      • "UK Brazil - Antology of Poems" (1999) - Editora Rickmark Publishing - Inglaterra - UK
  • Teatro:
      • " Teatro completo de Lou de Olivier" (2000) contendo suas melhores peças já encenadas e algumas inéditas - São Paulo - SP - Editora independente.

Referências[editar | editar código-fonte]

Registro oficial de palestra de Lou de Olivier na Assembleia Legislativa de São Paulo[1] Diversas revistas e jornais com notas sobre e artigos de Lou de Olivier[2] Artigo Hiperatividade e Hipoatividade por Lou de Olivier publicado pela Revista Psique Ciência e Vida Edição 81 - Editora Escala disponível para leitura online [3] Artigo Importância da figura paterna na vida dos filhos por Lou de Olivier publicada na Revista Projetos Escolares disponível para leitura online [4] Dislexia Adquirida e Multiterapia defendidas por Lou de Olivier em destaque mundial: [5] Participação de Lou de Olivier como palestrante no Congresso Mundial de Psicologia Clínica - em Inglês: [6] Artigo Agência Estado sobre pioneirismo de Lou de Olivier na TV brasileira: [7] Artigo The São Paulo Times citando Lou de Olivier como pioneira da TV brasileira e primeira a gravar música de protesto em meio a Revolução de 1964: [8] Multitherapy - therapy techniques developed by Lou de Olivier - included obsessive compulsive disorder and autism - Mental Health and Addiction Research (OAText) - UK. [9]

Referências

Enciclopédia de Literatura Brasileira - Volume I paginas 187, 405 e 670[1] Museu da TV [2] Biografia de Lou de Olivier citada no livro Alto Conhecimentos por Maria Helena Guedes pags 246/247[3] Livro Brasil de todos os povos: Destaques e Personalidades- pagina 279[4] Dicionário de Mulheres - 2ª Edição, da Historiadora Hilda Agnes Hübner Flores - Editora Mulheres - 2011 - paginas 532 e 533[5] Comenda da Cruz da Ordem do Mérito Cívico e Cultural[6] Principais prêmios e citações em livros oficiais[7]

Fontes[editar | editar código-fonte]

  • Entrevistas: Lé, Antonio Jorge, entrevista Lou de Olivier Jornal O Figueirense, Edição N.º 5225, Portugal, 05 Outubro/2001 Ano 83º
  • Entrevistas: Campos Melo, Raphaela, entrevista Lou de Olivier, Revista Psicologia Brasil", edição 42, paginas 6, 7, 8 e 9 - Editora Criarp - Brasil, de junho/2007
  • Publicações de notas: Diversas publicações na UK-Brazil Magazine, London - UK (Inglaterra), Editora Rickmarck Publishing, anos 2000, 2001 e 2002.
  • Autobiografia publicada: Olivier, Lou, Acontece nas melhores famílias, capítulo precursores da Psicopedagogia e Arteterapia, Brasil, editora Scortecci, ano 2000, ISBN 85-7372-419-6
  • Resumo de auto biografia publicado: Olivier, Lou Distúrbios de aprendizagem e de comportamento, terceira edição, páginas 17 a 30, capítulo principais precursores e atuais em Psicopedagogia, Psicologia, Neuropsicologia e Pedagogia, Brasil, editora WAK, 2006, ISBN 978-85-88081-48-2
  • Enciclopédia de Literatura Brasileira - Volume I paginas 187, 405 e 670 - Organizado por Afrânio Coutinho e José Galante Sousa - Global Editora - RJ - Brasil - Fundação Biblioteca Nacional - Academia Brasileira de Letras - 2001 (Original de Universidade de Michigan)
  • Livro Brasil de todos os povos/São Paulo, sua Historia, seus monumentos - Destaques e Personalidades - paginas 279 e 280 - do Instituto Biográfico Brasileiro - 2009 - São paulo - SP
  • Dicionário de Mulheres - Volume II - paginas 532 e 533 - da Historiadora Hilda Flores - Editora Mulheres - 2011 - Florianópolis - SC

Ligações externas[editar | editar código-fonte]