Luiz Alberto Martins de Oliveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Luiz Alberto Martins de Oliveira
Deputado estadual do Paraná
Período 1975 a 1990
Senador pelo Paraná
Período 1992 a 1993 e de 1995 a 1996
Dados pessoais
Nascimento 2 de julho de 1947
Clevelândia, Paraná
Morte 1º de abril de 2018 (70 anos)
Partido PDS
Profissão Advogado

Luiz Alberto Martins de Oliveira (Clevelândia, 2 de julho de 1947 - Curitiba, 1º de abril de 2018)[1] foi um advogado e político brasileiro filiado ao Aliança Renovadora Nacional (Arena) e posteriormente ao Partido Democrático Social (PDS).[1][2]

Filho de Cândido Machado Martins de Oliveira Netto, era irmão de Cândido Martins de Oliveira, que foi deputado estadual, secretário do governo paranaense e conselheiro do Tribunal de Contas do Paraná.[1]

Era formado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Assumiu o cargo de procurador do Legislativo estadual. Foi eleito deputado estadual pela primeira vez em 1974 pela Arena. Reelegeu-se em 1978, 1982 e 1986, sendo que nas duas últimas eleições, pelo PDS.[1]

Em 1990, participou como primeiro suplente da chapa vitoriosa do então candidato ao Senado, José Eduardo de Andrade Vieira, dono do banco Bamerindus. A dupla foi novamente eleita na eleição de 1994. José Eduardo se licenciou do Senado por dois períodos para ocupar o cargo de ministro nos governos de Itamar Franco e de Fernando Henrique Cardoso, portanto, assumiu Oliveira como senador do Paraná entre 1992 e 1993 e de 1995 a 1996. No fim de 1993, licenciou-se do Senado para assumir a presidência da Telepar.[1]

Durante o governo de Jaime Lerner no Paraná, foi nomeado em 1997 para o cargo de secretário especial. Já em 1998 assumiu a Casa Civil do governo estadual, ocupando o cargo até 199.[1]

Referências

  1. a b c d e f «Morre o ex-senador e ex-deputado Luiz Alberto Martins de Oliveira». Gazeta do Povo. 2 de abril de 2018. Consultado em 4 de abril de 2018 
  2. «Assembleia declara luto por 3 dias por Luiz Alberto Martins de Oliveira». Bem Paraná. 2 de abril de 2018. Consultado em 4 de abril de 2018