Mendo Castro Henriques

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2018). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Mendo henriques.jpg

António Mendo de Castro Henriques (Lisboa, 1953) é um professor universitário e investigador de filosofia e um ativista cívico e político .

Biografia[editar | editar código-fonte]

É natural de Lisboa, onde reside. Tem quatro filhos e três netos, sendo professor da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa[1] e presidente do Nós, Cidadãos![2]

Após ter completado o Curso de Defesa Nacional, IDN, 1992, foi convidado para assessor e posteriormente diretor de serviços no Instituto da Defesa Nacional. Aí desenvolveu manuais de cidadania e dirigiu os cursos de Cidadania para centenas de Professores do Ensino Secundário. Dirigiu e foi autor da coleção de livros Batalhas de Portugal da editora Tribuna da História, de Pedro Avillez e que alcançou 32 volumes, e foi parceira de filmes com a RTP-2. Coordenou o projeto "Os cidadãos e o reordenamento da segurança e defesa", a primeira proposta de serviço militar voluntário em Portugal e o Conselho de Formação Cívica, que recomendou a formação cívica no ensino.

Envolvido em atividades cívicas desde o tempo de estudante no Liceu Normal de Pedro Nunes, Lisboa, participa em instituições da sociedade civil, tendo exercido cargos, nomeadamente como secretário da Comissão das Comunidades Lusófonas da Sociedade de Geografia de Lisboa, vice-presidente da Associação Portuguesa Ética e Transparência,[3] e vice-presidente da Assembleia Geral da Associação de Auditores do Curso de Defesa Nacional. Em 1999 publicou Bem Comum dos Portugueses em co-autoria com J. B. Macedo e J. A. Maltez que foi considerado um manifesto académico.

Em 2007, juntamente com o conjunto de autores do livro O Erro da Ota, e outras personalidades foi membro fundador do Instituto da Democracia Portuguesa.[4] O IDP tem realizado seminários e fóruns, e apresentado pareceres a diversas entidades públicas do poder local e central, por uma melhor governação. Foi em 2010, membro fundador da Plataforma Ativa da Sociedade Civil. Em 2012, editou o livro "Plano C- O Combate Da Cidadania".

Em junho de 2015 juntamente com Pedro Quartin Graça e outros cidadãos foi membro fundador do partido Nós, Cidadãos!. Nas eleições legislativas de 2015, o NC não obteve representação na AR; nas eleições autárquicas de 2017, obteve representação no poder local.[5] Foi eleito presidente da Comissão Política do NC em julho de 2015 e reeleito em fevereiro de 2018.

Formação[editar | editar código-fonte]

Foi aluno do Externato Marista de Lisboa e do Liceu Normal de Pedro Nunes, em Lisboa. Após a conclusão do Curso geral dos Liceus, frequentou o curso Finanças no ISEG mas mudou para Filosofia. Licenciado em 1977 e Mestre em Filosofia pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, obteve o grau de doutor em Filosofia, na especialidade de Política, pela Universidade Católica Portuguesa, em 1991. Foi professor do Ensino Secundário e Bolseiro de investigação científica entre 1983-85 e 1987-1991 no país, e estagiou no Geschwister Scholl Institut, Munique, RFA, 1990 e na Hoover Archives, Universidade de Stanford, California, EUA, 1991.

Foi professor convidado da Universidade Internacional e da Universidade Lusíada em mestrados de relações internacionais e ciência política. Na Universidade Católica, foi diretor do GEPOLIS, onde implementou projetos de investigação apoiados pela Fundação para a Ciência e Tecnologia. É atualmente membro da direção do Centro de Estudos de Filosofia. [6]

Obras publicadas[editar | editar código-fonte]

É autor, co-autor e organizador de doze monografias e mais de oitenta artigos nas áreas de filosofia e cidadania, nomeadamente na divulgação em língua portuguesa das obras filosóficas de Eric Voegelin, Bernard Lonergan e Franz Rosenzweig. Tem obras publicadas em Portugal, Brasil, França, Holanda, Itália, e Roménia. Tem sido participante e coordenador de conferências científicas e culturais em Alemanha, Angola, Bélgica, Brasil, Chile, Espanha, EUA, França, Grã-Bretanha, Hong-Kong, Itália, Luxemburgo, Macau, Marrocos, Roménia e Rússia.

Filosofia[editar | editar código-fonte]

  • 2017 – Franz Rosenzweig e o pensamento dialógico, Lisboa, Católica editora[7]
  • 2014 – Olá, Consciência!, com N. Barros, São Paulo, É Realizações, 397 pp.[8]
  • 2013 – Olá, Consciência!, com N. Barros, Lisboa, Objectiva, 480 pp. [9]
  • 2011 - Bernard Lonergan, Insight. Um ensaio sobre o Conhecimento Humano, Introdução e tradução com Artur Morão, É Realizações, S.Paulo, 728 pp.[10]
  • 2010 - Bernard Lonergan; uma filosofia para o séc. 21, S. Paulo, É Realizações, 120 pp.[11]
  • 2010 – A Filosofia Civil de Eric Voegelin, 3ª edição, S. Paulo, É Realizações, 480 pp.[12]
  • 2009 – A Filosofia Política de Eric Voegelin, livro e vídeo livro, S. Paulo, É Realizações, 98 pp.
  • 1998 - Introdução à Política de Aristóteles e bibliografia, Lisboa, Vega, 1998. Tradução de António Amaral e Carlos Gomes. Prefácio de R.M. Rosado Fernandes . Nota Prévia de B. da Câmara.
  • 1996 - Estudos de Ideias Políticas *** De Erasmo a Nietzsche, De Eric Voegelin. Tradução e abreviação de M. C. Henriques, Lisboa, Ática, 1996 . Previstos mais 2 volumes.A Filosofia Civil de Eric Voegelin, Lisboa, Universidade Católica Editora, 1994, 400 pp. Reprodução com acrescentos da Tese de Doutoramento em Filosofia Política na Universidade Católica Portuguesa
  • 1994 - A Filosofia Civil De Eric Voegelin, Dissertação de Doutoramento, Lisboa, 2ª Edição Universidade Católica Editora, Lisboa [13]
  • 1992 - A Filosofia Civil De Eric Voegelin, Dissertação de Doutoramento, Lisboa, 1ª Edição Universidade Católica Editora, Lisboa
  • 1988 - Bibliografia Filosófica Portuguesa 1931-1987 ( em colaboração com Mª Lourdes Ganho) Palavras prévias de Francisco da Gama Caeiro, Lisboa, Sociedade Científica da Universidade Católica Portuguesa, Verbo, 404 pp.1988 ISBN 972-22-0146-8 [14]
  • 1987 - A Filosofia Política no Integralismo Lusitano (Prémio Almeida Braga - Fundação Calouste Gulbenkian) (Em colaboração com Nazaré Barros, Luís Bernardo, José António Cunha) Lisboa, Ed. dos Autores, 1987, 196 pp.
  • 1985 - "As Coerências de Fernando Pessoa" , Lisboa, 1985, 375 pp. e Lisboa, Verbo, 1989, 334 pp. Edição integral da Tese de Mestrado em Filosofia apresentada na Faculdade de Letras de Lisboa.[15]

Cidadania e História[editar | editar código-fonte]

  • 2018 – A promessa da Política, Lisboa, Católica editora [16]
  • 2012 – Plano C . O Combate da Cidadania, Org. e co-autor, Lisboa, Bertrand, 280 pp. [17]
  • 2009 - Vitória e Pirenéus, 1813 - O Exército Português na Libertação de Espanha, Lisboa, Tribuna da História, 2009, 142 pp. [18]
  • 2008 - Dossier Regicídio; o processo desaparecido, Lisboa, Tribuna da História, 2008, 214 pp. Com João Mendes Rosa, Maria João Medeiros, Luiz Alberto Moniz Bandeira e Jaime Regalado [19]
  • 2007 - O Erro da Ota e o Futuro de Portugal – Coordenador e Co-autor “Em nome do interesse nacional” apresentação da obra, pp. 7-12 Coordenador editorial e autor, 22 autores, Lisboa, Tribuna da História, 2007, 272 pp. ISBN 978-972-8799-67-0[20]
  • 2006 - Dom Duarte e a Democracia, Lisboa, Bertrand Editora, 2006, 470 pp. Prefácio de D Duarte Bragança. Posfácio de Gonçalo Ribeiro Teles
  • 2006 - Educação para a cidadania - saber & inovar, Mendo Castro Henriques, João Reis e Luís Loia.,414 pag., 2006, ISBN: 972-770-484-0 - Uma obra que atende a duas formações complementares - ética e cívica - com as respectivas diferenças criativas.
  • 2006 - Security and Migrations in the Mediterranean - Playing with Fire, 2006, Edited by Mendo Castro Henriques, Mohamed Khachani, IOS PRESS, Amsterdam, ISBN 1-58603-618-1 NATO Science Series, V: Science and Technology Policy [21]
  • 2006 - Salamanca - 1812 - Companheiros de Honra,Lisboa,Tribuna da História ISBN: 9789728799465 [22]
  • 2005 - Panorama da cidadania, Edição em quatro línguas (Português, Espanhol, Francês e Inglês) da conferência de 22 Julho 2004, Luanda, ANGOLA, Fédération Universitaire des Universités Catholiques, Centre de Recherches, PAris
  • 2004 - De Legibus - Vol. 1, Tradução da edição original de Coimbra, 1612, em latim, por Gonçalo Moita e Luís Cerqueira. Introdução de Gonçalo Moita. Apresentação de MCH, 1ª ed. Setembro, Lisboa, Tribuna, 2004
  • 1999 - Educação para a Cidadania - em colaboração com João Reis, Arlindo Gonçalves Rodrigues e Filipa Pitta da Cunha. Prefácio de Jorge Sampaio e Apresentação de Guilherme d' Oliveira Martins Lisboa, Plátano, 1ª ed. Maio de 1999; 2ª ed. Setembro de 2000; 3ª ed. Junho de 2006[23]
  • 1999 - Bem Comum dos Portugueses - em colaboração com J. B. Macedo e J. A. Maltez) Lisboa, Vega, 1999. 1ª ed. Maio de 1999; 2ª ed. Outubro de 1999.[24]
  • 1999 - A Monarquia Portuguesa - em colaboração com Gonçalo Ribeiro Telles, Henrique Barrilaro Ruas, Augusto Ferreira do Amaral, António Maria de Castro Henriques, João Aguiar e outros) Lisboa, Reader's Digest, 1999 [25]

Romance[editar | editar código-fonte]

  • 2010 – Vencer ou Morrer, (romance, vol 1º) Lisboa, Objectiva, 343 pp[26]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. https://fch.lisboa.ucp.pt/pt-pt/pessoa/mendo-henriques
  2. https://www.dn.pt/lusa/interior/nos-cidadaos-reconduz-presidente-e-quer-eleger-nas-europeias-e-legislativas-de-2019-9144237.html
  3. https://sites.google.com/site/associacaoeticaetransparencia/
  4. https://ihit.pt/pt/protocolos/idp
  5. https://www.rtp.pt/noticias/eleicoes/autarquicas/2017/partido-NC/eleicao-CM/990000
  6. http://cefi.fch.lisboa.ucp.pt/pt/o-cefi.html
  7. https://www.wook.pt/livro/franz-rosenzweig-e-o-pensamento-dialogico-mendo-castro-henriques/19658751
  8. https://www.erealizacoes.com.br/produto/ola,-consciencia!---uma-viagem-pela-filosofia
  9. https://www.wook.pt/livro/ola-consciencia-mendo-castro-henriques/14845211
  10. https://www.erealizacoes.com.br/produto/insight---um-estudo-do-conhecimento-humano
  11. https://www.erealizacoes.com.br/produto/bernard-lonergan---uma-filosofia-para-o-seculo-xxi
  12. https://www.erealizacoes.com.br/produto/a-filosofia-civil-de-eric-voegelin
  13. https://www.wook.pt/livro/a-filosofia-civil-de-eric-voegelin-mendo-castro-henriques/105752
  14. http://cid.cig.gov.pt/nyron/Library/Catalog/winlibsrch.aspx?skey=BC39D86519F54DBEBDBCFFCF8943C7CB&cap=&pesq=5&thes0=237&dtype=mosaico&doc=1798
  15. https://www.amazon.com/As-Coer%C3%AAncias-Fernando-Pessoa-Portuguese/dp/972221229X
  16. https://www.wook.pt/livro/a-promessa-da-politica-mendo-castro-henriques/22098948
  17. https://www.fnac.pt/Plano-C-O-Combate-Pela-Cidadania-Varios/a651067
  18. https://www.wook.pt/livro/vitoria-e-pireneus-1813-mendo-castro-henriques/1956739
  19. https://www.wook.pt/livro/dossier-regicidio-mendo-castro-henriques/201072
  20. http://bibliografia.bnportugal.pt/bnp/bnp.exe/registo?1701379
  21. http://ebooks.iospress.nl/volume/security-and-migrations-in-the-mediterranean
  22. https://www.wook.pt/livro/salamanca-1812-mendo-castro-henriques/110148
  23. https://www.olx.pt/anuncio/educao-para-a-cidadania-saber-inovar-de-mendo-henriques-lus-l-IDznR5H.html
  24. https://www.wook.pt/livro/bem-comum-dos-portugueses-mendo-castro-henriques/190740
  25. https://www.abebooks.com/first-edition/MONARQUIA-PORTUGUESA-Reis-rainhas-hist%C3%B3ria-Povo/12349031345/bd
  26. https://www.hardmusica.pt/cultura/livros/23094-mendo-castro-henriques-estreia-se-na-fic%C3%83%C2%A7%C3%83%C2%A3o-com-%22vencer-ou-morrer%22.html