Milos Raonic

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tenista Milos Raonic
Milos Raonic (8155425813).jpg
Alcunha(s) "Raobotnic", "Braço biônico"
País  Canadá
Residência Monte Carlo, Mônaco
Data de nasc. 27 de dezembro de 1990 (26 anos)
Local de nasc. Titogrado, Iugoslávia Iugoslávia
(atual  Montenegro)
Altura 1,96 m
Peso 90 kg
Treinado por Frédéric Niemeyer (2010)
Galo Blanco (2010–2013)
Ivan Ljubičić (2013–)
Riccardo Piatti (2014–)
Profissionalização 2008
Mão Destro
Prize money US$ 14.416.912 Fonte
Simples
Vitórias-Derrotas 259–120
Títulos 8 ATP
Melhor ranking Nº 3 (21 de novembro de 2016)
Ranking atual simples Nº 10
Resultados de Grand Slam
Open da Austrália SF (2016)
Roland Garros QF (2014)
Wimbledon F (2016)
US Open 4R (2012, 2013, 2014)
Torneios principais
Tour Finals RR (2014)
Jogos Olímpicos 2R (2012)
Duplas
Vitórias-Derrotas 22–27
Títulos 0
Melhor ranking Nº 103 (10 de junho de 2013)
Última atualização em: 6 de agosto de 2017.

Milos Raonic (Titogrado, Montenegro, 27 de dezembro de 1990) é um tenista profissional do Canadá, que já alcançou o 3° posto de simples no ranking da Associação dos Tenistas Profissionais.[1] Além de defender a Equipe Canadense de Copa Davis,[2] ele já disputou 17 finais de torneios ATP, e dessas conquistou 8 títulos.[3]

Entre seus grandes feitos na carreira, destaca-se três decisões de Masters 1000. A primeira delas veio em Montreal, no ano de 2013, sendo derrotado por Rafael Nadal.[4] Ele repetiu o feito em 2014, em Paris,[5] e na temporada de 2016, em Indian Wells,[6] mas em ambas também amargou o vice-campeonato, desta vez superado nos dois torneios por Novak Djokovic. Em 2016, foi finalista do tradicional Torneio de Wimbledon.

Sua principal arma é o saque, onde obtém dezenas de aces durante as partidas. Raonic também possui ótimo forehand e excelente jogo de rede, segundo os críticos. Considera-se que seus atuais pontos fracos são a movimentação (devido à sua altura), e o backhand.[7]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Em 2011, teve rápida e surpreendente ascensão. No Open da Austrália, ainda sendo o n.º 152 do mundo, passou a fase de qualificação e chegou até às oitavas de final. Neste torneio derrotou o n.º 10 do mundo Mikhail Youzhny na 3.ª rodada e perdeu para o n.º 7 David Ferrer nas oitavas de final. No dia 14 de fevereiro, Raonic venceu o seu primeiro título da ATP em San José, Califórnia, vencendo na final o espanhol Fernando Verdasco, n.º 9 do mundo, por 7-6(8), 7-6(5). Entrou pela primeira vez no top 50 mundial, ao chegar na final do ATP 500 de Memphis, derrotando novamente Verdasco e perdendo na final para o n.8 do mundo Andy Roddick por 6/7 (7), 7/6 (11) e 5/7. Logo após, participou da Copa Davis, vencendo 2 jogos contra o México; e chegou à terceira rodada dos Masters 1000 de Indian Wells e Monte Carlo.

Encerrou o ano de 2011 como o número 31 do mundo. Em 2012 ganhou os ATP 250 de Chennai e San Jose.[8]

No ano de 2015, Milos Raonic firmou um contrato vitalício com a multinacional New Balance, tornando-se embaixador da marca no mundo.[9]

Desempenho em Torneios[editar | editar código-fonte]

Legenda
Grand Slam (0)
Tennis Masters Cup (0)
ATP Masters 1000 (0)
ATP 500
ATP 250 (3)
Títulos por superfície
Dura (3)
Grama (0)
Saibro (0)
Carpete (0)

Títulos de Simples[editar | editar código-fonte]

Nr. Data Torneio Superfície Adversário Pontos
1. 14 de fevereiro de 2011 San Jose, Estados Unidos Dura Espanha Fernando Verdasco 7-6(8), 7-6(5)
2. 8 de Janeiro de 2012 Chennai, Índia Dura Sérvia Janko Tipsarević 6–7(4), 7–6(4), 7–6(4)
3. 19 de fevereiro de 2012 San Jose, Estados Unidos Dura Uzbequistão Denis Istomin 7-6(3), 6-2

Finais de Simples perdidas[editar | editar código-fonte]

Nr. Data Torneio Superfície Adversário Pontos
1. 26 de fevereiro de 2011 Memphis, Estados Unidos Dura Estados Unidos Andy Roddick 7-6(7), 6-7(11), 7-5
2. 26 de fevereiro de 2012 Memphis, Estados Unidos Dura Áustria Jurgen Melzer 7-5, 7-6(4)

Estatísticas em Grand Slam[editar | editar código-fonte]

Torneios 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 Vit./Part. V-D no Torneio
Australian Open - 4R 3R 4R 3R QF SF QF 0/7 23-7
Roland Garros - 1R 3R 3R QF - 4R 0/5 11-5
Wimbledon - 2R 2R 2R SF 3R F 0/6 16-6
US Open 1R - 4R 4R 4R 3R 2R 0/6 12-6

Referências

  1. «Milos Raonic | Overview | ATP World Tour | Tennis». ATP World Tour (em inglês). Consultado em 21 de março de 2016 
  2. «www.daviscup.com/en/players/player/profile.aspx?playerid=100052417». www.daviscup.com. Consultado em 21 de março de 2016 
  3. «Milos Raonic | Titles and Finals | ATP World Tour | Tennis». ATP World Tour (em inglês). Consultado em 21 de março de 2016 
  4. «Nadal passeia em quadra contra Raonic e leva o Masters de Montreal». sportv.com. Consultado em 20 de março de 2016 
  5. «Djokovic vence Raonic e é campeão do Masters 1000 de Paris». Terra. Consultado em 21 de março de 2016 
  6. «TenisBrasil - Djokovic domina Raonic e iguala recorde de Nadal». TenisBrasil, a cobertura completa do circuito do tênis está aqui. Consultado em 21 de março de 2016 
  7. Análise de Raonic
  8. perfil de Raonic na ATP-Todos os dados da sua vida profissional
  9. Agency, Ezlon. «New Balance firmó un contrato de por vida con Milos Raonic». Marketing Registrado / La Comunidad del Marketing Deportivo. Consultado em 8 de setembro de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]