Australian Open de 2011

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Open da Austrália de 2011)
Ir para: navegação, pesquisa
Australian Open de 2011
Detalhes
Data 17 a 30 de janeiro
Edição 99ª
Local Melbourne Park
Austrália Melbourne, Austrália
Organização Federação Internacional de Tênis (ITF)
Tennis Australia
Direção Craig Tiley
Categoria Grand Slam
Piso duro (Plexicushion)
Premiação total A$ 25.000.000
Campeões
Profissionais
Simples masculino Sérvia Novak Djokovic
Simples feminino Bélgica Kim Clijsters
Duplas masculinas Estados Unidos Bob Bryan
Estados Unidos Mike Bryan
Duplas femininas Argentina Gisela Dulko
Itália Flavia Pennetta
Duplas mistas Eslovénia Katarina Srebotnik
Canadá Daniel Nestor
Juvenis
Simples masculino República Checa Jiří Veselý
Simples feminino Bélgica An-Sophie Mestach
Duplas masculinas Eslováquia Filip Horanský
República Checa Jiří Veselý
Duplas femininas Bélgica An-Sophie Mestach
Países Baixos Demi Schuurs
Cadeirantes
Simples masculino Japão Shingo Kunieda
Simples feminino Países Baixos Esther Vergeer
Simples tetraplégico Estados Unidos David Wagner
Duplas masculinas Japão Shingo Kunieda
Países Baixos Maikel Scheffers
Duplas femininas Países Baixos Esther Vergeer
Países Baixos Sharon Walraven
Duplas tetraplégicas Reino Unido Andrew Lapthorne
Reino Unido Peter Norfolk
Edições
Australian Open
2010
2012
Grand Slam

O Australian Open de 2011 foi um torneio de tênis disputado nas quadras duras do Melbourne Park, em Melbourne, na Austrália, entre 17 e 30 de janeiro.[1] Foi a 43ª edição da era aberta e a 99ª de todos os tempos.

Pontuação e premiação[editar | editar código-fonte]

Distribuição de pontos[editar | editar código-fonte]

ATP[2] e WTA[3] informam suas pontuações em Grand Slam, distintas entre si, em simples e em duplas. A ITF responde exclusivamente pelos juvenis[4] e cadeirantes.[5]

Considerado torneio amistoso, o de duplas mistas não gera pontos.

No juvenil, os simplistas jogam três fases de qualificatório, mas só os que passam à chave principal pontuam. Em duplas, a pontuação é por jogador. Os campeões de ambas modalidades recebem pontos adicionais de bônus (os valores da tabela já somam as duas pontuações).

Profissional[editar | editar código-fonte]

Evento V F SF QF R16 R32 R64 R128 Q Q3 Q2 Q1
Simples masculino 2000 1200 720 360 180 90 45 10 25 16 8 0
Duplas masculinas 0
Simples feminino 1400 900 500 280 160 100 5 60 50 40 2
Duplas femininas 5

Premiação[editar | editar código-fonte]

A premiação aumentou em 3,8% relação a 2010. Os títulos de simples tiveram um acréscimo de A$ 100.000 cada.

O número de participantes em simples se difere somente na fase qualificatória (128 homens contra 96 mulheres). Os valores para duplas são por par. Diferentemente da pontuação, não há recompensa aos vencedores do qualificatório.

Entre os cadeirantes, além de simples e duplas, há a adição dos mesmos eventos para tetraplégicos, o que também ocorre no US Open. Contudo, os valores dessa categoria, dos qualificatórios de simples ou per diem não são detalhados. O total da premiação inclui essas informações ocultas mais as expostas na tabela abaixo. Os juvenis não são pagos.[6]

Evento V F SF QF Últimos 16 Últimos 32 Últimos 64 Últimos 128 Q3 Q2 Q1
Contemplados 1 1 2 4 8 16 32 64 16H / 12M 32H / 24M 64H / 48M
Simples (2) A$ 2.200.000 A$ 1.100.000 A$ 420.000 A$ 210.000 A$ 93.000 A$ 54.500 A$ 32.000 A$ 20.000 não informado não informado não informado
Duplas (2) A$ 454.500 A$ 227.250 A$ 113.000 A$ 56.000 A$ 31.500 A$ 17.200 A$ 9.600
Duplas mistas A$ 135.500 A$ 67.500 A$ 33.900 A$ 15.500 A$ 7.800 A$ 3.800

Total da premiação: A$ 25.000.000

Cabeças de chave[editar | editar código-fonte]

Simples[editar | editar código-fonte]

Masculino[editar | editar código-fonte]

Jogador Percurso
1 Espanha Rafael Nadal 1/4 de final perdeu com Espanha David Ferrer (7)
2 Suíça Roger Federer 1/2 final perdeu com Sérvia Novak Đoković (3)
3 Sérvia Novak Đoković Vencedor de Reino Unido Andy Murray (5)
4 Suécia Robin Söderling 1/8 de final perdeu com Ucrânia Alexandr Dolgopolov
5 Reino Unido Andy Murray Finalista vencido por Sérvia Novak Đoković (3)
6 República Checa Tomáš Berdych 1/4 de final perdeu com Sérvia Novak Đoković (3)
7 Espanha David Ferrer 1/2 final perdeu com Reino Unido Andy Murray (5)
8 Estados Unidos Andy Roddick 4.º jogo perdeu com Suíça Stanislas Wawrinka (19)
9 Espanha Fernando Verdasco 4.º jogo perdeu com República Checa Tomáš Berdych (6)
10 Rússia Mikhail Youzhny 3.º jogo perdeu com Canadá Milos Raonic (Q)
11 Áustria Jürgen Melzer 4.º jogo perdeu com Reino Unido Andy Murray (5)
12 França Gaël Monfils 3.º jogo perdeu com Suíça Stanislas Wawrinka (19)
13 França Jo-Wilfried Tsonga 3.º jogo perdeu com Ucrânia Alexandr Dolgopolov
14 Espanha Nicolás Almagro 4.º jogo perdeu com Sérvia Novak Đoković (3)
15 Croácia Marin Čilić 4.º jogo perdeu com Espanha Rafael Nadal (1)
16 Estados Unidos Mardy Fish 2.º jogo perdeu com Espanha Tommy Robredo
Jogador Percurso
17 Croácia Ivan Ljubičić 3.º jogo perdeu com Espanha Nicolás Almagro
18 Estados Unidos Sam Querrey 1.º jogo perdeu com Polónia Łukasz Kubot
19 Suíça Stanislas Wawrinka 1/4 de final perdeu com Suíça Roger Federer (2)
20 Estados Unidos John Isner 3.º jogo perdeu com Croácia Marin Čilić (15)
21 Chipre Marcos Baghdatis 3.º jogo abandonou frente a Áustria Jürgen Melzer (11)
22 França Michaël Llodra 2.º jogo perdeu com Canadá Milos Raonic (Q)
23 Rússia Nikolay Davydenko 1.º jogo perdeu com Alemanha Florian Mayer
24 Letónia Ernests Gulbis 1.º jogo perdeu com Alemanha Benjamin Becker
25 Espanha Albert Montañés 2.º jogo perdeu com Bélgica Xavier Malisse
26 Argentina Juan Mónaco 2.º jogo perdeu com Países Baixos Robin Haase
27 Argentina David Nalbandian 2.º jogo abandonou frente a Lituânia Ricardas Berankis
28 França Richard Gasquet 3.º jogo perdeu com República Checa Tomáš Berdych (6)
29 Sérvia Viktor Troicki 3.º jogo abandonou frente a Sérvia Novak Đoković (3)
30 Brasil Thomaz Bellucci 2.º jogo perdeu com República Checa Jan Hernych (Q)
31 Espanha Feliciano López 2.º jogo perdeu com Austrália Bernard Tomic (WC)
32 Espanha Guillermo García-López 3.º jogo perdeu com Reino Unido Andy Murray (5)

Finais[editar | editar código-fonte]

Profissional[editar | editar código-fonte]

Categoria Evento Campeã(s)(o/ões) Vice-campeã(s)(o/ões) Resultado Chave(s)
Simples Masculino Sérvia Novak Djokovic Reino Unido Andy Murray 6–4, 6–2, 6–3
principal
qualificatório
Feminino Bélgica Kim Clijsters China Li Na 3–6, 6–3, 6–3
principal
qualificatório
Duplas Masculino Estados Unidos Bob Bryan
Estados Unidos Mike Bryan
Índia Mahesh Bhupathi
Índia Leander Paes
6–3, 6–4
principal
Feminino Argentina Gisela Dulko
Itália Flavia Pennetta
Bielorrússia Victoria Azarenka
Rússia Maria Kirilenko
2–6, 7–5, 6–1
principal
Misto Eslovénia Katarina Srebotnik
Canadá Daniel Nestor
Taipei chinesa Chan Yung-jan
Austrália Paul Hanley
6–3, 3–6, [10–7]
principal

Juvenil[editar | editar código-fonte]

Categoria Evento Campeã(s)(o/ões) Vice-campeã(s)(o/ões) Resultado Chave(s)
Simples Masculino República Checa Jiří Veselý Austrália Luke Saville 6–0, 6–3
principal
qualificatório
Feminino Bélgica An-Sophie Mestach Porto Rico Mónica Puig 6–4, 6–2
principal
qualificatório
Duplas Masculino Eslováquia Filip Horanský
República Checa Jiří Veselý
Austrália Ben Wagland
Austrália Andrew Whittington
6–4, 6–4
principal
Feminino Bélgica An-Sophie Mestach
Países Baixos Demi Schuurs
Japão Eri Hozumi
Japão Miyu Kato
6–2, 6–3
principal

Cadeirante[editar | editar código-fonte]

Categoria Evento Campeã(s)(o/ões) Vice-campeã(s)(o/ões) Resultado Chave
Simples Masculino Japão Shingo Kunieda França Stéphane Houdet 6–0, 6–3
principal
Feminino Países Baixos Esther Vergeer Austrália Daniela di Toro 6–0, 6–0
principal
Tetraplégico Estados Unidos David Wagner Reino Unido Peter Norfolk 6–2, 6–3
principal
Duplas Masculino Japão Shingo Kunieda
Países Baixos Maikel Scheffers
França Stéphane Houdet
França Nicolas Peifer
6–3, 6–3
principal
Feminino Países Baixos Esther Vergeer
Países Baixos Sharon Walraven
Países Baixos Jiske Griffioen
Países Baixos Aniek van Koot
6–0, 6–2
principal
Tetraplégico Reino Unido Andrew Lapthorne
Reino Unido Peter Norfolk
Estados Unidos Nicholas Taylor
Estados Unidos David Wagner
6–3, 6–3
principal

Referências

  1. «Live:Fox Sports returns to broadcast Australian Open, first grand slam of tennis season» (em inglês). foxsports.com.au. Cópia arquivada em 13 de setembro de 2017 
  2. «2011 ATP World Tour Media Guide» (PDF) (em inglês). ATP. p. 257 (arquivo); 256 (digitalização). Consultado em 23 de julho de 2015 
  3. «2011 WTA Media Guide» (PDF) (em inglês). wtatennis.com. p. 138. Consultado em 23 de julho de 2015 
  4. «Tournament Grades» (em inglês). itftennis.com. Cópia arquivada em 29 de junho de 2011 
  5. «ITF Wheelchair Ranking System» (PDF) (em inglês). A página "http://web.archive.org/web/20130102012352/http://www.itftennis.com/wheelchair/rankings/rankings-explained.aspx" dá acesso ao arquivo PDF que tem o título "Wheelchair Tennis Rules and Regulations 2011 - Rankings". Este permaneceu o mesmo também nos anos de 2012 e 2013, pela pesquisa de arquivo. itftennis.com. p. 5. Cópia arquivada (PDF) em 2011 
  6. «Prize Money» (em inglês). australianopen.com. Cópia arquivada em 20 de janeiro de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]