US Open de 2015

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
US Open de 2015
Detalhes
Data 31 de agosto a 13 de setembro
Edição 135ª
Local USTA Billie Jean King National Tennis Center
Estados Unidos Nova York, Estados Unidos
Organização Federação Internacional de Tênis (ITF)
United States Tennis Association (USTA)
Direção David Brewer
Categoria Grand Slam
Piso duro (DecoTurf)
Premiação total US$ 42.253.400
Campeões
Profissionais
Simples masculino Sérvia Novak Djokovic
Simples feminino Itália Flavia Pennetta
Duplas masculinas França Pierre-Hugues Herbert
França Nicolas Mahut
Duplas femininas Suíça Martina Hingis
Índia Sania Mirza
Duplas mistas Suíça Martina Hingis
Índia Leander Paes
Juvenis
Simples masculino Estados Unidos Taylor Harry Fritz
Simples feminino Hungria Dalma Gálfi
Duplas masculinas Canadá Félix Auger-Aliassime
Canadá Denis Shapovalov
Duplas femininas Eslováquia Viktória Kužmová
Rússia Aleksandra Pospelova
Cadeirantes
Simples masculino Japão Shingo Kunieda
Simples feminino Reino Unido Jordanne Whiley
Simples tetraplégico Austrália Dylan Alcott
Duplas masculinas Japão França Stéphane Houdet
Reino Unido Gordon Reid
Duplas femininas Países Baixos Jiske Griffioen
Países Baixos Aniek van Koot
Duplas tetraplégicas Estados Unidos Nicholas Taylor
Estados Unidos David Wagner
Outros eventos
Duplas masculinas convidadas Austrália Pat Cash
Austrália Mark Philippoussis
Duplas femininas convidadas final não disputada
Edições
US Open
2014
2016
Grand Slam

O US Open de 2015 foi um torneio de tênis disputado nas quadras duras do USTA Billie Jean King National Tennis Center, no Flushing Meadows-Corona Park, no distrito do Queens, em Nova York, nos Estados Unidos, entre 31 de agosto e 13 de setembro.[1] Foi a 48ª edição da era aberta e a 135ª de todos os tempos.

Marin Čilić defendia o título, mas perdeu para o campeão Novak Djokovic, que não completou o Grand Slam em 2015 – a tentativa foi interrompida em Roland Garros –, mas conquistou seu segundo US Open, batendo o suíço Roger Federer. Foi o décimo major na carreira do sérvio, número 1 do ranking mundial na presente data.[2] Serena Williams, campeã das três últimas edições do evento e a dois jogos de completar o Grand Slam, caiu na semifinal para Roberta Vinci. A penúltima fase feminina foi marcada pela eliminação das duas primeiras cabeças de chave por tenistas italianas, que fizeram a primeira final em simples de suas carreiras. Flavia Pennetta levou a melhor e levantou o troféu aos 33 anos.[3]

Martina Hingis repetiu a dobradinha de Wimbledon, ganhando as duas duplas: femininas com Sania Mirza[4] e mistas com Leander Paes.[5] Junto de Paes, foi o terceiro major no ano. Nas masculinas, seguindo o padrão da temporada em contemplar novos campeões, os franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut aproveitaram a oportunidade.[6]

Reforma na Ashe[editar | editar código-fonte]

A Arthur Ashe Stadium, principal do torneio, teve as primeiras fases da obra que inclui o teto retrátil concluídas, com as vigas de aço instaladas, além da inclusão de novos telões, iluminação de LED e sistema de som.[7] A edição de 2016 será a primeira com a Ashe tendo a opção de cobertura, e jogos disputados na nova Grandstand (a antiga será demolida[8] para a construção da nova Louis Armnstrong, em 2018).

Retorno à conclusão no domingo[editar | editar código-fonte]

Após dois anos ocorrendo ao longo de quinze dias, o US Open retorna à tradicional programação de quatorze dias, o que impacta sobre todos os eventos profissionais. As semifinais femininas de simples seriam disputadas na noite de 10 de setembro, enquanto que as masculinas, no dia seguinte, após a final de duplas mistas.[nota 1] A final de duplas masculinas abriu o sábado, antes da decisão feminina de simples. No domingo, veio a de duplas femininas, antecedendo a masculina de simples, que encerrou o torneio.

Transmissão[editar | editar código-fonte]

Estes foram os países e regiões, e seus respectivos meios de comunicação, que transmitiram esta edição do torneio:[9]

Pontuação e premiação[editar | editar código-fonte]

Distribuição de pontos[editar | editar código-fonte]

ATP[10] e WTA[11] informam suas pontuações em Grand Slam, distintas entre si, em simples e em duplas. A ITF responde exclusivamente pelos juvenis[12] e cadeirantes.[13]

Considerado torneio amistoso, o de duplas mistas não gera pontos.

No juvenil, os simplistas jogam duas fases de qualificatório, mas só os que passam à chave principal pontuam. Em duplas, a pontuação é por jogador. A partir da fase com 16, os competidores recebem pontos adicionais de bônus (os valores da tabela já somam as duas pontuações).

Profissional[editar | editar código-fonte]

Evento V F SF QF R16 R32 R64 R128 Q Q3 Q2 Q1
Simples masculino 2000 1200 720 360 180 90 45 10 25 16 8 0
Duplas masculinas 0
Simples feminino 1300 780 430 240 130 70 10 40 30 20 2
Duplas femininas 10

Premiação[editar | editar código-fonte]

A premiação geral aumentou 10,5% em relação a 2014. Os títulos de simples tiveram um acréscimo de US$ 300.000 cada.

O US Open possui o mesmo número de participantes - 128 - nas chaves do qualificatório masculino e feminino, o que não acontece nos outros Slam. Os valores para duplas são por par. Diferentemente da pontuação, não há recompensa aos vencedores do qualificatório.

Entre os cadeirantes, além de simples e duplas, há a adição dos mesmos eventos para tetraplégicos, o que também ocorre no Australian Open. Contudo, os valores dos prêmios não são detalhados, constando o total em "Outros eventos". Os juvenis não são pagos.[14]

Evento V F SF QF Últimos 16 Últimos 32 Últimos 64 Últimos 128 Q3 Q2 Q1
Contemplados 1 1 2 4 8 16 32 64 16 32 64
Simples (2) US$ 3.300.000 US$ 1.600.000 US$ 805.000 US$ 410.975 US$ 213.575 US$ 120.200 US$ 68.600 US$ 39.500 US$ 15.000 US$ 10.000 US$ 5.000
Duplas (2) US$ 570.000 US$ 275.000 US$ 133.150 US$ 67.675 US$ 35.025 US$ 21.700 US$ 14.200
Duplas mistas US$ 150.000 US$ 70.000 US$ 30.000 US$ 15.000 US$ 10.000 US$ 5.000

Outros eventos: US$ 570.000

Total dos eventos: US$ 40.775.400

Per diem (estimado): US$ 1.478.000

Total da premiação: US$ 42.253.400

Premiação extra[editar | editar código-fonte]

O US Open Series é a série de torneios preparatórios para o Grand Slam norte-americano. A campanha dos tenistas de simples gera pontos. Os três maiores pontuadores, de ambos os gêneros, asseguram o direito de ganhar um prêmio extra em dinheiro, dependendo de seus desempenhos em Nova York, de acordo com a tabela abaixo.[15]

US Open Series de 2015
Torneios participantes: Atlanta, Montreal, Cincinnati e Winston-Salem (ATP); Stanford, Toronto, Cincinnati e New Haven (WTA)
Posição/Fase V F SF QF 4ª fase 3ª fase 2ª fase 1ª fase Premiados
1º lugar US$ 1.000.000 US$ 500.000 US$ 250.000 US$ 125.000 US$ 70.000 US$ 40.000 US$ 25.000 US$ 15.000 Reino Unido Andy Murray US$ 70.000
República Checa Karolína Plíšková US$ 15.000
2º lugar US$ 500.000 US$ 250.000 US$ 125.000 US$ 62.500 US$ 35.000 US$ 20.000 US$ 12.500 US$ 7.500 Sérvia Novak Djokovic US$ 500.000
Estados Unidos Serena Williams US$ 125.000
3º lugar US$ 250.000 US$ 125.000 US$ 62.500 US$ 31.250 US$ 17.500 US$ 10.000 US$ 6.250 US$ 3.750 Estados Unidos John Isner US$ 17.500
Roménia Simona Halep US$ 62.500

Cabeças de chave[editar | editar código-fonte]

Cabeças baseados(as) nos rankings de 24 de agosto de 2015. Os rankings e pontos são a partir de 31 de agosto de agosto de 2015.[16]

A colocação individual nos rankings de duplas masculinas e femininas ajudam a definir os cabeças de chaves nestas categorias e também na de mistas.

Em verde, o(s) cabeça(s) de chave campeão(ões). Em vermelho, o(s) vice-campeão(ões).

Simples[editar | editar código-fonte]

Pelo fato de o US Open estar sendo disputado uma semana mais tarde em relação a 2014, os pontos a defender incluem o US Open de 2014 e os torneios da semana de 8 de setembro do mesmo ano - Copa Davis para os homens; Hong Kong, Quebec e Tashkent para as mulheres.

Masculino[editar | editar código-fonte]

Cabeça Ranking Jogador Pontos
anteriores
Pontos
a defender
Pontos
conquistados
Nova
pontuação
Eliminado
na
Eliminado por
1 1 Sérvia Novak Djokovic 14.865 720 2.000 16.145 Campeão
2 2 Suíça Roger Federer 9.065 720+140 1.200 9.405 F Sérvia Novak Djokovic [1]
3 3 Reino Unido Andy Murray 8.840 360 180 8.660 4ª fase África do Sul Kevin Anderson [15]
4 4 Japão Kei Nishikori 6.205 1.200 10 5.015 1ª fase França Benoît Paire
5 5 Suíça Stan Wawrinka 5.710 360+70 720 6.000 SF Suíça Roger Federer [2]
6 6 República Checa Tomáš Berdych 5.230 360 180 5.050 4ª fase França Richard Gasquet [12]
7 7 Espanha David Ferrer 3.695 90 90 3.695 3ª fase França Jérémy Chardy [27]
8 8 Espanha Rafael Nadal 3.680 0 90 3.770 3ª fase Itália Fabio Fognini [32]
9 9 Croácia Marin Čilić 3.550 2.000 720 2.270 SF Sérvia Novak Djokovic [1]
10 10 Canadá Milos Raonic 2.880 180 90 2.790 3ª fase Espanha Feliciano López [18]
11 11 França Gilles Simon 2.730 180 10 2.560 1ª fase Estados Unidos Donald Young
12 12 França Richard Gasquet 2.240 90+65 360+45 2.490 QF Suíça Roger Federer [2]
13 13 Estados Unidos John Isner 2.235 90 180 2.325 4ª fase Suíça Roger Federer [2]
14 15 Bélgica David Goffin 2.130 90+15 90 2.115 3ª fase, ab. Espanha Roberto Bautista Agut [23]
15 14 África do Sul Kevin Anderson 2.160 90 360 2.430 QF Suíça Stan Wawrinka [5]
16 16 França Gaël Monfils 1.850 360 10 1.500 1ª fase, ab. Ucrânia Illya Marchenko [Q]
17 17 Bulgária Grigor Dimitrov 1.735 180 45 1.600 2ª fase Cazaquistão Mikhail Kukushkin
18 19 Espanha Feliciano López 1.665 90 360 1.935 QF Sérvia Novak Djokovic [1]
19 18 França Jo-Wilfried Tsonga 1.675 180+70 360 1.785 QF Croácia Marin Čilić [9]
20 20 Áustria Dominic Thiem 1.645 180 90 1.555 3ª fase África do Sul Kevin Anderson [15]
21 21 Croácia Ivo Karlović 1.620 45 45 1.620 2ª fase República Checa Jiří Veselý
22 22 Sérvia Viktor Troicki 1.559 83+100 90+45 1.511 3ª fase Estados Unidos Donald Young
23 23 Espanha Roberto Bautista Agut 1.510 180 180 1.510 4ª fase Sérvia Novak Djokovic [1]
24 24 Austrália Bernard Tomic 1.465 45 90 1.510 3ª fase França Richard Gasquet [12]
25 25 Itália Andreas Seppi 1.430 45 90 1.475 3ª fase Sérvia Novak Djokovic [1]
26 26 Espanha Tommy Robredo 1.405 180 90 1.315 3ª fase França Benoît Paire
27 27 França Jérémy Chardy 1.300 45 180 1.435 4ª fase Croácia Marin Čilić [9]
28 28 Estados Unidos Jack Sock 1.250 10 45 1.285 2ª fase, ab. Bélgica Ruben Bemelmans
29 29 Alemanha Philipp Kohlschreiber 1.230 180 90 1.140 3ª fase Suíça Roger Federer [2]
30 30 Brasil Thomaz Bellucci 1.190 45 90 1.235 3ª fase Reino Unido Andy Murray [3]
31 31 Espanha Guillermo García-López 1.190 45 90 1.235 3ª fase República Checa Tomáš Berdych [6]
32 32 Itália Fabio Fognini 1.165 45 180 1.300 4ª fase França Feliciano López [18]

Feminino[editar | editar código-fonte]

Cabeça Ranking Jogadora Pontos
anteriores
Pontos
a defender
Pontos
conquistados
Nova
pontuação
Eliminada
na
Eliminada por
1 1 Estados Unidos Serena Williams 12.721 2.000 780 11.501 SF Itália Roberta Vinci
2 2 Roménia Simona Halep 6.130 130 780 6.780 SF Itália Flavia Pennetta [26]
4 5 Dinamarca Caroline Wozniacki 4.740 1.300 70 3.510 2ª fase República Checa Petra Cetkovská [PR]
5 4 República Checa Petra Kvitová 4.995 130 430 5.295 QF Itália Flavia Pennetta [26]
6 6 República Checa Lucie Šafářová 3.800 240 10 3.570 1ª fase Ucrânia Lesia Tsurenko
7 7 Sérvia Ana Ivanović 3.500 70 10 3.440 1ª fase Eslováquia Dominika Cibulková
8 8 República Checa Karolína Plíšková 3.335 130 10 3.440 1ª fase Estados Unidos Anna Tatishvili [Q]
9 9 Espanha Garbiñe Muguruza 3.245 10 70 3.305 2ª fase Reino Unido Johanna Konta [Q]
10 10 Espanha Carla Suárez Navarro 3.190 130 10 3.070 1ª fase República Checa Denisa Allertová
11 11 Alemanha Angelique Kerber 3.150 130 130 3.150 3ª fase Bielorrússia Victoria Azarenka [20]
12 12 Suíça Belinda Bencic 3.035 430 130 2.735 3ª fase Estados Unidos Venus Williams [23]
13 13 Rússia Ekaterina Makarova 2.920 780 240 2.380 4ª fase França Kristina Mladenovic
14 14 Suíça Timea Bacsinszky 2.896 70 10 2.836 1ª fase República Checa Barbora Strýcová
15 15 Polónia Agnieszka Radwańska 2.760 70 130 2.820 3ª fase Estados Unidos Madison Keys [19]
16 16 Itália Sara Errani 2.610 430 130 2.310 3ª fase Austrália Samantha Stosur [22]
17 17 Ucrânia Elina Svitolina 2.530 10 130 2.650 3ª fase Rússia Ekaterina Makarova [13]
18 18 Alemanha Andrea Petkovic 2.450 130 130 2.450 3ª fase Reino Unido Johanna Konta [Q]
19 19 Estados Unidos Madison Keys 2.275 70 240 2.445 4ª fase Estados Unidos Serena Williams [1]
20 20 Bielorrússia Victoria Azarenka 2.271 430 430 2.271 QF Roménia Simona Halep [2]
21 21 Sérvia Jelena Janković 2.135 240 10 1.905 1ª fase França Océane Dodin [WC]
22 22 Austrália Samantha Stosur 2.135 70 240 2.305 4ª fase Itália Flavia Pennetta [26]
23 23 Estados Unidos Venus Williams 2.072 130+180 430 2.372 QF Estados Unidos Serena Williams [1]
24 24 Alemanha Sabine Lisicki 1.945 130+280 240+1 1.776 4ª fase Roménia Simona Halep [2]
25 25 Canadá Eugenie Bouchard 1.887 240 240 1.887 4ª fase, w.o. Itália Roberta Vinci
26 26 Itália Flavia Pennetta 1.747 430 2000 3.317 Campeã
27 27 França Alizé Cornet 1.745 130 10 1.625 1ª fase Japão Kurumi Nara
28 28 Roménia Irina-Camelia Begu 1.676 70+30 10+1 1.587 1ª fase Bielorrússia Olga Govortsova
29 29 Estados Unidos Sloane Stephens 1.621 70 10 1.561 1ª fase Estados Unidos Coco Vandeweghe
30 30 Rússia Svetlana Kuznetsova 1.572 10 10 1.572 1ª fase França Kristina Mladenovic
31 31 Rússia Anastasia Pavlyuchenkova 1.550 70 70 1.550 2ª fase Estónia Anett Kontaveit [Q]
32 32 Eslováquia Anna Karolína Schmiedlová 1.451 10 130 1.571 3ª fase República Checa Petra Kvitová [5]
Desistências[editar | editar código-fonte]
Ranking Jogadora Pontos
anteriores
Pontos
a defender
Nova
pontuação
Motivo
3 Rússia Maria Sharapova 6.035 240 5.795 Lesão na perna direita[17]

Duplas[editar | editar código-fonte]

Mistas[editar | editar código-fonte]

Cabeça Ranking Equipe
1 21 Índia Sania Mirza Brasil Bruno Soares
2 26 Taipé Chinesa Chan Yung-jan Índia Rohan Bopanna
3 30 República Checa Lucie Hradecká Polónia Marcin Matkowski
4 31 Suíça Martina Hingis Índia Leander Paes
6 42 Cazaquistão Yaroslava Shvedova Colômbia Juan Sebastián Cabal
7 43 Estados Unidos Raquel Kops-Jones África do Sul Raven Klaasen
8 44 Alemanha Julia Görges Sérvia Nenad Zimonjić
Desistências[editar | editar código-fonte]
Cabeça Ranking Equipe
5 35 Países Baixos Michaëlla Krajicek Países Baixos Jean-Julien Rojer

Convidados à chave principal[editar | editar código-fonte]

Os jogadores a seguir receberam convite para disputar diretamente a chave principal, baseados em seleção interna ou desempenhos recentes.

Simples[editar | editar código-fonte]

Masculino Feminino

Duplas[editar | editar código-fonte]

Masculinas Femininas Mistas

Qualificados à chave principal[editar | editar código-fonte]

O qualificatório aconteceu no USTA Billie Jean King National Tennis Center entre 25 de 28 de agosto de 2015.

Simples[editar | editar código-fonte]

Masculino Feminino
  1. França Paul-Henri Mathieu
  2. Alemanha Alexander Zverev
  3. Argentina Guido Pella
  4. Alemanha Michael Berrer
  5. Geórgia Nikoloz Basilashvili
  6. Japão Yoshihito Nishioka
  7. Áustria Jürgen Melzer
  8. Austrália Matthew Ebden
  9. Rússia Evgeny Donskoy
  10. Rússia Andrey Rublev
  11. Estados Unidos Tommy Paul
  12. Austrália John-Patrick Smith
  13. Suécia Elias Ymer
  14. Rússia Konstantin Kravchuk
  15. Colômbia Alejandro González
  16. Ucrânia Illya Marchenko
  1. Estados Unidos Jessica Pegula
  2. Croácia Tereza Mrdeža
  3. Reino Unido Johanna Konta
  4. Grécia Maria Sakkari
  5. Estónia Anett Kontaveit
  6. Ucrânia Kateryna Bondarenko
  7. Rússia Elizaveta Kulichkova
  8. Países Baixos Kiki Bertens
  9. Rússia Alexandra Panova
  10. Ucrânia Kateryna Kozlova
  11. Letónia Jeļena Ostapenko
  12. Alemanha Laura Siegemund
  13. Japão Mayo Hibi
  14. Bielorrússia Aliaksandra Sasnovich
  15. Estados Unidos Shelby Rogers
  16. Estados Unidos Anna Tatishvili

Lucky losers

  1. Rússia Daria Kasatkina

Dia a dia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: US Open de 2015 - Dia a dia

Eliminações em simples[editar | editar código-fonte]

Masculino[editar | editar código-fonte]

Feminino[editar | editar código-fonte]

Finais[editar | editar código-fonte]

Profissional[editar | editar código-fonte]

Categoria Evento Campeã(s)(o/ões) Vice-campeã(s)(o/ões) Resultado Chave(s)
Simples Masculino Sérvia Novak Djokovic Suíça Roger Federer 6–4, 5–7, 6–4, 6–4
principal
qualificatório
Feminino Itália Flavia Pennetta Itália Roberta Vinci 7–64, 6–2
principal
qualificatório
Duplas Masculino França Pierre-Hugues Herbert
França Nicolas Mahut
Reino Unido Jamie Murray
Austrália John Peers
6–4, 6–4
principal
Feminino Suíça Martina Hingis
Índia Sania Mirza
Austrália Casey Dellacqua
Cazaquistão Yaroslava Shvedova
6–3, 6–3
principal
Misto Suíça Martina Hingis
Índia Leander Paes
Estados Unidos Bethanie Mattek-Sands
Estados Unidos Sam Querrey
6–4, 3–6, [10–7]
principal

Juvenil[editar | editar código-fonte]

Categoria Evento Campeã(s)(o/ões) Vice-campeã(s)(o/ões) Resultado Chave(s)
Simples Masculino Estados Unidos Taylor Harry Fritz Estados Unidos Tommy Paul 6–2, 46–7, 6–2
principal
qualificatório
Feminino Hungria Dalma Gálfi Estados Unidos Sofia Kenin 7–5, 6–4
principal
qualificatório
Duplas Masculino Canadá Félix Auger-Aliassime
Canadá Denis Shapovalov
Estados Unidos Brandon Holt
Estados Unidos Riley Smith
7–5, 7–63
principal
Feminino Eslováquia Viktória Kužmová
Rússia Aleksandra Pospelova
Rússia Anna Kalinskaya
Rússia Anastasia Potapova
7–5, 6–2
principal

Cadeirante[editar | editar código-fonte]

Categoria Evento Campeã(s)(o/ões) Vice-campeã(s)(o/ões) Resultado Chave
Simples Masculino Japão Shingo Kunieda França Stéphane Houdet 46–7, 6–3, 6–2
principal
Feminino Reino Unido Jordanne Whiley Japão Yui Kamiji 6–4, 0–6, 6–1
principal
Tetraplégico Austrália Dylan Alcott Estados Unidos David Wagner 6–1, 4–6, 7–5
principal
Duplas Masculino França Stéphane Houdet
Reino Unido Gordon Reid
França Michaël Jeremiasz
França Nicolas Peifer
6–3, 6–1
principal
Feminino Países Baixos Jiske Griffioen
Países Baixos Aniek van Koot
Países Baixos Marjolein Buis
Alemanha Sabine Ellerbrock
7–63, 6–1
principal
Tetraplégico Estados Unidos Nicholas Taylor
Estados Unidos David Wagner
Austrália Dylan Alcott
Reino Unido Andrew Lapthorne
4–6, 6–2, [10–7]
principal

Outros eventos[editar | editar código-fonte]

Categoria Evento Campeã(s)(o/ões) Vice-campeã(s)(o/ões) Resultado Chave
Duplas
convidadas
Masculinas Austrália Pat Cash
Austrália Mark Philippoussis
Estados Unidos Michael Chang
Estados Unidos Todd Martin
6–2, 6–1
principal
Femininas
Estados Unidos Lindsay Davenport / Estados Unidos Mary Joe Fernández vs.
Estados Unidos Tracy Austin / Estados Unidos Gigi Fernández
não disputada
principal

Notas

  1. Por causa da chuva no dia 10, as semifinais femininas foram adiadas para o dia seguinte, no período diurno, enquanto que as masculinas foram programadas na sessão noturna.
  2. a b Vencedor(a) do USTA Pro Circuit's US Open Wild Card Challenge.
  3. a b Vencedor(a) da NCAA Division I.
  4. a b Vencedor(es) do torneio, para wild card do US Open, de Kalamazoo.
  5. Vencedora do torneio, para wild card do US Open, de San Diego.
  6. a b c Vencedores(as) do US Open National Playoffs.

Referências

  1. «2015 schedule of events» (em inglês). tennis-x.com. Cópia arquivada em 25 de março de 2016 
  2. «Djokovic barra Federer, é bi e soma o 10º Slam». TenisBrasil. 13 de setembro de 2015 
  3. «Pennetta ganha US Open e anuncia aposentadoria». TenisBrasil. 12 de setembro de 2015 
  4. «Hingis ganha quinto Slam do ano ao lado de Mirza». TenisBrasil. 13 de setembro de 2015 
  5. «Hingis e Paes ganham 3º Slam de mistas no ano». TenisBrasil. 11 de setembro de 2015 
  6. «Herbert decide e leva título de duplas com Mahut». TenisBrasil. 12 de setembro de 2015 
  7. «New roof structure among changes at Arthur Ashe for 2015 U.S. Open» (em inglês). Sports Illustrated. 25 de agosto de 2015 
  8. «Estádio Grandstand dá adeus e deixa saudades». TenisBrasil. 13 de setembro de 2015 
  9. «International TV Partners» (em inglês). usopen.org. Cópia arquivada em 3 de setembro de 2015 
  10. «2015 Official Rulebook» (PDF) (em inglês). atpworldtour.com. p. 199. Cópia arquivada (PDF) em 24 de julho de 2015 
  11. «2015 WTA Official Rulebook» (PDF) (em inglês). wtatennis.com. p. 232 (arquivo); 229 (digitalização). Consultado em 23 de julho de 2015 
  12. «Ranking points» (em inglês). itftennis.com. Consultado em 21 de julho de 2015 
  13. «ITF Wheelchair Tennis Ranking System» (PDF) (em inglês). itftenns.com. 5 páginas. Consultado em 21 de julho de 2015 
  14. «2015 US Open Prize Money» (em inglês). usopen.org. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2015 
  15. «2015 Standings Final» (em inglês). emiratesusopenseries.com. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2015 
  16. «Seeded players» (em inglês). usopen.org. Consultado em 4 de setembro de 2015 
  17. «Sharapova não se recupera e anuncia desistência». TenisBrasil. 30 de agosto de 2015 
  18. a b «2015 US Open Wild Card Challenge Standings» (em inglês). usta.com. Cópia arquivada em 16 de setembro de 2016 
  19. «2015 NCAA Division I Men's Tennis Championship Event: Singles Championship» (PDF) (em inglês). NCAA. Consultado em 16 de setembro de 2016 
  20. «2015 NCAA Division I Women's Tennis Championship Event: Singles Championship» (PDF) (em inglês). NCAA. Consultado em 16 de setembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]