Nicolaus von Below

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nicolaus von BelowCombatente Militar
Nascimento 20 de setembro de 1907
Anklam, Alemanha
Morte 24 de julho de 1983 (75 anos)
Detmold, Alemanha
Ocupação Pintor, militar e piloto
Serviço militar
Serviço War Ensign of Germany (1922–1933).svg Reichswehr
 Luftwaffe
País Alemanha República de Weimar (1932)
Alemanha Nazista Alemanha Nazista (1933-1945)
Anos de serviço 1932-1945
Patente Oberst
Conflitos Segunda Guerra Mundial
Condecorações Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro

Nicolaus von Below (20 de setembro de 1907 – 24 de julho de 1983) foi um oficial da Força Aérea Alemã (Luftwaffe) antes e durante a Segunda Guerra Mundial.

Começo da vida[editar | editar código-fonte]

Below nasceu no estado de Jargelin próximo a Anklam[1] na Província da Pomerânia. Ele era membro da aristocracia alemã local.

Serviço nas Forças Armadas[editar | editar código-fonte]

Below era conselheiro do ditador nazista Adolf Hitler em assuntos que relacionavam a Força Aérea Alemã, a Luftwaffe, de 1937 até 1945. Hitler geralmente não gostava e desconfiava de soldados de descendência aristocrática. Isso se intensificou quando a Alemanha começou a perder a guerra. Mas Below, cuja patente na época era de coronel, era um dos poucos membros do círculo interno de Hitler a continuar a atuar como seu conselheiro por tantos anos.

Entre o natal e o ano novo de 1944, Hitler disse para Below: "Eu sei que a guerra está perdida, o inimigo é muito superior a nós." Mas Hitler, ainda com o atentado de 20 de julho na cabeça, colocava toda a culpa nos "traidores". Ele ainda disse para Below: "Nós nunca vamos nos render! Nós podemos até afundar mas levaremos o mundo conosco." [2]

Führerbunker[editar | editar código-fonte]

Em 12 de abril de 1945, Below foi convidado por Albert Speer a assistir a última performance da Orquestra Filarmônica de Berlim antes da cidade ser capturada pelo Exército Vermelho. Ele mais tarde diria: "Aquele concerto nos transportou para outro mundo!" [3]

Em 15 de abril, Eva Braun se mudou para um quarto próximo ao que Hitler ocupava no Führerbunker. Below escreveu o seguinte sobre ela: "Ela era encantadora e não demosntrou fraqueza até o último momento." [4]

Nicolaus von Below (segundo da direita, na frente) com Hitler e sua equipe em 1940.
Nicolaus von Below (esquerda) com Hitler, Hermann Göring e Hanna Reitsch em 1941.

Em 29 de abril, após o casamento de Hitler e Eva Braun, Below foi uma testemunha "não-oficial" do testamento político de Adolf Hitler. Ele não assinou o documento. Below deixou Berlim em 30 de abril de 1945.

Pós-guerra[editar | editar código-fonte]

Depois da guerra, Below escreveu um livro sobre suas memórias servindo ao Führer durante a Segunda Guerra Mundial, intitulado At Hitler's Side ou Ao Lado de Hitler (2001)[5]. Ele morreu em Detmold, Alemanha, em 1983.

Referências

  1. Biografia (Polonês)
  2. Beevor, Antony (2002). Berlin: The Downfall 1945, Viking-Penguin Books, ISBN 0-670-88695-5, p. 8.
  3. Beevor, Antony (2002). pp. 188-189.
  4. Beevor, Antony (2002). p. 254.
  5. ISBN 1-85367-468-0