O Cangaceiro (1997)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Cangaceiro
O Cangaceiro
 Brasil
1997 •  cor •  120 min 
Direção Aníbal Massaini Neto
Roteiro Aníbal Massaini Neto
Elenco Paulo Gorgulho
Alexandre Paternost
Luíza Thomé
Ingra Liberato
Género ação, drama, ficção histórica
Lançamento 6 de junho de 1997[1]
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

O Cangaceiro é um filme brasileiro de 1997 dirigido por Aníbal Massaini Neto.

Rodado inteiramente no Nordeste do Brasil, uma refilmagem de O Cangaceiro, produção da Companhia Cinematográfica Vera Cruz de 1953.

O filme narra a história dos cangaceiros liderados pelo Capitão Galdino (Paulo Gorgulho) e sua mulher, saqueando cidades e espalhando medo.

O cantor e compositor Dominguinhos participa da produção, cantando os sucessos de Zé do Norte que fizeram parte da primeira versão. Também foram trazidos para o remake o mesmo diretor de arte (Carybé) e de maquiagem (Victor Merinow).

Elenco[editar | editar código-fonte]

Dados técnicos[editar | editar código-fonte]

  • Título Original: O Cangaceiro
  • Gênero: Aventura
  • Tempo de Duração: 110min.
  • Ano de Lançamento (Brasil): 1997
  • Direção: Anibal Massaini Neto
  • Argumento: Lima Barreto
  • Roteiro: Antônio Carlos Fontoura
  • Adaptação: Galileu Garcia, Anthony Foutz e Carlos Coimbra
  • Produção: Anibal Massaini Neto
  • Produtor Associado: Alexandre Adamiu
  • Direção de Produção: Ary Fernandes
  • Co-produção: Cinearte Produções Cinematográficas e Ramona Constellacion e Film Company
  • Vicente Salvia
  • Sonografia: Juarez Dagoberto da Costa
  • Fotografia: Cláudio Portiolli
  • Direção Artística: Carybé
  • Maquiagem: Victor Merinow
  • Montagem: Luiz Elias

Referências

  1. «Filme é cangaço espaguete». Folha de S.Paulo. 4 de junho de 1997. Consultado em 12 de fevereiro de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.