Oswaldo Frota-Pessoa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Oswaldo Frota-Pessoa
Nascimento 30 de março de 1917
Rio de Janeiro, Brasil
Morte 24 de março de 2010 (92 anos)
São Paulo, Brasil
Nacionalidade brasileira
Alma mater Universidade do Distrito Federal (UDF)
Prêmios Prêmio José Reis de Divulgação Científica (1980/81)
Prêmio Kalinga (1982)
Prêmio Alfred Jurzikowyski (1989)[1]
Instituições Universidade de São Paulo
Campo(s) Biologia, medicina e genética

Oswaldo Frota-Pessoa (Rio de Janeiro, 30 de março de 1917São Paulo, 24 de março de 2010) foi um biólogo, médico e geneticista brasileiro, considerado o pioneiro da genética humana no Brasil.[2]

Nascido no subúrbio da cidade do Rio de Janeiro, em 1917[3], era filho de José Getúlio da Frota Pessoa, que trabalhou na Secretaria de Educação do Rio de Janeiro e escreveu diversos livros sobre a importância da educação e da pesquisa, além de assinar a coluna diária do Jornal do Brasil chamada “Educação e ensino”.[3]

Ingressou no curso de História Natural, na Universidade do Distrito Federal (UDF), e formou-se em 1938.[3] Em 1941, formou-se médico pela Faculdade Nacional de Medicina da Universidade do Brasil, de onde foi docente.[3] No curso de História Natural, fez amizade com Newton Dias dos Santos e Ayrton Gonçalves da Silva. Ao se formar, os três docentes encontravam-se toda semana para discutir práticas de ensino e em como inovar suas aulas e dinâmicas com os estudantes sob a orientação do professor Fritz de Lauro.[3][4]

Obteve seu doutorado em História Natural pela Faculdade Nacional de Filosofia da Universidade do Brasil em 1953 e livre-docente pela Universidade de São Paulo, em 1963. Foi, juntamente com Crodowaldo Pavan, um dos geneticistas da geração pioneira de pesquisadores formados por Theodosius Dobzhansky na Universidade de São Paulo (USP).[4]

Morte[editar | editar código-fonte]

Oswaldo faleceu em 24 de março de 2010, aos 93 anos.[2] Foi sepultado no Cemitério da Paz, em Taboão da Serra.[3][4] O Prêmio Oswaldo Frota-Pessoa de Incentivo à Pesquisa, do Instituto de Biociências da USP, é em sua homenagem[5]. Seu filho, Osvaldo Frota Pessoa Junior, é professor e físico da Universidade de São Paulo.[6]

Referências

  1. «Oswaldo Frota-Pessoa: A prosa viva de um senhor cientista». Revista FAPESP. Consultado em 29 de julho de 2017. 
  2. a b «Geneticista Oswaldo Frota-Pessoa morre aos 93 anos». G1. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. 
  3. a b c d e f «Um entusiasta do ensino». Ciência Hoje. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. 
  4. a b c «Genética brasileira perde Oswaldo Frota-Pessoa». Ciência Hoje. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. 
  5. «PRÊMIO OSWALDO FROTA-PESSOA DE INCENTIVO À PESQUISA». Instituto de Biociências da USP. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. 
  6. «Osvaldo Frota Pessoa Junior». FFLCH-USP. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) biólogo(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.