Popó (voleibolista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Popó
Voleibol
Nome completo Ana Paula Lessa Lima
Modalidade Voleibol indoor
Nascimento 24 de abril de 1969 (48 anos)
Maceió, AL
Nacionalidade brasileira
Compleição Peso: 63 kg Altura: 1,85 m
Clube Aposentada
Medalhas
Competidora do Bandeira do Brasil Brasil
Copa dos Campeões
Bronze Osaka,Hiroshima & Yoyogi 1997 Equipe
Campeonato Sul-Americano
Ouro Lima 1997 Equipe
Prata Cuzco 1993 Equipe
Grand Prix de Voleibol
Ouro Xangai 1994 Equipe
BCV Volley Cup
Ouro Suiça 1994 Equipe
Prata Suiça 1993 Equipe
Campeonato Mundial Juvenil
Ouro Seul 1987 Equipe
Ouro Lima 1989 Equipe
Campeonato Sul-Americano Juvenil
Prata Caracas 1988 Equipe
Campeonato Sul-Americano Infanto-Juvenil
Ouro Lima 1986 Equipe
Competidora do L´ácqua Di Fiori/Minas
Campeonato Mundial de Clubes
Prata Jesi 1992 Equipe
Campeonato Sul-Americano de Clubes
Prata São Caetano do Sul 1992 Equipe

Ana Paula Lessa Lima (Maceió, 24 de abril de 1969) é uma ex-voleibolista indoor brasileira, atuante na posição de Central com marca de alcance de 297 no ataque e 278 cm no bloqueio, com passagens em clubes nacionais e servindo a Seleção Brasileira desde as categorias de base conquistou títulos em todas as categorias, destacando-se o bicampeonato no Campeonato Mundial Juvenil nos anos de 1987 e 1989 e também na seleção principal quando fez parte da geração que obteve os melhores resultados até a década de 90.Em clubes conquistou em 1992 a medalha de prata no Campeonato Sul-Americano de Clubes no Brasil e também no Campeonato Mundial de Clubes na Itália.

Carreira[editar | editar código-fonte]

A alagoana Ana Paula, mais conhecida no cenário do voleibol como Popó, começou a carreira ainda no Colégio Marista de Maceió-AL, revelada pelo CRB [1], atuou como Central destacou-se por sua velocidade e em 1980 transferiu-se para o interior paulista para defender o Pirelli/Santo André [2] onde permaneceu até 1989, neste foi sete vezes vice-campeã do Campeonato Paulista, nos anos de 1981, 1982, 1983, 1985, 1987 e 1988, sendo campeã em 1984[3] e estava presente desde as categorias de base da Seleção Brasileira, disputou o Campeonato Sul-Americano de 1986 na categoria infanto-juvenil, este sediado em Lima-Peru, conquistou nesta edição a medalha de ouro[4].

No ano seguinte voltou a representação a seleção brasileira, mas desta vez foi na categoria juvenil e fez parte da equipe que conquistou a medalha de ouro no Campeonato Mundial Juvenil realizado em Seul-Coreia do Sul , sendo a primeira do país nesta categoria na modalidade feminina[5] sob o comando do técnico Marco Aurélio Motta [6].

Em 1988 vestiu a camisa da seleção brasileira novamente na categoria juvenil quando competiu nessa categoria no Campeonato Sul-Americano realizado na capital federal venezuelana obtendo a prata[7], e no ano seguinte voltou a representar o Brasil nesta categoria na conquista de forma consecutiva e invicta a medalha de ouro no Campeonato Mundial Juvenil em Lima-Peru[8].

No ano seguinte atuou como atleta da Colgate/São Caetano onde foi vice-campeã paulista em 1990, e por este clube avançou a final da Liga Nacional 1990-91–competição precedente a atual Superliga Brasileira A–conquistando o vice-campeonato nesta edição e na segunda temporada pela Colgate São Caetano termina pela nona vez consecutiva com o vice-campeonato do Campeonato Paulista e sagrou-se campeã nacional pela primeira vez, fato ocorrido na Liga Nacional 1991-92[9].

Transferiu-se para equipe mineira do L´acqua di Fiori[2] para as competições de 1992-93, conquistou a medalha de prata no Campeonato Sul-Americano de Clubes em São Caetano do Sul-Brasil[10], e também no Campeonato Mundial de Clubes em Jesi-Itália[11].Sagrou-se ainda nessa temporada campeã da Liga Nacional[9].

No ano de 1993 é convocada para Seleção Brasileira, desta vez categoria adulto (principal) e disputou a edição da BCV Cup–atualmente chamada de Montreux Volley Masters–conquistou a prata[12] e no mesmo ano disputou pela seleção o Campeonato Sul-Americano em Cuzco-Peru ficando também com a prata nesta edição[13], ainda nesta temporada pela seleção vestiu a camisa#17 quando disputou a primeira edição do Grand Prix encerrando na quarta posição na fase final em Hong Kong[14].

Retornou ao Colgate/São Caetano na jornada esportiva 1993-94[15] e em 1994 estava na seleção principal que trouxe a primeira medalha de ouro na BCV Cup[16] , assim como o primeiro título do Grand Prix, vestindo novamente a camisa#17, estava na equipe brasileira que derrotou pela primeira vez a então atual campeã olímpica Seleção Cubana[17], ainda neste ano Popó só não disputou o Campeonato Mundial realizado no Brasil.

Pelo Sollo/Tietê[2] disputou sua primeira edição da Superliga Brasileira A na jornada esportiva 1994-95 encerrando na quinta posição[18] e participou do All Star Game de abertura desta edição[19].

No período esportivo 1995-96 defendeu o Cepacol São Caetano [2][20] disputou por este a segunda edição da Superliga Brasileira A e conquistou o sexto lugar[18]. E na jornada seguinte permaneceu no mesmo clube que utilizou a alcunha de Mizuno/São Caetano chegando por este a final da Superliga Brasileira A 1996-97[21] sagrando-se vice-campeã[18].

Desde 1994 não fora mais convocada, retornando a seleção principal em 1997 atuando na conquista do ouro no Campeonato Sul-Americano realizado no Peru[22] e também atuou pela seleção na conquista da primeira medalha do Brasil na Copa dos Campeões, alcançando o bronze, detalhe nesta conquista que Popó foi convocada por Bernardinho para desempenhar a função de Líbero, após anos fora do selecionado brasileiro, retornou pela regularidade no fundo de quadra, segundo o próprio Bernardinho ela era a segunda atleta do Brasil no fundo de quadra, ficando atrás apenas de sua conterrânea Sandra Suruagy[2].

Representou o MRV /Suggar/Minas na temporada 1997-98 e na edição da Superliga Brasileira A correspondente, foi o destaque em um dos confrontos entre seu time MRV e Rexona, uma partida atípica que até os treinadores das equipes foram expulsos de quadra , um fato que chamou a atenção foi sua calma em meio a tal episódio, pois, procurou segurar os ânimos da equipe, já que então capitã Leila Barros também estava fora do controle, usando de experiência Popó, com sua calma habitual, conduziu seu time a uma virada quase impossível no 4º set, quando o Rexona dominou o set, mas no set de desempate sua equipe perdeu, mas foi eleita a melhor jogadora da partida[2] e nesta edição conquistou o bronze[18].

Em 1998 voltou a servir a Seleção Brasileira quando convocada para disputar o Montreux Volley Masters (anteriormente chamada de BCV Cup) [23] e foi semifinalista encerrando na quarta posição[24].O BCN Osasco a contrata para as disputas de 1998-99 e foi vice-campeã paulista mais uma vez em sua carreira[25][26] fez parte do All Star Game da temporada[27] e na Superliga correspondente a esta jornada terminou na quinta colocação[18].

Transferiu-se em 1999 para o Rexona/PR e disputou o Campeonato Carioca desse ano pela primeira vez [28] e disputou a Superliga Brasileira 1999-00[29] conquistando o título nesta edição[18].Renovou com o Rexona/PR para as disputas do período 2000-01 e foi semifinalista na Superliga Brasileira A referente a esta jornada[30], mas encerraram na quarta colocação[31].

Em 2002 migrou para o Vôlei de Praia, formou dupla com Carol[32][33].Casou-se com o ex-voleibolista Claudinei Santos, que também foi Central da Seleção Brasileira na década de 90. Em 2008 recebeu CBV o título de Benemérita do Voleibol Brasileiro[34].

Em 2009 estava com licença para atuar no Circuito Banco do Brasil de Vôlei de Praia[35], o mesmo ocorrendo em 2010[36]

No ano de 2011 foi o destaque no voleibol alagoano, conquistando colegas, diretoria , tanto por sua humildade, quanto pelo seu voleibol, formada em Administração de Empresas, quando estava fazendo Pós Graduação e também atuou como atleta da Faculdade Maurício de Nassau em Maceió onde reside atualmente.

Títulos e resultados[editar | editar código-fonte]

Premiações individuais[editar | editar código-fonte]

  • 2008- Título de Benemérita do Voleibol Brasileiro conferido pela CBV

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. «CRB-Notícias língua=portugues». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  2. a b c d e f Geocities (16 de fevereiro de 1998). «Popó». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  3. a b c d e f g h i j k Wikipédia. «Artigo Campeonato Paulista de Voleibol Feminino-Resultados». Consultado em 30 de maio de 2014 
  4. «Girls under-18 Volleyball V South American Championship 1986 Lima (PER) - Winner Brazil língua=ingles». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  5. «Women Junior Volleyball IV World Championship 1987 Seoul, Pusan (KOR) 02-13.09 - Winner Brazil língua=ingles». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  6. «Peru Voley.com». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  7. Todor66. «Women Junior under-19 Volleyball IX South American Chamionship 1988 Caracas (VEN) 20-28.08 - Winner Peru» (em inglês). Consultado em 10 de outubro de 2012 
  8. Todor66. «Women Junior Volleyball V World Championship 1989 Peru 03-13.08 - Winner Brazil» (em inglês). Consultado em 10 de outubro de 2012 
  9. a b c d e Wikipédia. «Artigo Superliga Brasileira de Voleibol Feminino - Série A-Resultados-LIGA NACIONAL DE VOLEIBOL FEMININO». Consultado em 30 de maio de 2014 
  10. CSV- Confederación Sudamericana de Voleibol. «Ranking Feminino- Sudamericano de Clubes Femenino» (em espanhol). Consultado em 15 de janeiro de 2015 
  11. FIVB-Federação Internacional de Voleibol (10 de abril de 2013). «Press release-Suiza y Brasil serán sede del Campeonato Mundial de Clubes FIVB» (em inglês). Consultado em 16 de janeiro de 2015 
  12. Montreux Volley Masters. «Palmarès- BCV Cup 1993» (em inglês). Consultado em 30 de maio de 2014 
  13. Todor66. «Women Volleyball XX South American Championship 1993 Cuzco (PER) 12-19.09 - Winner Peru» (em inglês). Consultado em 10 de outubro de 2012 
  14. a b Todor66. «Women Volleyball I Grand Prix 1993 - Intecontinental Round» (em inglês). Consultado em 6 de outubro de 2012 
  15. Melhor do Vôlei (17 de março de 2010). «Superliga 94/95- BCN/Guarujá». Consultado em 30 de maio de 2014 
  16. Montreux Volley Masters. «Palmarès- BCV Cup 1994» (em inglês). Consultado em 30 de maio de 2014 
  17. Todor66. «Women Volleyball II Grand Prix 1994 Shanghai (CHN) - Winner Brazil» (em inglês). Consultado em 10 de outubro de 2012 
  18. a b c d e f g h i j CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (27 de outubro de 2008). «SUPERLIGA 08/09: Histórico da Superliga». Consultado em 30 de maio de 2014 
  19. Folha de S.Paulo Esporte (3 de dezembro de 1994). «Superliga Feminina se apresenta em Minas com um jogo-exibição». Consultado em 30 de maio de 2014 
  20. Melhor do Vôlei (3 de novembro de 2007). «Superliga 95/96- Sollo/Tietê». Consultado em 30 de maio de 2014 
  21. Melhor do Vôlei (3 de novembro de 2007). «Superliga 96/97- Mizuno/São Caetano». Consultado em 30 de maio de 2014 
  22. Todor66. «Women Volleyball XXII South American Championship 1997 Eduardo Dibos de Lima (PER) - Winner Brazil». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  23. «Em tratamento, Érika fica fora da seleção». 12 de maio de 1998. Consultado em 10 de outubro de 2012 
  24. a b Todor66. «Women Volleyball XIV Montreux Volley Masters 1998 - 02-07.06 - Winner Cuba» (em inglês). Consultado em 30 de maio de 2014 
  25. UOL Esportes (23 de novembro de 1998). «Jundiaí terá torneio com os maiores times femininos do país». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  26. Diário de Cuiabá. «Temporada 98/99 agita competições de vôlei feminino». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  27. UOL Esportes (24 de fevereiro de 1999). «Divulgada a relação de jogadoras do All Star Game». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  28. UOL Esportes (9 de novembro de 1999). «Rexona intensifica treinamentos para o Carioca feminino de vôlei». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  29. Photo&Grafia (19 de fevereiro de 2001). «REXONA E BCN/OSASCO LUTAM PARA FICAR ENTRE OS QUATRO PRIMEIROS». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  30. Melhor do Vôlei (6 de janeiro de 2009). «Superliga 2000-2001-Rexona». Consultado em 30 de maio de 2014 
  31. Roberto Marcelino (31 de março de 2007). «Ângela Morais ganhou o bronze pelo Minas». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  32. GloboEsporte.com (6 de novembro de 2002). «Vôlei de praia: Isabel e família lutam pela classificação em Recife». Consultado em 16 de janeiro de 2015 
  33. Dourado News (6 de novembro de 2002). «Vôlei de praia: Isabel e família lutam pela classificação em Recife». Consultado em 16 de janeiro de 2015 
  34. Gazeta de Alagoas (20 de julho de 2011). «FAV inaugura nova sede na próxima terça-feira». Consultado em 10 de outubro de 2012 
  35. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «Ranking 2009- CBBVP-Pág.7» (PDF). Consultado em 16 de janeiro de 2015 
  36. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «Ranking 2010- CBBVP-Pág.4» (PDF). Consultado em 16 de janeiro de 2015