Poscomp

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde junho de 2017). Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

POSCOMP é um exame organizado anualmente pela Sociedade Brasileira de Computação com o objetivo de avaliar os conhecimentos em computação dos candidatos a vagas em programas de pós-graduação na área. As instituições que oferecem as vagas utilizam o resultado do exame de diversas formas em seus processos seletivos.

São avaliadas três competências: matemática, fundamentos da computação e tecnologia da computação, distribuídas em 70 questões de múltipla escolha. Os assuntos abordados em geral fazem parte do currículo dos cursos de computação das principais universidades e faculdades do Brasil. Desde 2006, em uma parceria com a Sociedade Peruana de Computação, o Exame passou a ser realizado também no Peru.[1]

O exame é tido como um exame bastante difícil, tendo como média pouco mais de 30% de acerto em suas questões [carece de fontes?].

A primeira edição do exame ocorreu em 2000, mas só em 2002 ela passou a ser organizada pela SBC [carece de fontes?]. Após a realização, as provas e os gabaritos são publicados no site oficial e o resultado é informado individualmente aos participantes.

Obrigatoriedade[editar | editar código-fonte]

As seguintes instituições brasileiras exigem o resultado deste exame em seu processo de admissão:

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «POSCOMP». www.sbc.org.br. Consultado em 26 de março de 2016 
  2. Edital de Abertura de Vagas de Mestrado UFMS para 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.