Região Geográfica Imediata de São João da Boa Vista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Região Geográfica Imediata de São João da Boa Vista
Divisão regional do Brasil
Localização
Características geográficas
Unidade federativa  São Paulo
Região geográfica
intermediária
Campinas
Regiões limítrofes SP:
Mogi Guaçu
Araraquara
Ribeirão Preto
São José do Rio Pardo-Mococa
MG:
Pouso Alegre
Poços de Caldas
Área 3 621,633 km² 2017
População 313 076 hab. est. 2017
Densidade 86,45 hab./km²
Cidade mais
populosa
São João da Boa Vista

A Região Geográfica Imediata de São João da Boa Vista é uma das 53 regiões imediatas do estado brasileiro de São Paulo, uma das onze regiões imediatas que compõem a Região Geográfica Intermediária de Campinas e uma das 509 regiões imediatas no Brasil, criadas pelo IBGE em 2017.[1]

É composta por nove municípios, tendo uma população estimada pelo IBGE para 1.º de julho de 2017, de 313 076 habitantes e uma área total de 3 631,633 km².

Municípios[editar | editar código-fonte]

Fonte: IBGE – Cidades[2][3]

Município População
Estimada (2017)
Área (km²)
Aguaí
35 508
474,554
Águas de Prata
8 104
142,961
Casa Branca
30 144
864,225
Espírito Santo do Pinhal
44 170
389,235
Santa Cruz das Palmeiras
33 455
295,337
Santo Antônio do Jardim
6 029
109,956
São João da Boa Vista
90 089
516,399
Tambaú
23 267
561,788
Vargem Grande do Sul
42 310
267,178
Total
313 076
3 621,633

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Divisão Regional do Brasil». IBGE. 2017. Consultado em 1 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2017 
  2. «São Paulo». IBGE Cidades. IBGE. Consultado em 1 de setembro de 2017 
  3. «São Paulo – Lista comparativa da população dos municípios». IBGE Cidades. IBGE. Consultado em 3 de setembro de 2017