Região Geográfica Imediata de São João da Boa Vista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Região Geográfica Imediata de São João da Boa Vista
Divisão regional do Brasil
Localização da Região Geográfica Imediata de São João da Boa Vista
Características geográficas
Unidade federativa  São Paulo
Região geográfica
intermediária
Campinas
Regiões limítrofes SP:
Mogi Guaçu
Araraquara
Ribeirão Preto
São José do Rio Pardo-Mococa
MG:
Pouso Alegre
Poços de Caldas
Área 3 621,633 km² 2017
População 313 076 hab. est. 2017
Densidade 86,45 hab./km²
Cidade mais
populosa
São João da Boa Vista

A Região Geográfica Imediata de São João da Boa Vista é uma das 53 regiões imediatas do estado brasileiro de São Paulo, uma das onze regiões imediatas que compõem a Região Geográfica Intermediária de Campinas e uma das 509 regiões imediatas no Brasil, criadas pelo IBGE em 2017.[1]

É composta por nove municípios, tendo uma população estimada pelo IBGE para 1.º de julho de 2017, de 313 076 habitantes e uma área total de 3 631,633 km².

Municípios[editar | editar código-fonte]

Fonte: IBGE – Cidades[2][3]

Município População
Estimada (2017)
Área (km²)
Aguaí
35 508
474,554
Águas de Prata
8 104
142,961
Casa Branca
30 144
864,225
Espírito Santo do Pinhal
44 170
389,235
Santa Cruz das Palmeiras
33 455
295,337
Santo Antônio do Jardim
6 029
109,956
São João da Boa Vista
90 089
516,399
Tambaú
23 267
561,788
Vargem Grande do Sul
42 310
267,178
Total
313 076
3 621,633

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Divisão Regional do Brasil». IBGE. 2017. Consultado em 1 de setembro de 2017.. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2017 
  2. «São Paulo». IBGE Cidades. IBGE. Consultado em 1 de setembro de 2017. 
  3. «São Paulo – Lista comparativa da população dos municípios». IBGE Cidades. IBGE. Consultado em 3 de setembro de 2017.