Rio Pardo (Bahia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Rio Pardo, veja Rio Pardo (desambiguação).
Rio Pardo
Rio Pardo, em Canavieiras, Bahia, Brasil.jpg

Rio Pardo em Canavieiras, Bahia.

Localização
País
Localização
Coordenadas
Dimensões
Comprimento
565 km
Hidrografia
Tipo
Área da bacia
32334 km²
Nascente
Altitude da nascente
750 m
Afluente
principal
Ribeirões Salitre e Vereda e rios São João do Paraíso e Catolé Grande pela margem esquerda; rios Mosquito, Macarani e Maiquinique pela margem direita.
Foz
Altitude da foz
0 m

O rio Pardo é um curso de água que banha os estados de Minas Gerais e Bahia, no Brasil. Nasce na serra das Almas, no município mineiro de Rio Pardo de Minas,[1] percorrendo 565 km até sua foz no Oceano Atlântico em Canavieiras, no litoral baiano, a 18 km da foz do rio Jequitinhonha. Permeia 220 km em território mineiro e outros 345 km em terras baianas. Sua bacia hidrográfica conta com área total de 32 334 km²[2] e abrange 37 municípios, sendo 13 em Minas Gerais e 24 na Bahia.[1]

No século XVI, o leito começou a ser utilizado por bandeirantes e desbravadores, a exemplo de Francisco Bruza Espinosa, como via de penetração em busca de metais preciosos. Depararam-se com os indígenas (como os aimorés, tapuias, mongoiós e pataxós), os quais foram dizimados pelos forasteiros com a intenção de dominar as terras, dando sequência ao surgimento de vilas nas proximidades dos rios a partir do final do século XVII. No período colonial o curso era chamado de "rio Santo Antônio".[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Silva, Chiapetti e Araújo 2017, p. 76
  2. a b Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). «Bacia do Rio Pardo». Consultado em 14 de agosto de 2019. Cópia arquivada em 14 de agosto de 2019 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.