Rosario Central vs. Newell's Old Boys

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Clásico rosarino
Newell's Old Boys versus Rosario Central
Torcidas de Newell's Old Boys e Rosario Central.
Newell's Old Boys 103 vitória(s), gol(s)
Rosario Central 110 vitória(s), gol(s)
Empates 118
Total de jogos 331
editar

Clássico Rosarino é o enfrentamento que envolve os dois principais clubes da cidade de Rosário, situada na Província de Santa Fé, na Argentina, o Club Atlético Rosario Central ("los canallas") e o Newell's Old Boys ("los leprosos"), cujas equipes se confrontam desde 18 de junho de 1905, quando o Newell's venceu o Rosário Central por 1 a 0.

História do Clássico Rosarino[editar | editar código-fonte]

Central vs. Newell's é o nome do maior clássico de futebol da cidade de Rosário, província de Santa Fé (Argentina), sendo este o maior clássico argentino fora da Grande Buenos Aires (que inclui Avellaneda e La Plata, entre outras cidades).

A primeira vitória oficial do Rosario Central sobre o Newell´s foi em 8 de setembro de 1907 pela Copa Vila por 2 a 0. Até ali foram cinco jogos, com três vitórias do Newell's e dois empates. Esta foi a primeira derrota oficial do Newell´s na Liga Rosarina, pois até então os rubro negros registravam uma série invicta de 26 partidas, com 24 vitórias e dois empates, ambos ante Rosario Central, um por 2 a 2 em 1905 e outro por 1 a 1 em 1906.[1]

Na primeira divisão do futebol argentino estes clubes se confrontam desde 18 de junho de 1939, quando houve um empate em 1 a 1.

Segundo pesquisa do Instituto Entrepreneur para a revista El Gráfico número 4.118 de 11 de setembro de 1998, o Rosario Central tem a sexta maior torcida da Argentina, com 3,2 % da torcida no país (o que equivale a 1.107.000 torcedores) e o Newell's a oitava, com 2,2% (761.000 torcedores). Conforme apurado em diversas pesquisas, Rosário é uma das poucas cidades desse país, assim como ocorre também em La Plata, Santa Fe, Córdoba e San Miguel de Tucumán, onde os clubes locais superam em popularidade Boca Juniors e River Plate, os dois clubes mais populares da Argentina.[2][3][4]

Até o ano de 2016, o Newell's tem seis títulos do Campeonato Argentino, três copas nacionais oficiais, e dois vice campeonatos da Copa Libertadores da América. O Rosario Central tem quatro títulos argentinos, cinco copas nacionais oficiais, um título da Copa Conmebol (precursora da atual Copa Sul-Americana) e um vice campeonato dessa mesma copa. Além disso, o Rosario Central foi semifinalista da Copa Libertadores nos anos de 1975 e de 2001.

Os dois rivais se confrontam habitualmente no Estádio Gigante de Arroyito, pertencente ao Rosario Central, e no Estádio Marcelo Bielsa, do Newell's, ambos com capacidade para cerca de 42.000 espectadores.[5]

Leprosos e Canallas[editar | editar código-fonte]

Nos anos 1920, um grupo de senhoras da cidade de Rosário, organizou uma campanha para arrecadar fundos para ajudar um dispensário de leprosos e convidou os dois grandes clubes da cidade - Rosario Central e Newell's Old Boys - para participarem. O Newell's Old Boys concordou em participar, mas o Rosario Central, não. Desde esse dia, os jogadores e torcedores do Newell's são chamados de "leprosos", enquanto os do Rosario são chamados de "canallas" ("canalhas").[6]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado até 31 de julho de 2016.

Estatísticas totais desde a era amadora (1905-2016)[editar | editar código-fonte]

Contando os clássicos desde o inicio da era amadora em Rosário em jogos oficiais (1905-1938), os números são os seguintes[7]:

Estatísticas
Número de partidas 263 (A AFA anulou dois jogos, devido a incidentes).
Vitórias do Rosario Central 87
Vitórias do Newell's Old Boys 75
Empates 99

Torneios oficiais da AFA a partir de 1939[editar | editar código-fonte]

Número de partidas: 176 [8]
Vitórias do Central: 54
Vitórias do Newell's: 45
Empates: 75 (dois jogos foram dados por perdidos as duas equipes pela AFA por incidentes) [9]
Maiores goleadas do Central: 4 a 0 em 1964 e 1997
Maiores goleadas do Newell's: 5 a 0 em 1941 e 4 a 0 em 1991
Maior goleador do Central: Edgardo Bauza, 9 gols
Maior goleador do Newell's: Santamaría, 9 gols

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

História
Estatísticas
Relação de amistosos
Site futbolderosario.com.ar - Noticiário