Somerset

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Somerset (desambiguação).
Somerset
  Condado  
Horizonte de Somerset
Bandeira de Somerset
Bandeira
Localização de Somerset
Região Sudoeste
Categoria Condado Cerimonial e Não-Metropolitano (menor)
Sede Administrativa Taunton
Distritos  
  1. South Somerset
  2. Taunton Deane
  3. West Somerset
  4. Sedgemoor
  5. Mendip
  6. Bath and North East Somerset (Unitário)
  7. North Somerset (Unitário)
Área
 - Total 4,171 km²
População ( (est. 2011)) (22ª posição)
 - Total 910,200
    • Densidade 218,2 hab./km²
 - População do Concelho 515,600
(25ªposição)
 - Etnias 98.5% brancos
NUTS UKK23
Código ONS 40
Sítio http://www.somerset.gov.uk/

Somerset é um condado cerimonial e não-metropolitano no sudoeste da Inglaterra e sua sede administrativa se encontra em Taunton. Somerset faz fronteiras com Bristol e Gloucestershire ao norte, Wiltshire ao leste, Dorset ao sudeste, e Devon ao sudoeste. É limitado a norte e a oeste pelo estuário do Severn e pelo Canal de Bristol, e o litoral faz frente para o sudeste do País de Gales. A sua fronteira tradicional com Gloucestershire é o rio Avon.[1]

Somerset é um condado rural com várias colinas, como as Blackdown Hills, Mendip Hills, Quantock Hills e o Parque Nacional de Exmoor, e grandes extensões planas, incluindo Somerset Levels. Há evidências de ocupação humana no paleolítico e de colónias nos períodos celta, romano e anglo-saxão. O condado desempenhou um papel significativo na consolidação do poder e ascensão do rei Alfredom o Grande, e mais tarde na Guerra Civil Inglesa e na Rebelião Monmouth A cidade de Bath é famosa pela sua importante arquitectura georgiana, e é Património Mundial da UNESCO.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O nome "Somerset" tem origem no antigo termo Sumorsǣte, diminutivo de Sumortūnsǣte, que significa "o povo que vive em, ou está dependente de, Sumortūn (Somerton)".[2] O primeiro registo conhecido do termo Somersæte encontra-se no livro de leis do rei Ine, o rei saxão de Wessex entre 688 e 726, fazendo de Somerset juntamente com Hampshire, Wiltshire e Dorset, uma das unidades de governo local existentes mais antiga do mundo.[3] Uma sugestão alternativa para a origem do nome deriva de Seo-mere-saetan que significa "colonos juntos dos lagos do mar".[4]

O antigo nome inglês é usado no lema do condado, Sumorsǣte ealle, que significa "todo o povo de Somerset". Adoptado como lema em 1911, a frase foi retirada da Anglo-Saxon Chronicle. Somerset fazia parte do reino anglo-Saxão de Wessex, e a frase refere-se a todo o apoio que o povo de Somerset deu ao rei Alfredo na sua luta para salvar Wessex dos invasores viquingues.[5][6][7]

Os nomes das localidades de Somerset têm, maioritariamente, na sua origem, termos anglo-saxões, mas algumas designações das colinas incluem elementos celtas britónicos. Por exemplo, documento anglo-Saxão de 682 refere-se a Creechborough Hill como "a colina a que os britânicos designam por Cructan e os anglo-saxões por Crychbeorh".[8] Alguns nomes actuais tem origem britónica, como Tarnock, enquanto outros incluem elementos saxões e Brythonic, como Pen Hill.[9]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Dorset

Referências

  1. Rajan, Amal (24 de Agosto de 2007). «Around a county in 40 facts: A (very) brief history of Somerset». Independent on Sunday. Londres. Consultado em 21 de Outubro de 2007.. Cópia arquivada em 14 de Fevereiro de 2009 
  2. Watts, Victor (Ed.) (2004). The Cambridge Dictionary of English Place-Names. [S.l.]: Cambridge University Press. ISBN 0-521-36209-1 
  3. Hindley, Geoffrey (2006). The Anglo-Saxons. [S.l.]: Robinson. pp. 53–54. ISBN 978-1-84529-161-7 
  4. Whitlock, Ralph (1975). Somerset. London: B.T. Batsford Ltd. ISBN 978-0-7134-2905-3 
  5. «The Danish Invasions». Somerset County Council. Consultado em 18 de Outubro de 2007.. Cópia arquivada em 5 de Outubro de 2012 
  6. «Manuscript E: Bodleian MS Laud 636. The Anglo-Saxon Chronicle: An Electronic Edition (Vol 5) literary edition». The Anglo-Saxon Chronicle. Consultado em 21 de Janeiro de 2008.. Cópia arquivada em 12 de Fevereiro de 2009 
  7. «The Anglo-Saxon Chronicle». Project Gutenburg. Consultado em 21 de Janeiro de 2008.. Cópia arquivada em 29 de Junho de 2011 
  8. Birch, Walter de Gray (1885). Cartularium saxonicum: a collection of charters relating to Anglo-Saxon history. Google Books. [S.l.: s.n.] Consultado em 21 de Abril de 2008. 
  9. «A word to the wise». Take our word for it. Consultado em 22 de Janeiro de 2008.. Cópia arquivada em 29 de Agosto de 2008 
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Inglaterra é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.