The Green Hornet (seriado)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Green Hornet
O Besouro Verde[1]  (PT)
O Besouro Verde[2]  (BR)
 Estados Unidos
 • P&B • 13 capítulos, 258 min 
Direção Ford Beebe
Ray Taylor
Produção Henry MacRae
Roteiro George H. Plympton
Basil Dickey
Morrison Wood
Lyonel Margolies
Fran Striker (personagens)
Elenco Gordon Jones
Wade Boteler
Anne Nagel
Keye Luke
Phillip Trent
Cy Kendall
Gênero ação, crime, aventura
Idioma inglês
Cinematografia Jerome Ash
William A. Sickner
Edição Irving Birnbaum
Joseph Gluck
Alvin Todd
Estúdio Universal Pictures
Distribuição Universal Pictures
Lançamento Estados Unidos 9 de janeiro de 1940
Estados Unidos 1990 (Vídeo: 99 minutos)
Portugal 28 de março de 1941[1]
Cronologia
Último
Último
The Phantom Creeps (1939)
Flash Gordon Conquers the Universe (1940)
Próximo
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

The Green Hornet (1940) é um seriado da Universal Pictures, baseado na série de rádio homônima, e que apresenta o herói Besouro Verde, criado por George W. Trendle e Fran Striker. A série radiofônica foi transmitida de 31 de janeiro de 1936 a 5 de dezembro de 1952, pela Rádio WXYZ de Detroit, Michigan[3] , apresentando Al Hodge (futuro Capitão Vídeo) na voz do Besouro Verde[2] .

Foi produzido e distribuído pela Universal Pictures, dirigido por Ford Beebe e Ray Taylor, e veiculou nos cinemas estadunidenses a partir de 9 de janeiro de 1940. No Brasil e em Portugal, o seriado ficou mais conhecido como "O Besouro Verde"[4] .

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O Besouro Verde é a identidade secreta do dono do jornal “Daily Sentinel” (“O Sentinela Diário”), Britt Reid que, com a ajuda inventiva de seu criado coreano Kato, expõe vários crimes. Isso os leva ao contínuo conflito com o Líder, um criminoso por trás do Sindicato.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Gordon Jones como Britt Reid também conhecido como O Besouro Verde
  • Al Hodge como a voz (sem créditos) do Besouro Verde. Hodge interpretou o Besouro na série de rádio[2] .
  • Wade Boteler como Michael Axford, guarda-costas de Reid
  • Anne Nagel como Lenore "Casey" Case, secretária de Reid
  • Keye LukeKato, que é coreano, diferente do personagem original do seriado, que era japonês, devido ao sentimento anti-nipônico da época. Isso foi dois anos antes do ataque de 7 de dezembro de 1941 a Pearl Harbor e da entrada dos Estados Unidos na Segunda Guerra Mundial (todos os treze episódios são de direitos autorais de 1939). Acredita-se que a versão do rádio ocultou a nacionalidade na sequência introdutória, incluindo referências esparsas sobre ele ser filipino no diálogo, e somente anos mais tarde isso foi acrescentado à introdução padrão[5] . Há quem defenda, porém, que tal fato é apenas mais uma lenda urbana, e que originalmente Kato era realmente das Filipinas[6] .
  • Phillip Trent como Jasper Jenks, um repórter
  • Cy Kendall como Curtis Monroe, capanga-chefe do Líder
  • Stanley Andrews como o comissário de polícia
  • Selmer Jackson como promotor
  • Joseph Crehan como Juiz Stanton
  • Jack Perrin (policial, cap. 5 e 9, não-creditado)
  • Monte Montague ... Policial (não-creditado)
  • Alan Ladd ... Gilpin (não-creditado)

Versões alternativas[editar | editar código-fonte]

Em 1990, a “Good Times Entertainment” realizou uma versão para o cinema, reeditando os últimos seis capítulos, sob o mesmo título[7] .

Em 2011, a "VCI Entertainment" realizou sua própria versão, The Green Hornet: Movie Edition. Foi incluído o início, o final, e selecionados outros capítulos da série. O DVD foi realizado em 11 de janeiro de 2011[8] .

Sequência[editar | editar código-fonte]

Em 24 de dezembro de 1940, a Universal Pictures lança a pré-estreia de “The Green Hornet Strikes Again!”, que foi lançado oficialmente em 4 de janeiro de 1941.

Influências[editar | editar código-fonte]

A série Batman, dos anos 1960, foi criada tendo como base o sucesso do relançamento do seriado Batman, da Columbia Pictures. O sucesso de ambos levou à produção da série de TV The Green Hornet, que foi apresentada como uma série de mistério, “na tradição de suas apresentações anteriores”, e durou uma temporada[9] .

Capítulos[editar | editar código-fonte]

Fonte[10] .

  1. The Tunnel of Terror
  2. The Thundering Terror
  3. Flying Coffins
  4. Pillar of Flame
  5. The Time Bomb
  6. Highways of Peril
  7. Bridge of Disaster
  8. Dead or alive
  9. The Hornet Trapped
  10. Bullets and Ballots
  11. Disaster Rides the Rails
  12. Panic in the Zoo
  13. Doom of the Underworld

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b The Green Hornet no IMDB
  2. a b c Mattos, A. C. Gomes de. Cinemin 11. [S.l.]: Rio de Janeiro: EBAL, 1984. Capítulo: Os Grandes Seriados do Cinema 4: Os Policiais. , 53-55 p.
  3. Jim Harmon. Radio Mystery and Adventure and Its Appearances in Film, Television and Other Media. [S.l.]: McFarland, 2003. 41 p. 9780786418107
  4. Junior Sagster (Julho de 2012). "O Besouro Verde". Neo Tokyo #78. Editora Escala
  5. Lidz, Franz. "Float Like a Franchise, Sting Like a ...", The New York Times, 2011-01-07. Página visitada em 10/08/12.
  6. DVDTalk]
  7. The Green Hornet (Vídeo)
  8. Jones, Steve. "DVD extra: Go back in time with The Green Hornet", USA Today, 2011-01-17. Página visitada em 10/08/12.
  9. Cline, William C.. In the Nick of Time. [S.l.]: McFarland & Company, Inc., 1984. 14–15 p. ISBN 0-7864-0471-X
  10. Cline, William C.. In the Nick of Time. [S.l.]: McFarland & Company, Inc., 1984. 225–226 p. ISBN 0-7864-0471-X

Ligações externas[editar | editar código-fonte]