Thomas Andrews (cientista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Thomas Andrews
Conhecido(a) por Transição de fase
Nascimento 19 de dezembro de 1813
Belfast
Morte 26 de novembro de 1885 (71 anos)
Belfast
Nacionalidade República da Irlanda Irlandês
Alma mater Universidade de Glasgow
Prêmios Medalha Real (1844)
Campo(s) Física e química

Thomas Andrews FRS (Belfast, 19 de dezembro de 1813 — Belfast, 26 de novembro de 1885) foi um físico e químico irlandês. Realizou tarbalhos fundamentais sobre transição de fase entre gases e líquidos.

Vida[editar | editar código-fonte]

Andrews nasceu em Belfast, Irlanda, onde seu pai era comerciante de tecidos de linho. Frequentou a Academia Real de Belfast e o Instituto Real Acadêmico de Belfast. Em 1828 foi para a Universidade de Glasgow, a fim de estudar química com o professor Thomas Thomson, e depois estudou no Trinity College, Dublin, onde distinguiu-se nos estudos clássicos bem como em ciências. Em 1835 recebeu o título de doutor em medicina, na Universidade de Edimburgo.

Andrews começou a trabalhar em Belfast, onde tounou-se médico de sucesso, sendo também instrutor de química no Instituto Acadêmico. Em 1845 foi nomeado vice-presidente da recém estabelecida Queen's University of Belfast, onde foi professor de química. Ele manteve estas duas posições até aposentar-se, em 1879, com a idade de 66 anos. Faleceu em 1885 e foi sepultado no Cemitério Borough em Belfast.

Trabalho[editar | editar código-fonte]

Andrews tornou-se conhecido primeiramente por suas investigações científicas com trabalhos sobre o desenvolvimento do calor em ações químicas, recebendo por isto da Royal Society a Medalha Real, em 1844. Outra investigação importante, em colaboração com Peter Guthrie Tait, foi devotada ao ozônio.

O trabalho sobre o qual obteve maior reputação foi a liquefação de gases. Na década de 1860 investigou com afinco as leis dos gases, expressando as relações entre pressão, temperatura e volume em dióxido de carbono. Ele estabeleceu os conceitos de temperatura crítica e pressão crítica, mostrando que uma substância passa do estado de vapor ao estado líquido sem quebra de continuidade.

Nos experimentos de Andrew sobre transição de fase, ele mostrou que o dióxido de carbono pode passar por qualquer dos estados que ele denominou líquido a qualquer dos estados que ele denominou de gás, sem perda de homogeneidade. Estes resultados foram citados pelo físico matemático Josiah Willard Gibbs em apoio à equação da energia livre de Gibbs. Também foram o estopim de uma corrida entre pesquisadores para liquefazer vários outros gases. Em 1877-1878 Louis Paul Cailletet foi o primeiro a liquefazer oxigênio, hidrogênio e nitrogênio.

Publicações selecionadas[editar | editar código-fonte]

  • Thomas Andrews, "The Bakerian Lecture: On the Continuity of the Gaseous and Liquid States of Matter", Philosophical Transactions of the Royal Society of London, vol. 159 (1869), pp. 575-590.
  • Tait, P. G.; Crum Brown, A. (1889). The Scientific Papers of the Late Thomas Andrews. Londres e Nova Iorque: Macmillan and Company  - Contém uma memória biográfica de autoria de Peter Guthrie Tait e Crum Brown

Leitura adicional[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Charles Wheatstone e James David Forbes
Medalha Real
1844
com George Boole
Sucedido por
George Biddell Airy e Thomas Snow Beck


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.