Virgem da Lapa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Virgem da Lapa
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Fundação 27 de dezembro de 1948 (68 anos)
Gentílico virgolapense
Prefeito(a) Diogénes Timo Silva (PSDB)
(2017–2020)
Localização
Localização de Virgem da Lapa
Localização de Virgem da Lapa em Minas Gerais
Virgem da Lapa está localizado em: Brasil
Virgem da Lapa
Localização de Virgem da Lapa no Brasil
16° 48' 14" S 42° 20' 34" O16° 48' 14" S 42° 20' 34" O
Unidade federativa  Minas Gerais
Mesorregião Jequitinhonha IBGE/2008[1]
Microrregião Araçuaí IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Rubelita, Josenópolis, Grão Mogol, Berilo, Francisco Badaró, Araçuaí, Coronel Murta
Distância até a capital 671 km
Características geográficas
Área 871,888 km² [2]
População 14 043 hab. estimativa IBGE/2017[3]
Densidade 16,11 hab./km²
Altitude 405 m
Clima Semiárido Bsh
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,664 médio PNUD/2000[4]
PIB R$ 49 507,201 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 3 390,44 IBGE/2008[5]
Página oficial

Virgem da Lapa é um município brasileiro do estado de Minas Gerais.

História[editar | editar código-fonte]

Virgem da Lapa foi fundada em 27 de dezembro de 1948, em decorrência da emancipação político-administrativa do arraial de São Domingos do Arassuahy.

Topônimo[editar | editar código-fonte]

O nome da cidade é uma referência a Nossa Senhora da Lapa, cuja imagem atribui-se ter sido encontrada por garimpeiros da região. O topônimo foi uma sugestão do então presidente da Câmara Municipal, Vicente Paulino Murta (mais conhecido pelo apelido "Seu Doce"), juntamente com outros representantes do recém-criado município.[6]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2017 era de 14 043 habitantes.[3]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Administração[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. a b «Estimativa populacional 2017 IBGE». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 30 de agosto de 2017. Consultado em 3 de setembro de 2017 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «Origem do topônimo "Virgem da Lapa"». Gazeta Norte Mineira. 13 de fevereiro de 2016. Consultado em 23 de agosto de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.