École centrale

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
[[Imagem:|220px|center]]
Ecole Centrale
Groupe des Ecoles Centrale
Lema '
Fundação
Tipo de instituição Universidade Pública
Orçamento anual R$
Funcionários
Docentes
Total de Estudantes 6.000
Graduação
Pós-Graduação
Reitor(a)
Vice-reitor(a)
Diretor(a)
Vice-diretor(a)
Localização Lille, Lyon, Marselha, Nantes, Paris, Pequim
França, China
Página oficial Groupe Centrale
Contato
[[Imagem:|285px|none|]]
Universidades da França Flag of France.svg

O Grupo de Escolas Central (Groupe Centrale) é formado pelas seguintes escolas de engenharia (Écoles Centrale):

A fim de aumentar a sua influência, tanto na Europa como em todo o mundo, bem como promover o programa Centralien de formação de engenheiros, foi criada a rede T.I.M.E. (Top Industrial Managers for Europe): instituição fundada em 1989 pelas Écoles Centrale e que reúne escolas de engenharia líderes para promover o intercâmbio de alunos. Universidades e escolas de engenharia de Portugal e do Brasil, entre outros países, participam da rede T.I.M.E..

Alunos das Écoles Centrale são chamados Centraliens.

O programa de graduação em engenharia das Écoles Centrale tem raízes a partir da 'École Centrale des Arts et Manufactures de Paris' (Escola Central de Artes e Manufacturas), criado em 1829. As Écoles Centrale são conhecidas por formarem líderes e grandes administradores em diversos setores da indústria, além de cientistas e políticos renomados. Além disso, os engenheiros formados nas Écoles Centrale francesas são altamente requisitados desde o seu ingresso no mercado de trabalho.

Alunos célebres[editar | editar código-fonte]

Referências e Ligações externas[editar | editar código-fonte]