Adrien-Henri de Jussieu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Daguerreótipo de Adrien-Henri de Jussieu, 1851

Adrien-Henri de Jussieu (Paris, 23 de dezembro de 1797Paris, 29 de junho de 1853) foi um médico e botânico francês.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filho do botânico Antoine Laurent de Jussieu. Após seus estudos de medicina em Paris ( 1824), substituiu seu pai na cátedra de botânica do Jardim das Plantas de Paris em 1826.

A sua tese foi sobre as Euphorbiaceae: De euphorbiacearum generibus medicisque earumdem viribus tentamen. Esta tese é seguida por numerosos trabalhos sobre as Rutáceas, as Meliaceae, as Malpighiaceae, e outras famílias botânicas.

Foi aceito em 8 de agosto de 1831 como membro da Academia das Ciências da França.

Em 1839, publicou Recherches sur la structure des plantes monocotylédones e sobretudo seu Cours élémentaire de botanique que será utilizado por gerações de estudantes.

Em 1845, substituiu como professor de organografia vegetal na Sorbonne, Étienne Geoffroy Saint-Hilaire. No mesmo ano, publicou a sua Géographie botanique. Em 1846, publicou em Paris a obra Géographie botanique. Além dos livros produziu diversas monografias, sendo o mais notável o referente a família das Malpighiaceae.

Em 1853, assume como presidente da Academia das Ciências.

A sua referência botânica é abreviada geralmente como Adr. Juss. , e também às vezes como A. Juss..

O asteróide 9470 Jussieu foi nomeado para homenagear a família Jussieu.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Cours élémentaire de botanique Paris. (1845)
  • Géographie botanique Paris. (1845)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]



Wikipedia-pt-hist-cien-logo.png Portal de história da ciência. Os artigos sobre história da ciência, tecnologia e medicina.